Em 11/05/1974: O encontro histórico entre Led Zeppelin e Elvis Presley

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Paulo Giovanni G. Melo, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

O Fórum de Los Angeles foi o palco de um dos maiores shows do LED ZEPPELIN, e também foi o local onde, em 11 de maio de 1974, a banda ficou cara a cara com seu maior herói.

Fotos de Infância: SlayerHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1984

Robert Plant, Jimmy Page e John Bonham estavam em Los Angeles, ostensivamente para o lançamento da gravadora Swan Song. Na noite depois da festa do lançamento no Hotel Bel Air, o baixista John Paul Jones decidiu participar do concerto de Elvis Presley no Fórum.

Em algum momento, Elvis parece ter sido alertado sobre a presença do grupo de rock na platéia, pois num determinado momento do show - que foi gravado e lançado posteriormente como "Live in L.A." - pode-se ouvir ele dizendo para sua banda: "esperem um minuto... se podemos começar juntos, companheiros, pois temos o LED ZEPPELIN aqui... vamos ver se dá para fazer algo que sabemos, se fazemos ou não."

O LED ZEPPELIN e o rei do rock tinham o mesmo promoter, Jerry Weintraub, que marcou o encontro depois do show entre as partes. Robert Plant mais tarde escreveu suas impressões sobre Presley: "o Zeppelin encontrou com Elvis após um de seus shows nos anos 70. Eu o enalteci. Ele não era tão alto como eu. Ele tinha corpo de cantor. Ele tinha aquele peito - que ressoava."

Plant revelou também algo engraçado no fim da noite. "Neste encontro, Jimmy Page brincou com Elvis dizendo que nós nunca checamos o som - mas se fizessemos isso, tudo o que eu queria fazer seria cantar as canções de Presley", disse ele. "Elvis achou aquilo engraçado e me questionou sobre quais músicas eu cantava. Eu disse a ele que gostava de várias, como a ótima música country 'Love Me' - 'Treat me like a fool / Treat me mean and cruel / But love me'. Então quando estávamos saindo, depois de 90 minutos iluminados e divertidos com o cara, eu estava andando pelo corredor. Ele nos chamou a atenção atrás da moldura da porta, parecendo bastante satisfeito consigo mesmo, e começou a cantar aquela canção: 'Treat me like a fool...'. Virei-me de volta a Elvis e ficamos ali, cantando juntos."

Os caminhos de Elvis Presley e do LED ZEPPELIN se cruzariam mais duas vezes ao longo dos anos 70. O próximo encontro aconteceu na casa de Elvis em Memphis, que Jerry Schilling, um notável membro da "Memphis Mafia", escreveu em seu livro chamado "Eu e um cara chamado Elvis". Depois de trocarem jóias entre si, o rei achou que poderia ser divertido fazer algo diferente.

"Antes da noite acabar, Elvis disse que gostaria de fazer outra troca. Então se levantou, olhou para John Bonham e disse 'vamos trocar as calças' enquanto ao mesmo tempo deixou sua calça do pijama cair por baixo de seu roupão. Richard Cole, o gerente da turnê do LED ZEPPELIN, ficou chocado e em silêncio enquanto Sheila e John caíram na gargalhada. Ninguém aceitou a oferta de Elvis, mas foi uma ótima forma de terminar a noite", lembrou Schilling.

O encontro final entre o LED ZEPPELIN e Elvis Presley foi no aeroporto de Baltimore, quando ambos estavam em turnê em 1977. David Stanley, meio irmão de Elvis, recordou o encontro mais tarde. "Houve uma outra vez que Presley cruzou com a banda, enquanto estava na estrada. Foi no aeroporto de Washington/Baltimore. Nós (a turnê de Elvis) tocamos em Washington e o LED ZEPPELIN tocou no Capital Centre. Chegamos no Lisa Marie, o jato particular de Elvis, e o LED ZEPPELIN chegou em seu Boeing 707, o Caesar's Chariot. Foi um puta espetáculo visual ver aqueles dois jatos estacionados lado a lado na pista."

Elvis Presley inspirou a maioria, se não todos, os grandes astros do Rock n'Roll dos anos 60 e 70 em diante. O LED ZEPPELIN não foge a esta regra e, quando seus caminhos se cruzaram, o que ficou foi a vibração para a banda e também para o próprio rei.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Fatos ImportantesTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"Todas as matérias sobre "Elvis Presley"


Dio: O Mestre cantando Black Dog, do Led ZeppelinDio
O Mestre cantando "Black Dog", do Led Zeppelin

Led Zeppelin: Perguntas e Respostas sobre a bandaLed Zeppelin
Perguntas e Respostas sobre a banda


Fotos de Infância: SlayerFotos de Infância
Slayer

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1984Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1984


Sobre Paulo Giovanni G. Melo

Mineiro de Belo Horizonte. Fã de Hard Rock e Heavy Metal, especialmente a partir dos anos 80, não dispensa um disco ao vivo destes estilos. Entre várias de suas bandas preferidas estão Ratt, Aerosmith, Buckcherry, The Cult, Whitesnake, Whitecross, Guns N' Roses e Motley Crue.

Mais matérias de Paulo Giovanni G. Melo no Whiplash.Net.

adGooILQ