Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu agradece mobilização de fãs

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemNicko McBrain, do Iron Maiden, mostra o seu novo (e enorme) kit de bateria

imagemO reencontro entre Steve Harris e Paul Di'Anno na Croácia

imagemEvanescence coloca baixista no cargo de guitarrista e anuncia nova baixista

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemGene Simmons compartilha tweet com meme da ex-presidente Dilma Rousseff

imagemDave Mustaine, do Megadeth, inicia vida de youtuber e mostra o ônibus de turnê da banda

imagemDee Snider cutuca bandas com falsas aposentadorias e ingressos caros

imagemFrank Zappa disse a Steve Vai que ele soava como "um pão com mortadela elétrico"

imagemRoger Daltrey revela a música "amaldiçoada" que o The Who não toca mais ao vivo

imagemEddie aparece em versão samurai no primeiro show do Iron Maiden em 2022; veja foto

imagemO clássico do Helloween que fez Angra mudar nome original de "Running Alone"

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis


Stamp

Crucified Barbara: o hard sueco não vive mais só do Europe

Resenha - Crucified Barbara (Inferno Club, São Paulo, 15/11/2012)

Por Otávio Augusto Juliano
Em 20/11/12

O feriado era de comemoração da Proclamação da República no Brasil, mas em São Paulo, para quem esteve no Inferno Club, a noite serviu para comemorar a vinda das suecas do CRUCIFIED BARBARA pela primeira vez ao país.

Fotos por Bárbara Martins

Com 6 datas agendadas para o Brasil, a vinda das garotas já era bastante esperada por aqui, afinal é mais um expoente grupo proveniente de Estocolmo, de onde não param de nascer bandas de Sleaze, Glam e Hard Rock.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

O CRUCIFIED BARBARA é a banda só de mulheres que apareceu dentre tantos outros nomes suecos que surgiram na última década, alguns que inclusive já passaram por aqui, como o CRASHDIET, o VAINS OF JENNA e o CRAZY LIXX (lembram da banda VIXEN? Grupo feminino que surgiu nos anos 80, em Los Angeles, em meio a todo o sucesso de POISON, MÖTLEY CRÜE e GUNS N’ ROSES? É mais ou menos isso, guardada a época).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Faz muito tempo que o Hard Rock sueco não vive mais só do grupo EUROPE e mais uma vez foi um enorme prazer receber outro importante nome da cena Hard sueca no Brasil. Essas garotas esbanjam atitude e sabem fazer muito bem um verdadeiro e autêntico show de Rock.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Às 22:30h elas subiram ao palco para dar início ao concerto, logo de cara com a agitada "The Crucifier", faixa de abertura do mais recente álbum da banda, "The Midnight Chase" (2012).

As suecas têm três álbuns lançados até agora e o set list, embora calcado no lançamento mais atual, trouxe canções de todos esses discos e ainda um cover muito especial para "Killed By Death", do MOTÖRHEAD, com a guitarrista Klara Force assumindo o vocal.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Antes de anunciar a música "Into The Fire", a baixista Ida Evileye aproveitou para dizer que era um antigo sonho da banda tocar no Brasil. E ela nem precisava dizer isso, pois durante toda a apresentação esteve estampada no rosto das quatro garotas a felicidade de tocar por aqui. Com uma lata de cerveja na mão, Ida terminou sua fala com um brinde a todos e um "saúde" em um português cheio de sotaque.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Aliás, se eu falei acima que elas esbanjam atitude, faltou dizer que esbanjam simpatia também. Bastante comunicativas, elas foram atenciosas com o público e receberam de volta muita energia da plateia, que inclusive gritou o nome de cada uma das integrantes.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Mesmo sem estar totalmente lotado, a agitação do público no Inferno Club foi geral, com destaque para "Sex Action" que fez muitos fãs pularem, e "Losing The Game", que fechou a primeira parte do show, às 23:30h. A volta para o bis se deu com a lenta "Count Me In" e a dobradinha final de sucessos do primeiro disco do grupo, "Rock 'n' Roll Bachelor" e "In Distortion We Trust".

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Foi um feriado para se "proclamar" em alto e bom som o Hard Rock sueco, representado por garotas rockeiras que não deixam nada a desejar para qualquer marmanjo. Voltem em breve Mia, Klara, Ida e Nicki!

Antes do CRUCIFIED BARBARA, o esquenta para o show principal da noite ficou a cargo da também feminina banda GIRLIE HELL e do SIOUX 66.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

De Goiás, a banda GIRLIE HELL trouxe um set de aproximadamente 30 minutos, com canções autorais, extraídas do álbum "Get Hard", primeiro disco do grupo, lançado em 2012 pela gravadora Monstro Discos. Vale a pena conferir o trabalho dessas garotas brasileiras (veja links e mais informações abaixo), que fazem um som pesado que mistura a pegada do Hard Rock e do Metal, com influências de L7 e GIRLSCHOOL.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Já os paulistanos do SIOUX 66 trouxeram um set também de cerca de 30 minutos, com canções próprias, cantadas em português, e ainda algumas ótimas versões de clássicos do PANTERA, SKID ROW e GUNS N’ ROSES, mostrando que a banda flerta tanto com o Metal quanto com o Hard Rock dos anos 80/90. Trazendo músicas do seu recente EP de estreia, assim como o GIRLIE HELL, o SIOUX 66 é outra banda nacional que merece atenção e vale a audição do EP dos caras, que pode ser ouvido na íntegra no site oficial da banda (links e mais informações também abaixo).

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Agradecimentos a Solid Produtora e Inferno Club pela atenção e credenciamento.

Banda:
Mia Coldheart – vocal, guitarra
Klara Force – guitarra, backing vocals
Ida Evileye – baixo, backing vocals
Nicki Wicked – bateria

Set List:
1. The Crucifier
2. Play Me Hard
3. Rock Me Like the Devil
4. Bad Hangover
5. Shut Your Mouth
6. Jennyfer
7. Pain & Pleasure
8. Rules and Bones
9. Into the Fire
10. Sex Action
11. Everything We Need
12. Killed by Death (MOTÖRHEAD)
13. Losing the Game

Bis:
14. Count Me In
15. Rock 'n' Roll Bachelor
16. In Distortion We Trust

GIRLIE HELL
http://www.girliehell.com
http://www.myspace.com/girliehelll

SIOUX 66
http://sioux66.com.br
http://www.myspace.com/sioux_66

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Crucified Barbara: A curiosa origem do nome da banda



Sobre Otávio Augusto Juliano

Otávio é paulistano, tem 29 anos e faz algo nada a ver com o Rock: é advogado. Por gostar muito de música e não possuir talento algum para tocar instrumentos musicais, tornou-se um comprador compulsivo de cds. Sempre interessado em leitura ligada ao Rock e Metal, começou a enviar algumas pequenas colaborações para a Whiplash e hoje contribui principalmente com textos relacionados ao Hard Rock, estilo musical de sua preferência. De qualquer forma, é eclético e não dispensa álbuns de todas as demais vertentes do Metal, sendo fã incondicional de W.A.S.P., Mötley Crüe e dos trabalhos do guitarrista Steve Stevens.

Mais matérias de Otávio Augusto Juliano.