Paul McCartney: 78 anos do ex-Beatles; veja 5 álbuns de sua carreira solo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Everton Santos
Enviar Correções  

O ex-Beatles, cantor, compositor e multinstrumentistas, PAUL MCCARTNEY, comemorou ontem 78 anos de idade. Após o fim do BEATLES PAUL firmou uma carreira solo e com sua banda THE WINGS. Veja abaixo 5 álbuns para conhecer sua carreira solo.

Paul McCartney: em seu 78° aniversário, ele pede para você não comer mais carne

AC/DC: prostitutas revelam as esquisitices de Phil Rudd

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Band on the Run – Paul McCartney and The Wings

Terceiro álbum de sua carreira, lançado em 1973, é o seu álbum com maior sucesso comercial e o mais aclamado de sua carreira. Dois rocks enérgicos abrem o disco: primeiro "Band on the Run", que parece uma colagem, bem ao gosto de Paul, de três músicas distintas, e depois "Jet". Segue a bela balada "Bluebird". A coisa esquenta de novo com "Mrs. Vanderbilt". O blues pesado "Let Me Roll It" sempre lembra "She's so Heavy" do álbum "Abbey Road". "Mamunia" e "No Words" não comprometem, mas é a bêbada, e cheia de viradas, "Picasso's Last Words (Drink to Me)" e o rock progressivo de "Nineteen Hundred and Eighty Five" que mais empolgam no lado B.

A capa do disco tem uma história bem interessante, as fotos foram tiradas em Osterley Park, West London e traz os três músicos que gravaram o disco, PAUL, LKINDA e DENNY, além de outras personalidades, todas vestidas como prisioneiros. Estão na capa o ator Christopher Lee, o apresentador e jornalista Michael Parkinson, o ator e comediante Kenny Lynch, o também ator James Coburn, o político Clement Freud e o lutador John Conteh. Fazendo ligação com o título do disco, que traduz para algo como "banda em fuga", a capa mostra todos eles fugindo e sendo pegos como em filmes policiais.

Venus and Mars – Paul McCartney and The Wings

Quarto álbum do cantor, ainda com a banda WINGS. Nesse álbum, diferente do anterior, "Band on the Rum", o grupo contava apenas com o trio PAUL, LINDA E DENNY. Para o novo álbum, Paul chamou o guitarrista JIMMY MCCULLOCH e o baterista GEOFF BRITON para integrarem os WINGS.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Embora não tenha causado grande impacto como o álbum anterior, o álbum fez grande sucesso. A música de maior sucesso do álbum foi "Listen to What the Man Said", lançada em compacto pouco antes do lançamento do álbum atingiu o primeiro lugar na parada de sucesso dos Estados Unidos. Pouco após o lançamento do álbum saíram dois compactos um com a música "Letting go" e outro com "Venus and Mars" e "Rock Show".

McCartney – Paul McCartney

O primeiro álbum solo da carreira do cantor e multinstrumentista, lançado em abril de 1970, logo após a o fim dos BEATLES. O álbum é conhecido pelo fato de todos os instrumentos terem sido tocados por PAUL MCCARTNEY, além de ter gravado todos os vocais do álbum, exceto das gravações que ficaram por conta de sua esposa LINDA MCCARTNEY. Segundo o próprio PAUL, ele tocou baixo, bateria, guitarra, guitarra solo, piano, mellotron, órgão e xilofone de brinquedo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O primeiro álbum de McCartney não foi muito bem recebido pela crítica, que o considerou muito cru e soando muito caseiro. Mas mesmo assim o disco ainda alcançou o segundo lugar nas paradas do Reino Unido, e primeiro lugar nos Estados Unidos. A balada "Maybe I'm amezed" foi o grande sucesso do disco, ficando em primeiro lugar nas paradas e sendo a primeira música solo do ex-Beatles a chegar em primeiro lugar. É também a mais bonita e conhecida música de MCCARTNEY em sua carreira solo.

Ram – Paul McCartney

O segundo álbum de estúdio do cantor e aquele que rivaliza com o "Band on the rum" como a obra prima de PAUL MCCARTNEY. Como LENNON e YOKO, LINDA se tornou parceira de composição de MCCARTNEY. Gravado entre 1970 e 1971 e lançado no mesmo ano, o álbum contou com a participação DENNY SEIWELL na bateria, e que logo depois seria chamado por PAUL para compor o THE WINGS; contou também com a participação de DAVI SPINOZZA e HUGH MCCRAKEN nas guitarras.

O álbum atingiu o primeiro lugar nas paradas dos Estados Unidos e do Reino Unido, tendo como sucesso "Another day", lançado em um compacto antes do álbum e "Uncle Albert" que se tornou o maior sucesso do álbum.

McCartney II – Paul McCartney

Esse é o primeiro álbum de PAUL MCCARTNEY após o fim do WINGS. A banda se separou logo após o lançamento do disco em maio de 1980 marcando a retornada da carreira solo do cantor.

Assim como no "McCartney, o "McCartney II" teve todos os instrumentos tocados por PAUL, gravado em sua casa com 16 canais e com a supervisão técnica de Eddie Klein.

O álbum teve muitos sintetizadores e experimentação musical, variando de um Shynth pop a Música eletrônica. O grande sucesso do álbum ficou por conta do single "Comming Up" e teve uma aceitação negativa pela crítica por conta das experimentações e os sintetizadores.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Paul McCartney: em seu 78° aniversário, ele pede para você não comer mais carnePaul McCartney
Em seu 78° aniversário, ele pede para você não comer mais carne

Paul McCartney: em 1964 os Beatles rejeitaram ato de racismo nos EUAPaul McCartney
Em 1964 os Beatles rejeitaram ato de racismo nos EUA

Grana: quanto renderam os artistas e bandas de rock mais bem pagos do último anoGrana
Quanto renderam os artistas e bandas de rock mais bem pagos do último ano

Little Richard: Paul McCartney, seu aluno mais célebre, lamenta morte nas redesLittle Richard
Paul McCartney, seu aluno mais célebre, lamenta morte nas redes

Bumblefoot: Iron Maiden, The Police, Paul McCartney e mais em EP acústico de coversBumblefoot
Iron Maiden, The Police, Paul McCartney e mais em EP acústico de covers

Guns N' Roses: Trump criticado por tocar Live and Let Die em fábrica de máscarasGuns N' Roses
Trump criticado por tocar "Live and Let Die" em fábrica de máscaras

Dave Grohl: falando sobre como conheceu Paul McCartneyDave Grohl
Falando sobre como conheceu Paul McCartney

Beatles: Paul McCartney chegou a achar que era rival de John LennonBeatles
Paul McCartney chegou a achar que era rival de John Lennon

One World: Together At Home, lançado o álbum da "live das lives"

Beatles: por que a banda não seguiu sem John Lennon, segundo Paul McCartneyBeatles
Por que a banda não seguiu sem John Lennon, segundo Paul McCartney


Guitarristas: os dez mais ricos do Reino Unido em 2017Guitarristas
Os dez mais ricos do Reino Unido em 2017

Gene Simmons: elogios a Paul McCartney e ao dinheiroGene Simmons
Elogios a Paul McCartney e ao dinheiro


AC/DC: prostitutas revelam as esquisitices de Phil RuddAC/DC
Prostitutas revelam as esquisitices de Phil Rudd

Led Zeppelin: as crianças da capa do álbum Houses Of The HolyLed Zeppelin
As crianças da capa do álbum Houses Of The Holy


Sobre Everton Santos

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280