Matérias Mais Lidas

Angra: Ex-integrantes foram convidados para turnê dos 20 anos de RebirthAngra
Ex-integrantes foram convidados para turnê dos 20 anos de "Rebirth"

AC/DC: Cliff Williams explica por que faz linhas de baixo tão simplesAC/DC
Cliff Williams explica por que faz linhas de baixo tão simples

Ian Paice: Ritchie Blackmore apresentou pra ele o maior guitarrista de todos os temposIan Paice
Ritchie Blackmore apresentou pra ele o maior guitarrista de todos os tempos

Guns N' Roses: por que Izzy Stradlin saiu da banda, segundo Gilby ClarkeGuns N' Roses
Por que Izzy Stradlin saiu da banda, segundo Gilby Clarke

Vocalistas: 12 velhinhos que ainda mandam muito bem ao vivoVocalistas
12 "velhinhos" que ainda mandam muito bem ao vivo

Loudwire: O melhor álbum de thrash metal de cada ano desde 1983Loudwire
O melhor álbum de thrash metal de cada ano desde 1983

Steve Hackett: ele diz que compositor do século 19 inventou o heavy metalSteve Hackett
Ele diz que compositor do século 19 inventou o heavy metal

Nervosa: Entrar para a banda foi a realização de um sonho, diz Diva SatanicaNervosa
"Entrar para a banda foi a realização de um sonho", diz Diva Satanica

Johnny Depp: a banda que poderia ter desbancado o GunsJohnny Depp
A banda que poderia ter desbancado o Guns

Mike Terrana: Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!Mike Terrana
"Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!"

Guns N' Roses: Axl entendia que as coisas mudaram, mas Slash tinha virado um personagemGuns N' Roses
Axl entendia que as coisas mudaram, mas Slash tinha virado um personagem

uDiscover Music: Os 30 maiores cantores de rock progressivouDiscover Music
Os 30 maiores cantores de rock progressivo

Doug Aldrich: explicando as diferenças entre Dio, David Coverdale e Glenn HughesDoug Aldrich
Explicando as diferenças entre Dio, David Coverdale e Glenn Hughes

AC/DC: monge budista grava cover inusitado de Thunderstruck, com direito a meditaçãoAC/DC
Monge budista grava cover inusitado de "Thunderstruck", com direito a meditação

Eloy Casagrande: baterista quebra tudo tocando The Heretic Anthem, do SlipknotEloy Casagrande
Baterista quebra tudo tocando The Heretic Anthem, do Slipknot


Matérias Recomendadas

Bruce Dickinson: foi difícil evitar as drogas durante toursBruce Dickinson
Foi difícil evitar as drogas durante tours

Galeria - Tatuagens em homenagem a artistas e bandas - Parte 1
Galeria - Tatuagens em homenagem a artistas e bandas - Parte 1

Black Sabbath: O acidente que tirou as pontas dos dedos de IommiBlack Sabbath
O acidente que tirou as pontas dos dedos de Iommi

Excessos: como os rockstars gastam os seus milhõesExcessos
Como os rockstars gastam os seus milhões

Andreas Kisser: os álbuns que marcaram o guitarristaAndreas Kisser
Os álbuns que marcaram o guitarrista

Tunecore
Dead Daisies

Stratovarius: sim, existe futuro sem Timo Tolkki

Resenha - Nemesis - Stratovarius

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago El Cid Cardim
Enviar Correções  


Manter-se como banda depois da saída de seu líder e principal compositor, Timo Tolkki, oferecia duas questões bem distintas ao futuro do Stratovarius. A primeira deles seria "como continuar soando Stratovarius sem a presença do homem que moldou a sonoridade do Stratovarius?". O desafio foi plenamente vencido com os bons "Polaris" (2009) e "Elysium" (2011), lançados assim que Tolkki abandonou as fileiras do quinteto. Mas ainda restava uma pergunta. Sem a presença e a liderança de Tolkki, poderia o Stratovarius dar um passo além, tentando arriscar o suficiente para soar como algo além do que o próprio Stratovarius vinha fazendo até então? Bem, o recém-lançado "Nemesis" pode não ser a resposta exata para isso, mas digamos que é a prova de que a banda está indo no caminho certo.

