Resenha - Symphonica Millennia - Zanister

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Haggen Kennedy
Enviar Correções  

Nota: 8.5

Houve uma revolução no mundo guitarrístico quando surgiu a notícia de que David Chastain se juntaria a Michael Harris para, juntos, formar uma banda e lançar um CD. Não é exagero dizer que foi um dos discos mais esperados pela população da guitarra no cenário mundial, afinal não é todo dia que o globo tem a chance de presenciar dois gênios do instrumento mais metal que já existiu, que tiveram seu nome lançado aos quatro ventos durante a famosa época da NWOBHM.

publicidade

"Symphonica Millennia" é o nome do debute desta dupla que tanto prometeu. Provavelmente você, leitor, deve estar se perguntando neste momento: "prometeu e cumpriu ou não?". Na humilde opinião deste redator, cumpriu. E bem. A primeira faixa, "Fighters in the Sky", apesar do conteúdo lírico já exaustivamente discutido por zilhões de bandas de heavy metal, mostra ser uma boa porradaria metálica com refrão marcante e guitarras - claro - bem na cara!

publicidade

Daí pra frente é só o bom e velho heavy metal tradicional. Nada de coisa melódica ou firulas sem sentido. Porrada! Ah, como é bom sentir a velha e boa NWOBHM em dias de hoje, ainda viva. Pode até ser que o movimento já tenha se extinguido, mas que é um símbolo de saúde para os ouvidos, ah, isso é.

"Born In Cold Blood" é outro destaque, junto com "Children of the Gods" e "The Evil Will Survive". Vale lembrar que o CD nacional, além das dez faixas que compoem o disco, há uma (faixa) bônus, "Feed the Fire" (4:04).

publicidade

Como já dito, as letras não são uma perfeição, mas quem queria heavy tradicional, está aí. Não tem nada do que se queixar. Muita guitarra, muito solo, muito vocal gritando o velho hino de guerra do metal.

Se a sua praia é NWOBHM, pode dar uma conferida.

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Iron Maiden: o que os grandes músicos acham da banda?Iron Maiden
O que os grandes músicos acham da banda?

Sign of the horns: o sinal do DemônioSign of the horns
O sinal do Demônio


Sobre Haggen Kennedy

Nascido ao fim dos anos 70 e adolescido em meio ao universo metálico, Haggen Heydrich Kennedy já trabalhou e atuou numa vultosa gama de atividades, como o jornalismo, o desenho, a informática, o design e o ensino, além de outros quefazeres. Atualmente vive em Atenas, Grécia, onde estuda História, Arqueologia e Grego Antigo na Universidade de Atenas. A constante nesse turbilhão de ofícios, todavia, sempre constituiu-se de dois fatores: as línguas (ainda hoje trabalha com tradução e interpretação) e a música - esse último elemento, definitivo alimento espiritual.

Mais matérias de Haggen Kennedy no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin