Matérias Mais Lidas

Van Halen: Yngwie Malmsteen explica que não era somente a técnicaVan Halen
Yngwie Malmsteen explica que não era somente a técnica

Lamb Of God: Chris Adler diz que saiu da banda por conta do ambiente tóxicoLamb Of God
Chris Adler diz que saiu da banda por conta do ambiente "tóxico"

Nirvana: sobre o que Kurt Cobain canta em Smells Like Teen Spirit, segundo GrohlNirvana
Sobre o que Kurt Cobain canta em "Smells Like Teen Spirit", segundo Grohl

Black Sabbath: quem demitiu Ozzy Osbourne no fim dos anos 70, segundo IommiBlack Sabbath
Quem demitiu Ozzy Osbourne no fim dos anos 70, segundo Iommi

Iron Maiden: Dennis Stratton diz que guitarras gêmeas na banda foi ideia deleIron Maiden
Dennis Stratton diz que guitarras gêmeas na banda foi ideia dele

Vida de rockstar: sexo, drogas e mau comportamentoVida de rockstar
Sexo, drogas e mau comportamento

Jerry Lee Lewis: o dia em que ele quase matou John LennonJerry Lee Lewis
O dia em que ele quase matou John Lennon

Smith/Kotzen: confira vídeo oficial de Scars, nova música da duplaSmith/Kotzen
Confira vídeo oficial de "Scars", nova música da dupla

Megadeth: Dave Mustaine assina com a Gibson para lançar linha própria de guitarrasMegadeth
Dave Mustaine assina com a Gibson para lançar linha própria de guitarras

Iron Maiden: as 10 melhores músicas lançadas pela banda nos turbulentos anos 1990Iron Maiden
As 10 melhores músicas lançadas pela banda nos turbulentos anos 1990

Kerrang: 10 bandas que não estariam aqui sem o KornKerrang
10 bandas que não estariam aqui sem o Korn

Metallica: o álbum do Soundgarden que inspirou a criação de Enter SandmanMetallica
O álbum do Soundgarden que inspirou a criação de "Enter Sandman"

AC/DC: refrão de Highway To Hell surgiu enquanto Angus Young estava fazendo o número 2AC/DC
Refrão de "Highway To Hell" surgiu enquanto Angus Young estava fazendo o número 2

Supla: vocalista diz o que acha sobre pessoas que pedem a volta da ditadura militarSupla
Vocalista diz o que acha sobre pessoas que pedem a volta da ditadura militar

Lollapalooza Brasil: adiamento deve ser anunciado a qualquer momento, diz jornalistaLollapalooza Brasil
Adiamento deve ser anunciado a qualquer momento, diz jornalista


Stamp

Crosby, Stills & Nash: Paz de espírito e tranquilidade

Resenha - Crosby, Stills & Nash (Chevrolet Hall, Belo Horizonte, 12/05/2012)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá
Enviar Correções  

O Chevrolet Hall é o local mais habitado a receber eventos de peso em BH. Assim, não poderia ser outro o lugar a receber o icônico trio de folk rock. Os artistas mereciam nada menos que lotação esgotada. Portanto, aos poucos a casa foi enchendo. O palco antes do show estava todo azul. Uma cor que traduz muito bem a sensação que o trio traz com sua música: paz de espírito e tranquilidade.

O espetáculo foi simplesmente uma coisa linda, linda de se ver, ouvir, sentir. A música te faz involuntariamente sorrir, bater palmas, dançar. Crosby disse que eles estavam contentes de estar ali. Bem, isso foi tamanha generosidade, pois eles que faziam o público se sentir contente por estar ali presenciando a magia que eles traziam.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A banda é deliciosa. A harmonia entre os três é inacreditável, toda ela engendrada pelo regente Graham Nash. A voz de David Crosby é totalmente incompatível com seus setenta anos, com sua potência às vezes velada pela fragilidade de uma pétala de rosa. Stephen Stills é absolutamente impetuoso e deixa evidente por que figura entre os maiores guitarristas de todos os tempos, tirando solos de fazer doer o coração.

Revisitando a emblemática apresentação no festival de Woodstock em 1969, o espetáculo contou com hinos que hipnotizam provocando um estado de êxtase. Os clássicos não foram deixados de fora, para o deleite da platéia: iniciando com Carry On, passando por Marrakesh Express, Long Time Gone até mesmo Bluebird, do Buffalo Springsfield, interrompidos por um intervaldo com pausa de 15 minutos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Foram momentos de contemplação, estampados com um inevitável sorriso no rosto. Uma sonoridade que te faz uma terna massagem no ânimo, acariciando-o. Eles são originais e ainda fazem o mesmo som do psicodélico final dos anos 60. E jamais mudaram, pois esse som é atemporal. Seja porque surgiu à frente de uma geração, sendo moderno até os dias de hoje, seja porque, simplesmente, certas coisas não mudam. Enfim, a viagem valeu o ingresso, que foi o preço pago para se entrar numa caixa musical mágica.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


publicidade
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Como consegui viver de Rock e Heavy Metal


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Monsters of Rock: a feijoada que quase derrubou King DiamondMonsters of Rock
A feijoada que quase derrubou King Diamond

Heavy Metal: quais as 10 melhores vozes da história?Heavy Metal
Quais as 10 melhores vozes da história?


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.