Se as baquetas de Rolf Pilve substituíram de maneira quase idêntica às do seu antecessor, Jörg Michael, tornando a mudança imperceptível aos ouvidos menos treinados, o mesmo não se pode dizer de Matias Kupiainen, que chegou para tomar conta das guitarras quando Tolkki saltou do barco cuspindo cobras e lagartos. Vestindo a camisa e entrando de cabeça não apenas no papel de músico, mas também de produtor, Kupiainen mostra em "Nemesis" uma vontade genuína de cortar os cordões, os laços com a necessidade de Tolkki de fazer sua guitarra soar barroca, quase clássica, tentando o tempo todo justificar a segunda parte do nome da banda. Se formos levar o tom das guitarras em consideração, "Nemesis" traz o Stratovarius soando mais Stratocaster do que Stradivarius. "Unbreakable", o primeiro single, já aponta a pegada: menos dedilhados velozes e mais agressividade, peso, um quê de fúria.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Veja, vamos dar às declarações o peso que elas devem ter: o Stratovarius continua limpo, com ares épicos, diversas camadas de vozes e corais, temas de fantasia onírica – escutar "Fantasy" é quase como ter à mão um manual de regras de como se fazer uma música típica da banda. O fã de longa data não precisa se preocupar ainda. Ainda estamos falando do Stratovarius, e não do Pantera. Sem exageros. No entanto, é nítida a mudança de uma banda que se permite um tantinho a mais de ousadia. Não precisa ir muito longe: quando sequer se pensou em ouvir, num disco do Stratovarius, uma cavalgada sonora tão potente quanto a da guitarra quase thrash que abre "Stand My Ground", por exemplo? E o que dizer da deliciosa pegada mais celta da power ballad "If the Story Is Over", composta em parceria com Jani Liimatainen, guitarrista original do Sonata Arctica (e parceiro de Kotipelto no projeto acústico "Blackoustic")? Num primeiro momento, pareceria até mais uma canção do Rhapsody (seja ele "Of Fire" ou não), mas este novo Stratovarius faz com que pareça essencialmente sua.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Outro que parece estar se divertindo bastante com esta desobrigação erudita é o tecladista Jens Johansson. Na ótima "Castles in The Air", ele abre os trabalhos quase como relembrando os momentos de pianista do saudoso Freddie Mercury, no Queen, enquanto em "Dragons" o teclado chega a soar dançante, brincando com efeitos eletrônicos que contribuem (e muito!) para a atmosfera da canção. Por falar em membros restantes da formação clássica, seguindo esta mesma linha de respirar novos ares, talvez fosse interessante, em lançamentos futuros, ouvir o vocalista Timo Kotipelto experimentando um pouco mais, saindo de sua zona de conforto. O sujeito é dono de um vozeirão, mas que não precisa sempre soar tão cristalino.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em outras eras, o Stratovarius reinou absoluto no Olimpo do chamado metal melódico (ou power metal, como queiram). Mas a banda teve momentos absolutamente cambaleantes, a exemplo do próprio metal melódico, que hoje sofre de uma terrível crise de criatividade. Se "Polaris" e "Elysium" foram as muletas que estes finlandeses precisavam para se reerguer, "Nemesis" parece uma espécie de luz no fim do túnel – ou, quem sabe, um acelerador para que o Stratovarius encontre um novo caminho. Se continuar assim, vai indo bem.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Line-up:
Timo Kotipelto – Vocal
Matias Kupiainen – Guitarra
Lauri Porra – Baixo
Rolf Pilve – Bateria
Jens Johansson – Teclado

Tracklist:
Abandon
Unbreakable
Stand My Ground
Halcyon Days
Fantasy
Out of the Fog
Castles in the Air
Dragons
One Must Fall
If the Story Is Over
Nemesis


Outras resenhas de Nemesis - Stratovarius

Stratovarius: Seu disco mais interessante desde o "Infinite"

Stratovarius: álbum pode te surpreender ou te decepcionar

Stratovarius: tipo de disco que agrada antes mesmo de ser abertoStratovarius
Tipo de disco que agrada antes mesmo de ser aberto

Stratovarius: banda aprendeu a evoluir e a se reinventar


Stamp
Como consegui viver de Rock e Heavy Metal
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Timo Tolkki: Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19Timo Tolkki
Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19

Timo Tolkki: nova banda acaba após não atingir meta de financiamento coletivoTimo Tolkki
Nova banda acaba após não atingir meta de financiamento coletivo

Timo Tolkki: Músico declara que parou de beberTimo Tolkki
Músico declara que parou de beber


Motivação: 10 músicas de metal que melhorarão sua auto-estimaMotivação
10 músicas de metal que melhorarão sua auto-estima

Power Metal: os dez álbuns essenciais do gêneroPower Metal
Os dez álbuns essenciais do gênero


AC/DC: Axl conta por que Angus vive correndo no palcoAC/DC
Axl conta por que Angus vive correndo no palco

Nirvana: Teoria musical é um desperdício de tempo, dizia Kurt CobainNirvana
"Teoria musical é um desperdício de tempo", dizia Kurt Cobain


Sobre Thiago El Cid Cardim

Thiago Cardim é publicitário e jornalista. Nerd convicto, louco por cinema, séries de TV e histórias em quadrinhos. Vegetariano por opção, banger de coração, marvete de carteirinha. É apaixonado por Queen e Blind Guardian. Mas também adora Iron Maiden, Judas Priest, Aerosmith, Kiss, Anthrax, Stratovarius, Edguy, Kamelot, Manowar, Rhapsody, Mötley Crüe, Europe, Scorpions, Sebastian Bach, Michael Kiske, Jeff Scott Soto, System of a Down, The Darkness e mais uma porrada de coisas. Dentre os nacionais, curte Velhas Virgens, Ultraje a Rigor, Camisa de Vênus, Matanza, Sepultura, Tuatha de Danaan, Tubaína, Ira! e Premê. Escreve seus desatinos sobre música, cinema e quadrinhos no www.observatorionerd.com.br e no www.twitter.com/thiagocardim.

Mais informações sobre Thiago El Cid Cardim

Mais matérias de Thiago El Cid Cardim no Whiplash.Net.