Matérias Mais Lidas

imagemSteven Tyler dá entrada em clínica de reabilitação após sofrer recaída

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemEncontro entre Paul Di'Anno e Steve Harris resultou em "algo que será discutido"

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemO dia que os membros do Black Sabbath foram amaldiçoados por uma seita satânica

imagemNick Mason relembra a época que o Pink Floyd desastrosamente tentou tocar reggae

imagemO que Adrian Smith descobriu ao retornar ao Iron Maiden

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemMark Tremonti, do Alter Bridge, revela que é grande fã de lendária banda de metal

imagemShavo Odadjian, baixista do System Of A Down, conta quais álbuns mudaram sua vida

imagemIntegrantes do Rush relembram a época que abriram shows para o Kiss, em 1975

imagemTodos os discos do Nightwish, do pior para o melhor, em lista da Metal Hammer

imagemNicko McBrain, do Iron Maiden, mostra o seu novo (e enorme) kit de bateria

imagemGene Simmons compartilha tweet com meme da ex-presidente Dilma Rousseff


Resenha - Other People's Stories - Kari Rueslåtten

Por Thiago Sarkis
Em 11/04/05

Nota: 8

Kari Rueslåtten traçou um caminho já muito respeitado no metal. Praticamente iniciou-se com ela a nova linha de vocais femininos do estilo, com o legendário The 3rd And The Mortal, e seu influente e inovador "Tears Laid In Earth", lançado em 1994. Fora isso, diversas participações especiais e destaque na mídia antes mesmo de Tarja Turunen, Liv Kristine, Floor Jansen, ou qualquer outra excelente vocalista em foco na atualidade.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Após sair do conjunto que a revelou para o mundo, Kari partiu para uma carreira solo repleta de altos e baixos, e bem apagada, com reconhecimento praticamente apenas em seu país, a Noruega. Por anos, o resto do mundo perguntou por ela e, inesperadamente, eis que surge seu novo disco solo no Brasil. Hei de dizer, um privilégio enorme para todos nós.

A música praticada pela norueguesa não está na vertente do metal, mas definitivamente mantém traços góticos e trabalha, principalmente, com um lado atmosférico, já famoso para aqueles que apreciam o ‘doom’ de bandas como o Empyrium e o próprio The 3rd And The Mortal.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Por momentos escassos o disco soa um pouco repetitivo, mas as interpretações emotivas de Kari conseguem salvar parte destas intercorrências.

Acontece com a moça o mesmo que para Richie Kotzen no lançamento de "Change" (2003); uma negligência duvidosa por parte de emissoras de rádio e TV. Não há outra explicação depois de ouvirmos composições como "Sorrow To My Door", "Cry" e "Push". O potencial para se tornarem mega sucessos é imenso; a única diferença em relação ao que toca hoje para o grande público é a qualidade, infinitamente superior a quaisquer dos ‘hits’ atuais. Realmente, quanto mais escrevo, observo semelhanças irrefutáveis com o caso de Kotzen e tantos outros.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

"Other People’s Stories" disserta sobre histórias de vida que inspiraram Kari, e que certamente se assemelharão a alguma passagem da sua própria biografia. Se você estiver à procura de um pop merecedor de atenção, não hesite em pensar neste saboroso álbum, repleto de ótimas canções.

Site Oficial – http://www.karirueslatten.com

Material cedido por:
Hellion Records – http://www.hellionrecords.com
Rua 24 de Maio, 62 – Lojas 280 / 282 / 308 – Centro.
São Paulo – SP – BRASIL
CEP: 01041-900
Tel: (11) 5083-2727 / 5083-9797 / 5539-7415
Fax: (11) 5549-0083
Email: [email protected]

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis.