Fallen Idol: Doom Metal "made in Brazil"

Resenha - Seasons of Grief - Fallen Idol

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Sobreira
Enviar correções  |  Ver Acessos

Doom Metal 'made in Brazil'... É isso mesmo! Formado no ano de 2012, o Fallen Idol lançou seu primeiro álbum auto-intitulado em 2015, e no ano seguinte, este 'Seasons of Grief' veio ao mundo, sem perder tempo algum. Gravado e produzido no Overdrive Estúdio, em São Paulo, por André Marques, entre dezembro de 2015 e fevereiro de 2016, o álbum, assim como o de estréia, apresenta 07 faixas em cerca de 40 minutos de boa música.

Gigwise: as capas mais polêmicas dos anos 2000AC/DC: os últimos dias do vocalista Bon Scott

Com algumas claras influências de medalhões do estilo como Candlemass e Solitude Aeturnus, a musicalidade não se prende somente a isso, mas para quem aprecia a sonoridade das cultuadas bandas, certamente é um prato cheio para se degustar sem medo de pecar.

Sendo um trio, é assustador ouvir o 'feeling' que emana desses músicos, em composições enriquecidas com peso e climas carregados e envolventes. Se já deixei claro que o lado musical é muito atraente, fique sabendo também que a sonoridade, pelo ponto de vista da captação e produção, é igualmente muito boa, e mostra que quando uma quer esse resultado, ela realmente consegue.

Embalado em um simples, mas charmoso digipack, e com arte feita por Tales Oliveira, 'Seasons of the Grief' aposta na variedade de suas sete composições, que vão de passagens mais tradicionais do estilo, com andamentos lentos (mas não tão moribundos), passando por outros, em mid-tempo e vez ou outra até uma levada mais rápida da bateria precisa. Em se tratando das cordas, as timbragens foram muito bem escolhidas e basta não apenas ouvir, mas sentir os riifs profundos e solos afiados que dão aquele toque especial.

Como apenas uma guitarra se faz presente, nada mais honroso para o baixo apoiar com firmeza, não apenas quando é necessário, mas em todos os momentos, com destaque. Já se tratando dos vocais, é inevitável não se lembrar do vocalista Robert Lowe, do supracitado Solitude Aeturnus, mas claro, sem soar como uma mera cópia, pois realmente o vocalista (e guitarrista) Rodrigo Sitta - que só ficou devendo um pouquinho com os vocais mais agudos, que não deram muito certo em alguns momentos - manda muito bem, bem como obviamente Márcio Silva e Ulisses Campos, em seus instrumentos.

Cada álbum nos apresenta surpresas, e a cada audição é uma viagem para descobrir o que de melhor uma banda quis nos oferecer. O Fallen Idol, tem tudo para continuar essa jornada por muitos e muitos anos, pois sabem o que querem e como fazer sua música, onde cada dia é, e ainda será, um constante aprendizado e aperfeiçoamento. E para os ainda incrédulos ao Metal Nacional, fiquem apresentados a mais uma banda de qualidade. Apoie, ouça e valorize!

Banda:
Rodrigo Sitta (vocal e guitarra);
Márcio Silva (baixo);
Ulisses Campos (bateria)

Faixas:
01. Seasons of Grief
02. Nobody's Life
03. Unceasing Guilt
04. Heading For Extinction
05. The Boy and the Sea
06. Worsheep Me
07. Satan's Cruxifixion.


Outras resenhas de Seasons of Grief - Fallen Idol

Fallen Idol: Guerreando pelo Doom Metal no BrasilFallen Idol: Homenagem ao Heavy/Doom Metal oitentista




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Fallen Idol"


Gigwise: as capas mais polêmicas dos anos 2000Gigwise
As capas mais polêmicas dos anos 2000

AC/DC: os últimos dias do vocalista Bon ScottAC/DC
Os últimos dias do vocalista Bon Scott

Metal Hammer: dez capas que provocam ânsia de vômitoMetal Hammer
Dez capas que provocam ânsia de vômito

Cults: 10 álbuns influentes que fracassaram nas vendasCults
10 álbuns influentes que fracassaram nas vendas

David Bowie: muito mais assustador que Michael JacksonDavid Bowie
Muito mais assustador que Michael Jackson

Gibson: Top 10 de baixistas que também lidam com vocaisGibson
Top 10 de baixistas que também lidam com vocais

Guns N' Roses: Axl agradece Grohl pela cadeira, veja alteraçõesGuns N' Roses
Axl agradece Grohl pela cadeira, veja alterações


Sobre Vitor Sobreira

Moro no interior de Minas Gerais e curto de tudo um pouco dentro do maravilhoso mundo da música pesada, além de não dispensar também uma boa leitura, filmes e algumas séries. Mesmo não sendo um profissional da escrita, tenho como objetivos produzir textos simples e honestos, principalmente na forma de resenhas, apresentando e relembrando aos ouvintes, bandas e discos de várias ramificações do Metal/Heavy Rock, muitos dos quais, esquecidos e obscuros.

Mais matérias de Vitor Sobreira no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336