Slayer: As letras da banda não expressam a fé de Araya

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Por Fred Duba, Fonte: Edmonton Sun
Enviar correções  |  Comentários  | 

Jenny Feniak do Edmonton Sun entrevistou em julho de 2006 o vocalista e baixista do Slayer, Tom Araya. Confira alguns trechos da matéria.

1261 acessosSlayer: em vídeo, dez maiores covers feitas por outras bandas5000 acessosLed Zeppelin: as crianças da capa de "Houses Of The Holy"

Sobre estar na “banda mais malvada do mundo”:

Tom Araya: Tudo pela diversão – esse é o ponto principal. Se achamos que algo é legal, nojento e criativo, estamos dentro.

Sobre ainda serem uma banda respeitada dentro do estilo mesmo após 25 anos de carreira:

Tom Araya: Nossa visão com relação à banda tem sido a mesma desde o começo; isso nunca mudou. Nunca nos envergonhamos do motivo pelo qual e de como nós começamos, mas amadurecemos em todos os aspectos.

Sobre o início da banda:

Tom Araya: Simplesmente as coisas soaram maravilhosas, então eu entrei na banda, fácil assim. Eles [Kerry, Jeff e Dave] estavam afim; conhecíamos as músicas, sabe. É meio difícil achar pessoas tão comprometidas com uma banda quanto esses caras eram. Não queríamos ser como aquelas hair bands que eram a moda na época. Não queríamos parecer mulheres; Queríamos parecer homens com maquiagem de homem. Isso era uma obrigação. Então fizemos completamente o oposto disso, o que incluia ser malvado e ter toda aquela postura satanista. E aquele lance do nosso primeiro álbum ser Lado 6 e Lado 66 (ao invés de Lado A e Lado B), as pessoas ficaram malucas com aquilo.

Sobre possíveis conflitos entre sua fé católica e o material da banda:

Tom Araya: Kerry já pegou pesado em muitas coisas que escreveu. Mas se é um bom material, não sou eu quem vai dizer 'Isso é um lixo porque vai contra a minha fé.' Pra mim é mais como, 'Isso está muito bom. Você vai deixar muita gente enraivecida com isso.' As pessoas têm sérios probelmas com isso e me perguntam, 'Você não se incomoda?' não, não me incomodo. Eu sou experiente, tenho uma fé muito forte, e isso só são palavras que não vão prejudicar minha fé ou mudar meus sentimentos. Se as pessoas chegam a duvidar de sua fé, é porque não estão tão confiantes nela, já que se sentem ameaçadas por causa de um livro ou de um história que alguém contou, ou por causa de uma música do SLAYER.

Sobre a cena metal atual:

Tom Araya: O metal é como uma serpente que está na água, que de vez enquando sobe e você pode ver suas escamas e suas curvas. Aí ela submerge por um tempo e então retorna à superfície novamente. Acho que agora está no seu momento. Está na superfície e dando umas voltinhas. Dê mais alguns anos e ela vai retornar ao fundo e aí ela vai se tornar parte do underground, e então toda a molecada da proxima geração irá redescobrir quem começou com isso tudo, e então haverá reuniões...

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Riffs parecidosRiffs parecidos
ZZ Top, Motorhead, Slayer, Metallica, A7X e outros

1261 acessosSlayer: em vídeo, dez maiores covers feitas por outras bandas1741 acessosPantera: em vídeo de 1989, tocando Slayer com Kerry King0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slayer"

Kerry KingKerry King
"Metallica e Iron Maiden vivem do passado"

SlayerSlayer
O que acontece quando tentam tocar com um violão?

SlayerSlayer
Treta entre King e Araya por causa do Trump? Kerry explica

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Cristianismo"0 acessosTodas as matérias sobre "Slayer"


Led ZeppelinLed Zeppelin
As crianças da capa de "Houses Of The Holy"

GuitarristasGuitarristas
Os sete mais influentes de todos os tempos

Metal ModernoMetal Moderno
5 bandas aptas a se tornarem clássicas

5000 acessosMetal para Bebês: canções de ninar para filhos headbangers5000 acessosIron Maiden: Bruce e banda se emocionam em show na Suécia5000 acessosMusic Radar: Os maiores frontmen de todos os tempos4524 acessosMúsica Fácil: A história da guitarra Flying V5000 acessosRoger Moreira: Críticas depois de comentário sobre ciclovia que caiu5000 acessosHeadbangers: o preconceito mostrado em vídeo bem-humorado

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 19 de dezembro de 2015
Post de 20 de novembro de 2017
Post de 20 de dezembro de 2017


Sobre Fred Duba

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.