Anneke Van Giersbergen: flertes com música pop no melhor sentido

Resenha - Everything is Changing - Anneke Van Giersbergen

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Uma das principais responsáveis pela consolidação das vocalistas femininas na música pesada devido a sua passagem pelo THE GATHERING, Anneke Van Giersbergen também fez parte do AGUA DE ANNIQUE antes de se lançar definitivamente em carreira solo. E seu disco de estreia acaba de chegar ao mercado nacional, via parceria das gravadoras Die Hard Records/Overload/Shinigami Records.

Dave Mustaine: 10 coisas que você não sabia sobre eleDoom Metal: os dez trabalhos essenciais do estilo

E se no passado a vocalista já flertava com a música pop, agora essas influências ficaram ainda mais evidentes, mas no melhor sentido do termo, pois o disco transborda bom gosto. Mas há também alguns momentos em que podemos perceber que o classic rock está bem presente, assim como há também uma certa utilização de elementos eletrônicos (sem exageros) que distinguem bem a sonoridade do material.

Embora todas as faixas sejam, no geral, bem diretas e com arranjos simples, a qualidade das composições fica evidente, sobressaindo-se, como não poderia deixar de ser, a belíssima voz de Anneke, que está em sua melhor forma, com linhas vocais maduras e cativantes, transmitindo vários tipos de emoções aos ouvintes, seja nos momentos mais animados, como em "Take Me Home", seja nos mais sentimentais, como em "Circles".

Por sua vez, "Stay" possui guitarras mais distorcidas, e uma levada bem interessante de bateria, além de contar com ótimas variações vocais, e um clima bem épico, assim como "Hope, Pray, Dance, Play", outra faixa de destaque, com um dos melhores refrãos do disco.

Outros destaques ficam para "Slow me Down" e "Too Late", duas das mais "pesadas" (dentro do possível) do disco, que mostram todo o talento da vocalista, não só cantando, mas também como compositora (dividindo essa tarefa com Daniel Cardoso).

Ou seja, o que temos aqui é um ótimo material, indicado para todos os faz dessa excelente cantora, bem como para aqueles que procuram por boa música, independente de rótulos ou pré-conceitos. Se é seu caso, adquira já o material!

Everything is Changing - Anneke Van Giersbergen
(2013 - Die Hard Records/Overload/Shinigami Records - Nacional)

1. Feel Alive
2. You Want to Be Free
3. Everything Is Changing
4. Take Me Home
5. I Wake Up
6. Circles
7. My Boy
8. Stay
9. Hope, Pray, Dance, Play
10. Slow Me Down
11. Too Late
12. 1000 Miles Away from You


Outras resenhas de Everything is Changing - Anneke Van Giersbergen

Anneke Van Giersbergen: demonsta ser mais Rock que sua ex bandaAnneke van Giersbergen: muito bem feito para tocar nas rádios




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Anneke Van Giersbergen"


Dave Mustaine: 10 coisas que você não sabia sobre eleDave Mustaine
10 coisas que você não sabia sobre ele

Doom Metal: os dez trabalhos essenciais do estiloDoom Metal
Os dez trabalhos essenciais do estilo

Cinema: o melhor e o pior dos rockstars em filmesCinema
O melhor e o pior dos rockstars em filmes

Cradle of Filth: Chimbinha, do Calypso, usando camiseta?Keith Richards: colocando Justin Bieber em seu devido lugarMike Terrana: "Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!"Burzum: Vikernes diz que não se arrepende de nada

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.