Slayer: As letras da banda não expressam a fé de Araya

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fred Duba, Fonte: Edmonton Sun
Enviar correções  |  Comentários  | 

Jenny Feniak do Edmonton Sun entrevistou em julho de 2006 o vocalista e baixista do Slayer, Tom Araya. Confira alguns trechos da matéria.

2410 acessosMetal Hammer: As 22 melhores músicas old-school do Thrash Metal5000 acessosPink Floyd - Perguntas e Respostas

Sobre estar na “banda mais malvada do mundo”:

Tom Araya: Tudo pela diversão – esse é o ponto principal. Se achamos que algo é legal, nojento e criativo, estamos dentro.

Sobre ainda serem uma banda respeitada dentro do estilo mesmo após 25 anos de carreira:

Tom Araya: Nossa visão com relação à banda tem sido a mesma desde o começo; isso nunca mudou. Nunca nos envergonhamos do motivo pelo qual e de como nós começamos, mas amadurecemos em todos os aspectos.

Sobre o início da banda:

Tom Araya: Simplesmente as coisas soaram maravilhosas, então eu entrei na banda, fácil assim. Eles [Kerry, Jeff e Dave] estavam afim; conhecíamos as músicas, sabe. É meio difícil achar pessoas tão comprometidas com uma banda quanto esses caras eram. Não queríamos ser como aquelas hair bands que eram a moda na época. Não queríamos parecer mulheres; Queríamos parecer homens com maquiagem de homem. Isso era uma obrigação. Então fizemos completamente o oposto disso, o que incluia ser malvado e ter toda aquela postura satanista. E aquele lance do nosso primeiro álbum ser Lado 6 e Lado 66 (ao invés de Lado A e Lado B), as pessoas ficaram malucas com aquilo.

Sobre possíveis conflitos entre sua fé católica e o material da banda:

Tom Araya: Kerry já pegou pesado em muitas coisas que escreveu. Mas se é um bom material, não sou eu quem vai dizer 'Isso é um lixo porque vai contra a minha fé.' Pra mim é mais como, 'Isso está muito bom. Você vai deixar muita gente enraivecida com isso.' As pessoas têm sérios probelmas com isso e me perguntam, 'Você não se incomoda?' não, não me incomodo. Eu sou experiente, tenho uma fé muito forte, e isso só são palavras que não vão prejudicar minha fé ou mudar meus sentimentos. Se as pessoas chegam a duvidar de sua fé, é porque não estão tão confiantes nela, já que se sentem ameaçadas por causa de um livro ou de um história que alguém contou, ou por causa de uma música do SLAYER.

Sobre a cena metal atual:

Tom Araya: O metal é como uma serpente que está na água, que de vez enquando sobe e você pode ver suas escamas e suas curvas. Aí ela submerge por um tempo e então retorna à superfície novamente. Acho que agora está no seu momento. Está na superfície e dando umas voltinhas. Dê mais alguns anos e ela vai retornar ao fundo e aí ela vai se tornar parte do underground, e então toda a molecada da proxima geração irá redescobrir quem começou com isso tudo, e então haverá reuniões...

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Metal HammerMetal Hammer
As 22 melhores músicas old-school do Thrash Metal

125 acessosEm 04/08/2006: Slayer lança o álbum Christ Illusion78 acessosEm 16/11/1984: Slayer lança o álbum ao-vivo Live Undead56 acessosEm 03/11/2009: Slayer lança o álbum World Painted Blood0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slayer"

Heavy MetalHeavy Metal
"Cristãos podem aprender muito com o gênero"

Tom ArayaTom Araya
Filha explica o famoso olhar de vergonha adolescente

SlayerSlayer
King compara contratação de Holt a Brian Johnson no AC/DC

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Cristianismo"0 acessosTodas as matérias sobre "Slayer"


Pink FloydPink Floyd
Perguntas e respostas e curiosidades

Guitarras e BaixosGuitarras e Baixos
Perguntas e respostas sobre os instrumentos

MotivaçãoMotivação
10 músicas de metal que melhorarão sua auto-estima

5000 acessosLed Zeppelin: "Stairway To Heaven" vale mais de US$500 milhões?5000 acessosBateristas: os dez músicos mais loucos de todos os tempos5000 acessosLemmy: "Radiohead e Coldplay são bandas sub-emo"4155 acessosJudas Priest: os dez melhores álbuns de Metal para Rob Halford5000 acessosKerry King: ele não entende como alguém pode gostar de Limp Bizkit5000 acessosReunião: cinco retornos inesperados no rock/metal em 2016

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 19 de dezembro de 2015


Sobre Fred Duba

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online