Em 11/05/1974: O encontro histórico entre Led Zeppelin e Elvis Presley

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Paulo Giovanni G. Melo, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

O Fórum de Los Angeles foi o palco de um dos maiores shows do LED ZEPPELIN, e também foi o local onde, em 11 de maio de 1974, a banda ficou cara a cara com seu maior herói.

3222 acessosDream Theater: 10 dos melhores covers tocados pela banda5000 acessosRob Zombie: sua lista dos 5 Melhores Filmes de Zumbi

Robert Plant, Jimmy Page e John Bonham estavam em Los Angeles, ostensivamente para o lançamento da gravadora Swan Song. Na noite depois da festa do lançamento no Hotel Bel Air, o baixista John Paul Jones decidiu participar do concerto de Elvis Presley no Fórum.

Em algum momento, Elvis parece ter sido alertado sobre a presença do grupo de rock na platéia, pois num determinado momento do show - que foi gravado e lançado posteriormente como "Live in L.A." - pode-se ouvir ele dizendo para sua banda: "esperem um minuto... se podemos começar juntos, companheiros, pois temos o LED ZEPPELIN aqui... vamos ver se dá para fazer algo que sabemos, se fazemos ou não."

O LED ZEPPELIN e o rei do rock tinham o mesmo promoter, Jerry Weintraub, que marcou o encontro depois do show entre as partes. Robert Plant mais tarde escreveu suas impressões sobre Presley: "o Zeppelin encontrou com Elvis após um de seus shows nos anos 70. Eu o enalteci. Ele não era tão alto como eu. Ele tinha corpo de cantor. Ele tinha aquele peito - que ressoava."

Plant revelou também algo engraçado no fim da noite. "Neste encontro, Jimmy Page brincou com Elvis dizendo que nós nunca checamos o som - mas se fizessemos isso, tudo o que eu queria fazer seria cantar as canções de Presley", disse ele. "Elvis achou aquilo engraçado e me questionou sobre quais músicas eu cantava. Eu disse a ele que gostava de várias, como a ótima música country 'Love Me' - 'Treat me like a fool / Treat me mean and cruel / But love me'. Então quando estávamos saindo, depois de 90 minutos iluminados e divertidos com o cara, eu estava andando pelo corredor. Ele nos chamou a atenção atrás da moldura da porta, parecendo bastante satisfeito consigo mesmo, e começou a cantar aquela canção: 'Treat me like a fool...'. Virei-me de volta a Elvis e ficamos ali, cantando juntos."

Os caminhos de Elvis Presley e do LED ZEPPELIN se cruzariam mais duas vezes ao longo dos anos 70. O próximo encontro aconteceu na casa de Elvis em Memphis, que Jerry Schilling, um notável membro da "Memphis Mafia", escreveu em seu livro chamado "Eu e um cara chamado Elvis". Depois de trocarem jóias entre si, o rei achou que poderia ser divertido fazer algo diferente.

"Antes da noite acabar, Elvis disse que gostaria de fazer outra troca. Então se levantou, olhou para John Bonham e disse 'vamos trocar as calças' enquanto ao mesmo tempo deixou sua calça do pijama cair por baixo de seu roupão. Richard Cole, o gerente da turnê do LED ZEPPELIN, ficou chocado e em silêncio enquanto Sheila e John caíram na gargalhada. Ninguém aceitou a oferta de Elvis, mas foi uma ótima forma de terminar a noite", lembrou Schilling.

O encontro final entre o LED ZEPPELIN e Elvis Presley foi no aeroporto de Baltimore, quando ambos estavam em turnê em 1977. David Stanley, meio irmão de Elvis, recordou o encontro mais tarde. "Houve uma outra vez que Presley cruzou com a banda, enquanto estava na estrada. Foi no aeroporto de Washington/Baltimore. Nós (a turnê de Elvis) tocamos em Washington e o LED ZEPPELIN tocou no Capital Centre. Chegamos no Lisa Marie, o jato particular de Elvis, e o LED ZEPPELIN chegou em seu Boeing 707, o Caesar’s Chariot. Foi um puta espetáculo visual ver aqueles dois jatos estacionados lado a lado na pista."

Elvis Presley inspirou a maioria, se não todos, os grandes astros do Rock n'Roll dos anos 60 e 70 em diante. O LED ZEPPELIN não foge a esta regra e, quando seus caminhos se cruzaram, o que ficou foi a vibração para a banda e também para o próprio rei.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Dream TheaterDream Theater
10 dos melhores covers tocados pela banda

1195 acessosHard Rock e Metal: em vídeo, os dez álbuns mais vendidos nos EUA721 acessosLed Zeppelin: Bonham é homenageado com placa em sua cidade natal760 acessosLed Zeppelin: advogados exigem que reclamantes paguem as custas1427 acessosThem Crooked Vultures: Grohl diz que banda deve retornar em breve0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Led Zeppelin"

Rolling StoneRolling Stone
Site elege os 15 melhores álbuns homônimos

Live and DangerousLive and Dangerous
As 10 melhores bandas ao vivo

Stones, Led, Nazareth e outrosStones, Led, Nazareth e outros
Rockers que já gravaram Reggae

0 acessosTodas as matérias da seção Fatos Importantes0 acessosTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"0 acessosTodas as matérias sobre "Elvis Presley"

Mortos-VivosMortos-Vivos
Rob Zombie comenta os "Melhores Filmes de Zumbi"

Black SabbathBlack Sabbath
Tony Iommi explica a diferença entre Dio e Ozzy Osbourne

Anette OlzonAnette Olzon
"Eu fui demitida exatamente como Tarja também foi"

5000 acessosSlipknot: Veja membros atuais sem máscara5000 acessosEm 24/11/1991: Morre Freddie Mercury, aos 45 anos de idade5000 acessosLed Zeppelin: "Stairway To Heaven" vale mais de US$500 milhões?5000 acessosRocky III: Queen não cedeu canção para Sylvester Stallone5000 acessosMetallica: tudo sobre a icônica capa de ...And Justice For All5000 acessosListas: 10 melhores bandas da era pós-Nirvana

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 12 de maio de 2015
Post de 11 de maio de 2016
Post de 11 de maio de 2017

Sobre Paulo Giovanni G. Melo

Mineiro de Belo Horizonte. Fã de Hard Rock e Heavy Metal, especialmente a partir dos anos 80, não dispensa um disco ao vivo destes estilos. Entre várias de suas bandas preferidas estão Ratt, Aerosmith, Buckcherry, The Cult, Whitesnake, Whitecross, Guns N´ Roses e Motley Crue.

Mais matérias de Paulo Giovanni G. Melo no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online