Ritual Killing: Death/Thrash com sonoridade brutal e cativante

Resenha - New Tribe - Ritual Killing

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


O quarteto alemão Ritual Killing lançou apenas uma demo, auto intitulada, antes de soltar seu primeiro trabalho, este "New Tribe". A banda pratica Death/Thrash Metal influenciado pelo auge do Sepultura, Death Angel e afins.

Desde a introdução, que parece uma autêntica batucada do Olodum, até algumas passagens mais tribais e riffs costumeiros da escola Andreas Kisser a banda possui. Porém, não é nada demasiado e pode ser citado apenas como uma influência e não uma mera cópia.

publicidade

Aliás, a banda não possui muitas passagens com ‘groove’, o que a difere de suas influências. A pegada aqui é mais brutal e direta, com riffs rápidos e até blast beats. Os vocais de Simon também pendem mais para o Death Metal ‘old school’, com um timbre cavernoso.

Destaque para Command Me, que apesar da levada moderna, possui certa variação e um bom refrão, além de belos solos, Deadly Thinking e seu peso contrastado com alguns dedilhados e belos solos. Além de Headhunter e No Total Control e suas peculiaridades.

publicidade

Com letras políticas e sociais, o Ritual Killing passa bem sua mensagem com uma sonoridade brutal e cativante. A produção é boa e a banda possui uma ótima coesão. Vale à pena conferir.

http://www.myspace.com/ritualkilling
http://www.facebook.com/ritualkilling

publicidade

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Edu Falaschi: o fax com convite de seleção para o Iron MaidenEdu Falaschi
O fax com convite de seleção para o Iron Maiden

Excessos: como os rockstars gastam os seus milhõesExcessos
Como os rockstars gastam os seus milhões


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin