Scarlet Anger: alia todas as camadas do estilo de forma ímpar

Resenha - Dark Reign - Scarlet Anger

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


Oriundo do minúsculo país europeu de Luxemburgo, essa grata surpresa denominada Scarlet Anger faz um som que consegue incrivelmente abranger todas as facetas que o Thrash Metal possui. Formada em 2007 e lançando seu primeiro álbum agora, o grupo consegue aliar todas as camadas do estilo de forma ímpar.

Ouvindo diversas vezes "Dark Reign", pude constatar que o trabalho revela a cada uma dessas audições novos elementos que compõem a trajetória e evolução de um dos estilos mais cultuados do planeta. E o mais interessante disso é que você pode encontrar todos eles em apenas uma composição!

publicidade

Comecemos pela forte candidata a hit Force Of Evil. Uma composição rara que consegue unir riffs dignos de belas palhetadas, boa melodia, levada semi cadenciada e um ótimo refrão que impregna de cara. Tudo sem exagerar em nada, com bons e simples solos e peso na medida certa.

Àqueles que preferem algo direto ouça Game Over. Velocidade, peso, riffs despejados a esmo, além de uma batera insana. Não podemos esquecer de falar dos vocais de Joe Block, que aliam um timbre rouco grave que irá trazer à mente diversos nomes conhecidos do Metal.

publicidade

Fora isso, há ótimas composições tais como New God Rising, Dark Reign e Prince Of The Night. Não bastasse, "Dark Reign" é masterizado por, nada mais nada menos, que Jeff Waters do Annihilator. Completam o time Jeff Buchette e Fred Molitor (guitarras), Vincent Niclou (baixo) e Alain "Skeelo" Flammang (bateria).

http://scarletanger.com/
http://www.myspace.com/scarletanger
http://scarletanger.bandcamp.com/
http://www.facebook.com/ScarletAngerBand

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Bruce Dickinson: Use Your Illusions? Aquele formato é uma bosta!Bruce Dickinson
Use Your Illusions? Aquele formato é uma bosta!

Sign of the horns: o sinal do DemônioSign of the horns
O sinal do Demônio


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin