RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemGuns N' Roses altera músicas no setlist em primeiro show da turnê de 2023

imagemO clássico do Black Sabbath cantado por Dio que inspirou música do Iron Maiden

imagemA incrível música que o Thin Lizzy não queria lançar, e acabou mudando a história da banda

imagemLars Ulrich diz que James Hetfield compensou a sua falta de talento no início do Metallica

imagemOs 15 maiores shows de rock da história segundo a Loudwire (Inclui um no Brasil)

imagem25 álbuns de rock sem nenhuma música ruim, segundo a Loudwire

imagemPaul Di'Anno: nos anos 2000, seus planos eram de se mudar e empreender no Brasil

imagem5 curiosidades que ajudam a contar a história do casamento de Nando Reis com Vânia

imagemQuem foi a primeira grande paixão de Cássia Eller?

imagemDavid Coverdale diz que poderia trabalhar novamente com Jimmy Page

imagemJoão Gordo revela único dos projetos de Andreas Kisser que ele não gosta de jeito nenhum

imagemGuitarrista do Enslaved diz que Euronymous era um "comunista convicto"

imagemO hit da Legião Urbana com triste frase que resume a profunda solidão de Renato Russo

imagemTimo Tolkki anuncia o projeto Strato, que reúne formação original do Stratovarius

imagemComo teria sido a carreira de Cazuza se não tivesse morrido? ChatGPT responde


Stamp

Devilment: Ouça sem comparar com o Cradle Of Filth

Resenha - Great And Secret Show - Devilment

Por FABIO LEONARDO LUZ GOMES
Postado em 24 de novembro de 2014

Nota: 7

A nova banda de Dani Filth chega aos nossos ouvidos com a infelizmente e inevitável sina de ser comparada a Cradle Of Filth.

A banda é novinha. Inglesa, iniciou suas atividades em 2011, passou por diversas mudanças de formação e, segundo comentários, nunca deu certo com vocalista nenhum. Até que o conterrâneo Dani Filth assumiu de vez esse posto e deu aquele empurrão profissional e motivador que a galera precisava para gravar e lançar seu álbum de estréia. Algumas amostras de músicas, muita especulação e cá está o álbum.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1

Vamos lá.

1)Por que a banda não deve(ria) ser comparada a Cradle Of Filth?

De cara, ouve-se um som muito menos extremo. Sem rufadas pra todo o lado. Blast beats? Esqueça. The Great And Secret Show tem uma pegada pesada, mas muito mais cadenciada (se comparado a Cradle Filth, claro), embora prime pela atmosfera sombria e a execute com maestria. Os teclados são menos complexos e orquestrados, aparecem menos também... Mas, quando o fazem, são decisivos. Os Riffs de guitarra ora são pesadíssimos, ora são groove, nos agraciando com faixas que vão desde uma rapidez Heavy/Thrash a até mesmo uma coisa mais comercial/pop. Mas não ficou ruim! Os músicos são talentosos, isso você percebe de cara! São criativos e juntos formaram um time excelente. Este debut se destaca pelo fato de cada faixa ter sua própria identidade (Coisa que nem Cradle Of Filth consegue sempre), possibilitando o ouvinte, a cada hora ou a cada dia, se encontrar preferindo uma faixa diferente. Os únicos momentos em que realmente buscam inspiração na banda do Dani Filth é na já conhecida "Mother Kali", sendo a faixa mais extrema do Debut, e pela obra dos teclados em "Staring At The Werewolf Corps": Faixa pesada e com aquele toque vitoriano no som que agrada qualquer fã do gênero. Fora essas, destaco aqui a excelente mescla de Dani Filth e vocais femininos em "Girl From Mistery Land", junto a elementos instrumentais extras que dão ao som, certas horas, um toque oriental. Se quiser procurar mais rapidez, vá ouvir "The Stake In My Heart", com a presença sutil e ideal dos teclados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 2

2) Por que a banda VAI ser comparada a Cradle Of Filth?

Bem, nem tudo é perfeito. Aqui, Devilment cometeu dois erros gravíssimos:

O primeiro está na produção. Ela parece ter ficado a cargo de, não sei, um amigo de longa data do Dani Filth? Um cara que já produziu vários álbuns de sua banda clássica? O resultado disso foi uma sonoridade instrumental igualzinha ao que Cradle Of Filth gravou nesses últimos tempos. Ouça algum dos álbuns mais recentes, "Godspeed And The Devil's Thunder", por exemplo. Sonoridade idêntica. Assim fica difícil, não acha? Talvez a banda se desse melhor com um som mais Cru. Guitarras mais sujas, cozinha mais abafada, algo mais para o lado do Deathrock. Talvez...

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 3

O segundo é o Dani Filth. Claro, eu iria chegar nele.

Não se engane, ele não está ruim. Seu desempenho esta excelente. Esta sendo o Dani Filth de sempre e qualquer fã dele irá ouvir este debut tranquilamente.

Entendeu o problema?

Desculpe, Dani Filth é um artista experiente. Ele deveria entender que o elemento mais marcante no Cradle Of Filth é o Dani Filth. Em qualquer lugar, em qualquer banda, se ele fizer exatamente o que faz no Cradle of Filth, que resultado ele terá? Este aqui. Produção + Vocal atirando essa banda promissora, talentosa, neste eterno poço de comparação irritante, que certamente vai impedi-la de alçar vôos mais altos, ao menos por enquanto. E é uma pena, porque eles merecem, leitor. Realmente merecem...

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 4

Enfim, seja bonzinho e tente o máximo possível não compará-los a Cradle Of Filth. Quando conseguir, diversão garantida!

The Great And Secret Show – Devilment

Tracklist:
01. Summer Arteries
02. Even Your Blood Group Rejects Me
03. Girl From Mystery Island
04. The Stake In My Heart
05. Living With The Fungus
06. Mother Kali
07. Staring At The Werewolf Corps
08. Sanity Hits A (Perfect) Zero
09. Laudanum Skull
10. The Great and Secret Show

Line Up
Dani Filth (vocal)
Daniel Finch (guitarra)
Nich Johnson (baixo)
Colin Parks (guitarra)
Lauren Francis (vocal, Teclados)
Aaron Boast (Bateria)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 5
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps



Slayer: a trágica e não revelada história do fim de Jeff Hanneman


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Facchini Medeiros | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal