RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas


Coldplay: Menos messiânica e com mais alegria e otimismo

Resenha - Mylo Xyloto - Coldplay

Por Ricardo Seelig
Postado em 26 de outubro de 2011

Nota: 8 starstarstarstarstarstarstarstar

O Coldplay soa renovado em "Mylo Xyloto". Quinto álbum do quarteto, o disco traz uma banda menos messiânica e com uma saudável dose de alegria e otimismo. O desejo de ser o novo U2 ou uma versão mais pop do Radiohead parece ter ficado para trás. O resultado é um álbum que, ainda que guarde ligações com o passado, aponta para um futuro surpreendente.

Coldplay - Mais Novidades

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1

Provavelmente, a principal razão para essa mudança esteja na participação maior dos demais músicos – Jon Buckland (guitarra), Guy Berryman (baixo) e o subestimado Will Champion (bateria) – no processo de composição. Essa descentralização faz com que as principais características de Chris Martin – as melodias grandiosas, os arranjos pomposos – estejam mais contidos, equilibrados por um bem-vindo tempero pop. A banda não conseguiu retornar à sonoridade dos dois primeiros álbuns – "Parachutes" (2000) e o soberbo "A Rush of Blood to the Head" (2002) -, mas isso, pensando bem, nem seria necessário. Ao invés dessa escolha, o grupo soube equilibrar as principais qualidades desses dois discos – as melodias inspiradas adornadas pela instrumentação básica, às vezes quase minimalista – com o que de melhor havia em seus trabalhos mais recentes – "X&Y" (2005) e "Viva la Vida or Death and All His Friends" (2008).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 2

Dessa maneira, ao mesmo tempo em que somos brindados com pequenas jóias pop como "Hurts Like Heaven" - com um agradável tempero oitentista – e "Every Teardrop is Waterfall", há um clima que traz de volta o que o Coldplay fez de melhor em sua carreira em faixas como "Major Minus" e "Charlie Brown", onde instrumentos acústicos constróem a base sobre a qual arranjos cirúrgicos de desenvolvem sem exageros.

No meio disso tudo, a banda entrega, como sempre, composições que tem como elemento principal a melodia, essa caracterísitcas tão em falta no pop atual. E é por essa razão que o Coldplay cativa tanto. Em um mundo onde as batidas do rap são onipresentes e o ritmo puro e simples é o desejo de todos, o Coldplay investe em algo "fora de moda": a construção de harmonias e belas melodias. Um exemplo disso é a bonita "Paradise", uma faixa que, apesar de soar um tanto exagerada em alguns momentos – principalmente no "ôôô" do refrão -, emociona.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 3

Há grandes momentos em "Mylo Xyloto". "Us Against the World" remete a A Rush of Blood to the Head. "Up with the Birds", colaboração da banda com Leonard Cohen, fecha o disco com destaque. As já citadas "Hurts Like Heaven", "Every Teardrop os Waterfall", "Major Minus", "Charlie Brown" e "Paradise" são garantia de satisfação.

A única coisa que soa deslocada em "Mylo Xyloto" é a participação de Rihanna em "Princess of China". A composição, apenas mediana, sobreviveria bem sem a cantora, e a impressão que se tem é que a sua inclusão é muito mais uma tentativa de promover o álbum do que uma escolha artística.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 4

"Mylo Xyloto" é um CD muito bom. Nele, o Coldplay encontrou um equilíbrio entre a sonoridade mais básica de seus dois primeiros álbuns e a grandiosidade pretensiosa de seus mais recentes discos. Dessa mistura saiu um trabalho muito interessante, que mostra que o grupo ainda tem muitas cartas na manga.

Vale - e muito - o play!

Faixas:
Mylo Xyloto
Hurts Like Heaven
Paradise
Charlie Brown
Us Against the World
M.M.I.X.
Every Teardrop is a Waterfall
Major Minus
U.F.O.
Princess of China
Up in Flames
A Hopeful Transmission
Don't Let It Break Your Heart
Up with the Birds

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 5
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | Alex Juarez Muller | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Geraldo Fonseca | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.
Mais matérias de Ricardo Seelig.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS