Shock: Retorno triunfal com um clássico Metal

Resenha - Shadows - Shock

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 8


Em 2012 a Kill Again Records teve a brilhante ideia de relançar "Heavy Metal We Salute You", debut dos paraibanos do Shock que pode ser considerado um dos melhores álbuns de Heavy Metal brasileiro e foi originalmente lançado em 1991. A parceria e o relançamento deram certos, tanto que a banda entrou em estúdio e, 23 anos após seu debut, lança seu segundo álbum oficial (lembrando que neste tempo a banda lançou ainda um EP e um Split).

Fotos de Infância: Joey Jordison e Corey Taylor, do SlipknotSlipknot: 12 histórias que retratam o quão insana a banda é

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Incrivelmente na ativa desde 1978, é impressionante como a banda parece ter saído do movimento da New Wave Of British Heavy Metal, diretamente do Reino Unido, tal capacidade que a banda tem de reproduzir a sonoridade que marcou final dos anos 70 e início dos anos 90.

Em "Shadows" a banda mantém essa sonoridade e se você colocar o álbum sem ver que é uma banda brasileira vai jurar que é algo da época, além de teimar que é algo feito por uma banda estrangeira. Vários fatores contribuem com isso desde riffs muito bem elaborados e executado, a sutil melodia dos solos, a cozinha básica, mas coesa, além do bom inglês e interpretação do vocalista Américo Caldeira.

As composições são pegajosas (no bom sentido) e uma verdadeira viagem no tempo vem em mente ao ouvir músicas como The Disturbed, Nightmare, Hard To Say, Paradise e Shadows. É o tipo de música prazerosa em ouvir.

A produção do disco (a cargo de Giulian Cabral, no GC Studio 'Promix') também tentou buscar a essência dos tempos áureos do Metal, mas poderia soar um pouco menos datada dando mais peso às composições. É claro que esse pormenor não tirou o brilho deste grande lançamento. Memorável!

http://www.metalshock.net/


Outras resenhas de Shadows - Shock

Shock: Veteranos em disputa acelerada entre baixo e guitarraShock: Mantendo a pegada Heavy Metal de vinte anos atrás




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Shock"


Fotos de Infância: Joey Jordison e Corey Taylor, do SlipknotFotos de Infância
Joey Jordison e Corey Taylor, do Slipknot

Slipknot: 12 histórias que retratam o quão insana a banda éSlipknot
12 histórias que retratam o quão insana a banda é


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

adGoo336