Led Zeppelin: Page diz que shows de reunião são improváveis

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nathália Plá, Fonte: blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 14/11/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O guitarrista do LED ZEPPELIN, Jimmy Page, afirma que "parece bem pouco provável" que a banda venha a tocar de novo.

5000 acessosWhitesnake: Coverdale fala de novo disco e lamenta por Jimmy Page5000 acessosSlayer: decoração de Natal sincronizada com Raining Blood

O LED ZEPPELIN subiu ao palco no dia 10 de dezembro de 2007 como atração principal em um show em tributo ao caro amigo e fundador da Atlantic Records, Ahmet Ertegun. O que se seguiu foi uma apresentação de mais de duas horas do rock 'n' roll infundido em blues característico da banda que instantaneamente se tornou parte da lenda que é o LED ZEPPELIN. Apesar de 20 mil pessoas terem se inscrito para aquisição de ingressos, o primeiro show da banda em 27 anos foi visto por apenas 18.000 pessoas que tiveram sorte o bastante para assegurar um assento nessa loteria mundial.

Durante uma aparição na edição da noite passada (terça-feira, 13 de novembro) do programa de tv da BBC, "Later... With Jools Holland", Page disse (assista o video abaixo): "Já se passaram quase cinco anos do show na O2 e devo dizer que achei que pudesse ter havido alguma outra reunião por uma alguma razão ou outra mas, com o passar dos anos, não parece muito provável, não é? Mas [pelo menos esse show] está aí."

Page disse recentemente ao NME.com que se passaram dois anos até que ele e o resto do ZEPPELIN assistissem as imagens de seu show de reunião de 2007, e mais outros três antes dele estar pronto para lançamento. Ele disse, "Era importante que se fôssemos fazer uma reunião, que fôssemos lá e fizéssemos direito. Investimos muito tempo e esforço nisso para que ficasse como o que vocês irão ver agora, que é apenas um show – é tudo o que fizemos, sem apresentações de aquecimento, sem sequencias. Ele não foi desenhado para ser um filme, de maneira alguma. É por isso que levou um tempo para sair, porque nós nem sequer olhamos para isso até depois de dois anos que fizemos, então nós poderíamos ser um pouco mais objetivos em relação a isso."

A gravação do "Celebration Day" teve um lançamento mundial nos cinemas pela Omniverse Vision em 1.500 telas em mais de 40 territórios no dia 17 de outubro.

O "Celebration Day" estará então disponível em múltiplos formatos de áudio e vídeo no dia 19 de novembor pela Swan Song/Atlantic Records.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

WhitesnakeWhitesnake
Coverdale diz que haverá um novo disco e lamenta por Jimmy Page

2130 acessosChris Cornell: última canção foi "In My Time of Dying"552 acessosDesert Trip: festival não será realizado em 20170 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Led Zeppelin"

Led ZeppelinLed Zeppelin
Os depoimentos de Page e Plant no julgamento por plágio

Backward MessagesBackward Messages
Mensagens ao contrário em músicas de Rock

Led ZeppelinLed Zeppelin
As cópias e plágios da banda, segunda parte

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"

SlayerSlayer
Decoração de Natal sincronizada com Raining Blood

ScorpionsScorpions
A história por trás da música "Wind of Change"

Black SabbathBlack Sabbath
Rob Halford conta como foi substituir Ozzy

5000 acessosMetallica: fãs pediam que eles transassem com suas namoradas?5000 acessosCorey Talor: "Axl é um pau no cu e quem espera por ele é otário"5000 acessosCapas: Os grandes artistas do rock progressivo5000 acessosHugo Mariutti: "considero Reason o último disco do Shaman"5000 acessosCliff Burton: um hippie headbanger5000 acessosAC/DC e 2Cellos: como "Thunderstruck" soaria alguns séculos atrás

Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online