Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu, em busca de emprego, pede ajuda a seguidores

imagemGene Simmons faz passagem de som antes de show do Kiss com roupa inusitada

imagemPaul McCartney lista os cinco músicos que formariam sua banda dos sonhos

imagemRegis Tadeu explica porque o vinil e o Spotify vão despencar e o CD vai bombar

imagemBill Hudson comenta sobre falta de público de Angra e outras bandas nos EUA

imagemMax Cavalera e o conselho dado por Ozzy Osbourne: "ambos nos sentimos traídos"

imagemJames Hetfield se emociona profundamente no show de BH e é amparado pelos amigos e fãs

imagemDez grandes músicas do Iron Maiden escritas pelo vocalista Bruce Dickinson

imagemDave Mustaine mostra a forma curiosa como se aquece antes de um show do Megadeth

imagemMax Cavalera é criticado por ucranianos pelo apoio a Rússia em 2014

imagemConheça a "melhor banda com as melhores músicas" para Robert Smith, do The Cure

imagemAbba e a imensa importância do Deep Purple na sonoridade de suas músicas clássicas

Marcello Pompeu: ele conta por que não se posiciona politicamente, apesar de cobranças

imagemQueen e a artimanha infantil de Roger Taylor pra ganhar mais dinheiro que os outros

imagemBlind Guardian divulga capa, nomes e duração das faixas de seu novo álbum


Stamp

Death Angel: o prodígio da Bay Area não decepcionou Recife

Resenha - Death Angel (Clube Internacional, Recife, 30/10/2010)

Por Pablo Vilela
Fonte: Música na Bagagem
Em 16/11/10

Noite de 30 de Outubro. O tradicional calor pernambucano fazia com que todos os presentes no Clube Internacional do Recife suassem ainda mais com a expectativa do aguardado show do Death Angel. Após uma abertura correta da banda pernambucana Cruor, que despejou seu potente Thrash Metal com direito a cover do Sepultura, Escape to the Void, o público estava mais do que aquecido para a entrada dos prodígios da Bay Area.

E a banda não decepcionou! Entraram com força total emplacando I Chose the Sky com muita animação e movimentação de palco. O som estava impecável e o público correspondia à empolgação da banda participando nas intensas rodas de pogo e cantando junto com o vocalista Mark Osegueda, que com seus enormes dreadlocks não deixava ninguém parado.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Quem esperava por alguma balada como A Room With a View, ficou sem respiração porque o setlist trouxe apenas pedradas rápidas e intensas de todos os álbuns da banda. As cinco músicas tocadas do novo álbum, Relentless Retribution, provaram que além de ser um fantástico álbum de estúdio, as músicas têm enorme força ao vivo que empolgam todos os bangers presentes.

Obviamente os clássicos como Seemingly Endless Time e Thrashers deixaram o público tão empolgado e as rodas mais aceleradas fazendo com que os seguranças enlouquecessem na tentativa de segurar a grade de proteção do palco. Era visível a empolgação dos músicos que se comunicavam com a platéia todo o tempo, distribuíam água e energéticos aos fãs que transpiravam enquanto "bangeavam" nas grades.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Impressionante também a movimentação de palco e a técnica dos guitarristas Rob Cavestany e Ted Aguilar que duelavam com suas guitarras deixando todos boquiabertos. Kill as One foi o golpe de misericórdia, fazendo com que todos cantassem juntos e colocassem para fora o que restava de forças após um show tão intenso.

A banda se despediu de todos distribuindo palhetas, água e sorrisos, agradecendo muito ao público e dando um show de simpatia. O guitarrista Ted Aguilar com um sorriso enorme filmava toda reação e os calorosos aplausos dos headbangers que deixaram o local exaustos, mas muito felizes.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de Death Angel (Clube Internacional, Recife, 30/10/2010)

Resenha - Death Angel (Clube Internacional, Recife, 30/10/2010)

Resenha - Death Angel (Clube Internacional, Recife, 30/10/2010)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Loudwire: Os 10 melhores álbuns de Thrash NAO lançados pelo Big 4