Omfalos: Entre melhores produções do Black Metal nacional

Resenha - Idiots Savants - Omfalos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Arthur Matos, Fonte: Just Kill The Time
Enviar Correções  

10


Existem bandas e bandas. Umas entram no ramo da música para conseguir prestígio, outras para enriquecer e um pequeno grupo entra para ter uma espécie de redenção. Essas bandas (ou essas pessoas) são aquelas que realmente amam a música, sendo que as mesmas fazem dela o seu meio de vida.

Gosto Musical: artistas falam do que devia ser banido para sempre

Iron Maiden: a tragédia pessoal do baterista Clive Burr

Só isso já seria o bastante para diferenciar o joio do trigo. Porém mesmo nesse "seleto" grupo, existem os que são comuns e os gênios. E é justamente sobre uma banda desse segundo grupo que vos falo nesta resenha.

O "Omfalos", de Brasília, que nasceu da parceria de Thormianak, guitarrista da banda Miasthenia e Zé Misanthrope do Red Old Snake, solta neste debut "Idiots Savants" simplesmente um monstro, um álbum que nasceu para figurar entre as melhores coisas produzidas no Black metal nacional em todos os tempos. Parece exagero, eu sei, é difícil que do nada apareça algo tão extraordinário. Mas foi justamente isso que aconteceu. Recebo inúmeros álbuns de bandas que almejam seu lugar ao sol, e obviamente escuto todos. Porém mesmo conhecendo o potencial brasileiro (sendo que na maioria das vezes me sinto satisfeito com o material recebido), eu não esperava ouvir algo tão bom.

Como os próprios membros da banda alegam, o som é principalmente voltando ao Black, todavia possuindo lampejos de Death e Industrial por exemplo. É como se fosse um "Anaal Nathrakh" mais melódico (e mais orgânico).

Na verdade não existe exatamente um padrão rítmico nas músicas, de forma que todas se encaixem em um ou outro estilo. Cada música é ambientada mais no que diz respeito à temática do que propriamente do rótulo em sim. Temática essa que também é impressionante. Os membros da banda tentaram passar para a música todo o sofrimento e a situação vivida por pessoas que sofrem com distúrbios mentais ou desvios de comportamento. Assim como tentaram mostrar todo o contexto que envolve esse tipo de situação. Simplesmente incrível a temática, principalmente quando se une a mesma com as ambientações criadas pela banda.

Assuntos como depressão (Drain The Air Out Of My Lungs), insônia, (Sleep State Misperception) e síndrome do pânico (A Failed Experiment in Fitting Into This World) são exemplos do que o Omfalos retrata em suas músicas. Também são mostrados outros problemas como a Síndrome de Tourette (Anonymous Hate Manifesto) ou a relação de traficantes com os viciados (The Naked Lunch), que segundo a banda levanta uma questão: Não seria o tráfico um hábito/vício tão forte quanto o uso da droga?

Não ousaria destacar alguma música. Todas são incríveis. MESMO. Ouça "The Naked Lunch" por exemplo e tente não se impressionar. Difícil. Pra finalizar destaco também a decisão da banda de não divulgar as letras propriamente ditas. Ao invés disso liberam a temática e o objetivo por trás do projeto. Segundo a própria banda a decisão se deve para que a música pudesse ser sentida, não analisada milimetricamente. Decisão acertadissima. No mais, minhas reverências a esse álbum que simplesmente não sai do meu play. Obra prima. Kill The Time!

Tracklist:

1 - Que Bonito és un Entierro
2 - Drain The Air Out Of My Lungs
3 - Sleep State Misperception
4 - The Naked Lunch
5 - Anonymous Hate Manifesto
6 - Bipolar Affective Disorder Suite
7 - A Funeral Dirge For My Sanity
8 - The Desperate Ballad Of The Motherless Child
9 - A Failed Experiment in Fitting Into This World


Outras resenhas de Idiots Savants - Omfalos

Omfalos: Banda vai muito além do Black Metal

Omfalos: Black metal bem variado e muito interessante

Omfalos: Deixem a função "repeat" do CD ativada

Omfalos: Sonoridade inteligente e perturbadora

Omfalos: Gana em não se limitar a absolutamente nada

Omfalos: Mais que Black Metal, uma "Ópera Extrema"

Omfalos: Um black metal que não cultua o Belzebu




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Gosto Musical: artistas falam do que devia ser banido para sempreGosto Musical
Artistas falam do que devia ser banido para sempre

Iron Maiden: a tragédia pessoal do baterista Clive BurrIron Maiden
A tragédia pessoal do baterista Clive Burr


Sobre Arthur Matos

Nascido no Triângulo Mineiro, Arthur Matos trabalha no mercado livreiro e é fundador e editor do site Just Kill The Time. Estudante de Relações Internacionais e administração, teve contato com o Rock desde cedo e logo se viu imerso em um mundo onde não há saída. Fã de (quase) todas as vertentes do Rock, tenta ajudar a cena que tanto gosta de uma forma ou de outra, seja trabalhando com bandas, comprando um CD ou vendendo os mesmos. Acredita que Varg é o gênio do mal mais talentoso do mundo. Também acredita que o Iron Maiden nunca deveria acabar.

Mais matérias de Arthur Matos no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin