Resenha - Shock Machine - Shock Machine

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rodrigo Simas
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


O CD da banda (ou projeto) paralelo de Markus Grobkopf (Helloween) intitulada Shock Machine, traz Uli Kusch (também do Helloween , bateria), Olly Lugost (nos vocais) e Rolly Feldmann (guitarra) além de participações especiais de Roland Grapow (Helloween), visto que o disco foi gravado no estudio Crazy Cat, do próprio Roland, e Ferdy Doernberg (Rough Silk), e nos apresenta um heavy metal tradicional, com boas músicas, peso e velocidade, com influência do heavy metal oitentista e é lógico, com pequenos toques de Helloween.

Bandas Novas: 10 coisas que vocês jamais devem dizer no palcoFotos de Infância: Robert Plant, do Led Zeppelin

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Markus nunca foi um compositor importante na sua banda principal, só participando com faixas para alguns singles e pouquíssimas outras que entraram em algum disco, como "I am doing fine, crazy man" do disco Pink Bubbles Go Ape, então já estava mais que na hora de mostrar seu trabalho para seus fans.

Alguns dos destaques vão para a primeira, Dreamers, a boa Fame , e a pesada, bem metal, Running.

O vocal de Olly é agressivo, mas com melodia, se encaixando bem nas composições muito bem executadas pela cozinha "Helloweeniana" com Markus e Uli, sempre excelente, e não deixando nenhum espaço de sobra.

Vamos ver se agora M. Weikath e Andi Deris prestam mais atenção em uma de suas abóboras.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Shock Machine"


Bandas Novas: 10 coisas que vocês jamais devem dizer no palcoBandas Novas
10 coisas que vocês jamais devem dizer no palco

Fotos de Infância: Robert Plant, do Led ZeppelinFotos de Infância
Robert Plant, do Led Zeppelin


Sobre Rodrigo Simas

Designer, carioca e tricolor. Começou a ouvir música aos 11 anos, com Iron Maiden, Metallica e Rush. Tem como hobby quase profissional, a música. Além de produzir shows e eventos, trabalhou por 5 anos em loja especializada em Heavy Metal, e já escreveu para alguns sites e revistas de música. Hoje escuta de tudo um pouco, e cada vez mais descobre que existem apenas dois tipos de música: a boa e a ruim, independente do estilo. Bandas e artistas favoritos: Dave Matthews Band, Peter Gabriel, Rush, Iron Maiden, Led Zeppelin, Ben Harper, Radiohead, System of a Down... e a lista continua...

Mais informações sobre Rodrigo Simas

Mais matérias de Rodrigo Simas no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336