Matérias Mais Lidas

Lista: 35 músicas que não são metal, mas o metaleiro pode ouvir em pazLista: 35 músicas que não são metal, mas o metaleiro pode ouvir em paz

O recado de Bruno Sutter para roqueiros que não entendem sucesso de outros estilosO recado de Bruno Sutter para roqueiros que não entendem sucesso de outros estilos

Gene Simmons: Os seus 13 álbuns favoritos de todos os temposGene Simmons: Os seus 13 álbuns favoritos de todos os tempos

Metallica: Jason Newsted conta o segredo para manter uma boa grana até hojeMetallica: Jason Newsted conta o segredo para manter uma boa grana até hoje

O motivo pelo qual Regis Tadeu considera Phil Collins deprimenteO motivo pelo qual Regis Tadeu considera Phil Collins deprimente

Motörhead: o que Lemmy dizia a quem não queria cheirar cocaína com eleMotörhead: o que Lemmy dizia a quem não queria cheirar cocaína com ele

Acredite se quiser: Iced Earth lançou novo álbum; ouça A Narrative SoundscapeAcredite se quiser: Iced Earth lançou novo álbum; ouça "A Narrative Soundscape"

O principal motivo pelo qual o rock nacional falhou, segundo Diogo DefanteO principal motivo pelo qual o rock nacional falhou, segundo Diogo Defante

Iron Maiden: Bruce Dickinson não vai pilotar avião da banda nas próximas turnêsIron Maiden: Bruce Dickinson não vai pilotar avião da banda nas próximas turnês

Cannibal Corpse: a música que fez George Corpsegrinder querer cantar death metalCannibal Corpse: a música que fez George Corpsegrinder querer cantar death metal

A categórica opinião de Kiko Loureiro sobre SlashA categórica opinião de Kiko Loureiro sobre Slash

Steve Vai teve que malhar quando começou a tocar com Lee Roth; Parecia um macarrãoSteve Vai teve que malhar quando começou a tocar com Lee Roth; "Parecia um macarrão"

AC/DC: as ordens de Malcolm para quem ia subir ao palcoAC/DC: as ordens de Malcolm para quem ia subir ao palco

Anitta lança clipe de Boys Don't Cry, com estética rock e punk; assistaAnitta lança clipe de "Boys Don't Cry", com estética rock e punk; assista

A banda brasileira mais transgressora dos anos 1980, segundo Maurício BrancoA banda brasileira mais transgressora dos anos 1980, segundo Maurício Branco


Crushing Axes: Do extremo às passagens melódicas/acústicas

Resenha - Ascension Of Ules - Crushing Axes

Por Ben Ami Scopinho
Em 21/08/11

Quem diria que a linha de trabalho exercida pelo saudoso Quorton e seu Bathory iria influenciar tantos músicos ao redor do mundo, mesmo depois de tanto tempo...? O Crushing Axes é uma típica ‘banda-de-um-homem-só’ da cidade paulista de São José dos Campos, tendo como idealizador Alexandre Rodrigues, que está em plena atividade desde 2008 e agora liberando seu quinto trabalho, "Ascension Of Ules".

Se comparado com os registros anteriores, "Ascension Of Ules" mostra todo um esforço consciente e devidamente planejado em criar os mais variados ambientes, indo do extremo às passagens melódicas e acústicas. Toda essa abrangência, ainda que tenha uma perspectiva old school, torna ingrata a tarefa em situar o leitor acerca sua arte, mas, em função de sua aura enigmática e pagã, podemos aproximá-lo – e somente aproximá-lo! – dos versáteis grupos do chamado Viking Metal.

Também vale mencionar que "Ascension Of Ules" é um álbum conceitual dividido em três atos, onde um deus é banido pelos seus pares e passa a vagar pela Terra, sem memória, e se envolve nas mais variadas aventuras até o desfecho final. Algo muito legal é o uso de sonoridades típicas da região do planeta pela qual o personagem Ules vai atravessando, como Erhu e Dizi (China), ou a Cítara e Gaita de Fole (Europa).

O áudio sujo, algo abafado e com timbres que poderiam ser mais bem escolhidos é o resultado de qualquer projeto que não possui o devido suporte pode oferecer. Mas, ainda assim, é digno de todos os elogios, pois, mesmo não tendo uma sonoridade no patamar de uma produção gringa, é honesto e consegue mostrar a essência da proposta do Crushing Axes.

Assim, com "Ascension Of Ules", Alexandre Rodrigues mostra estar à altura de liberar um disco físico e realmente profissional; talvez seja questão de tempo e contatos adequados. O repertório possui atrativos para atrair um amplo leque entre o público headbanger, e o leitor que se sentiu atraído pode acessar o MySpace do Crushing Axes, que disponibilizou todos os seus trabalhos para download. Dêem uma conferida!

Contato:
http://www.myspace.com/crushingaxes
http://crushingaxes.blogspot.com

Crushing Axes - Ascension Of Ules
(2011 / independente – nacional)

ACT I – Decadence Of Evil
01. Decay Of The Almighty
02. Awakening
03. Long Way To Nowhere
04. Journey Through The Dark

ACT II – Banned Pilgrim
05. Abyss Of Death
06. Misanthropy
07. Flagellated Mind (convidada: Jessica Araujo)
08. Bloodpaint

ACT III – Ashes Of Divinity
09. A Flash Of Memories
10. The Return (Invading The Garden)
11. Sweet Killing
12. Final Consideration (Vazio)


Outras resenhas de Ascension Of Ules - Crushing Axes

Crushing Axes: Projeto vai do épico ao pós-moderno

Crushing Axes: Momentos brutais, atmosféricos e sinfônicos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Black Sabbath: um Tony Iommi que você não conheciaBlack Sabbath
Um Tony Iommi que você não conhecia

The Voice Kids: garotinha canta Led Zeppelin e conquista todosThe Voice Kids
Garotinha canta Led Zeppelin e conquista todos


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.