Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 3

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Diego Fiori de Carvalho, Fonte: CD The Second Big Bang
Enviar correções  |  Ver Acessos

Neste terceiro post de UNIVERSE IS CRYING, sére da análise épica narrativa do Segundo Big Bang (Act IV SOULSPELL), irei comentar as músicas FATHER AND SON e HORUS'S EYE.

Pink Floyd: dupla sertaneja desvirtua clássico da bandaTop 500: as melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling Stone

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IVUniverse Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 2Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 4

FATHER AND SON

Quando o hall do povo de Goldah desaparece, Timo sente uma solidão absoluta e seu coração congela. O labirinto aplica-lhe um golpe baixo apresentando em um céu vermelho os últimos momentos de seu pai. Mesmo entre ruídos estranhos e borrões de imagens, Timo pode reconhecer a voz de seu pai Tobit morrendo em frente a uma gigantesca besta negra. Após isso, com lágrimas de raiva e dor, Timo também observa ajoelhado, as cenas da morte de sua mãe, Judith e vê nos céus o demônio Centaur arrancando o coração dela. Ao mesmo tempo, em outro local do espaço/tempo o labirinto apresenta mentindo para Tobit, a morte de Timo também pelo dêmonio Centaur. Essa música apresenta JUDITH e TIMO em seu enredo.

JUDITH (voz da DAÍSA MUNHOZ): Comenta que suas almas valem mais que uma guerra, que suas palavras estão morrendo, suas pegadas estão desaparecendo. Que na vida estamos sempre cruzando oceanos de vazio, sendo ludibriados por truques e construindo histórias. Ela diz que Timo foi a chave que sorriu para ela e sua vida acaba ali. Que ele é o diamante e ela a pedra.

TIMO (voz de PEDRO CAMPOS): Comenta que a alma de sua mãe está contigo e que vingará essa morte, porém há grãos de areia em seu sangue que deverá retirar. Diz que falta fé para ele porém sua vida não será em vão.

HORUS'S EYE

Segundo a lenda egípcia, o olho esquerdo de Horus simboliza a lua e o mesmo foi arrancado na luta com o deus Seth. O desenho representa a visão do olho humano com a vista do falcão (animal associado ao deus Hórus), amuleto este usado até hoje para afugentar o mau-olhado e maus espíritos. O olho de Horus também é usado no estudo das frações em matemática por ter segmentação perfeita em potência de dois no seu desenho (1/2, 1/4, 1/8,...).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ainda presente dentro do Labirinto das Verdades, Timo segue andando sozinho entre o musgo e galhos podres com lama. Depois de horas com a sensação de andar sempre em círculos, Timo se senta e abre o diário de seu pai Tobit e continua ler aonde parou. A partir de certo ponto a linguagem fica codificada em língua estranha indecifrável. No entanto, lembra-se das palavras da árvore morta que diz que ele não deve confiar em seus olhos para entender os mistérios mais profundos. Timo, então, como enfeitiçado, começa a entender a língua extinta de Horus e a cena de seu pai consultando o clarividente Woden é apresentada nos céus. Uma ação inesperada então ocorre: A bola de cristal de Woden explode e sombras de antigos demônios e guerreiros egípcios são libertadas (Olho de Horus). Exatamente este último trecho que é refletido na música na ação das sombras e do clarividente com a explosão da bola de cristal.

SHADOWS (voz de DANI NOLDEN): Diz que Timo não deveria estar lá, e que não será o mesmo quando partir, que o portador do olho lidera sua tríade e que o olho não deixará sobreviventes.

Refrão bem marcante reflete a maldição do Horus Eye:
"Noite eterna no olho de Horus
Você é um peão no seu jogo
Para sempre cego pela luz da lua
Você nunca mais verá a luz"

CLAIRVOYANT ou Clarividente (Voz de RALF SHEEPERS): Profere a saga do olho de Horus em sua bola de cristal e não acredita quando ela explode. Comenta que o herdeiro enviou uma chave para drenar as cores de nossas vidas. Diz que seu destino está no olho de Horus e que todos irão morrer.

No próximo post de UNIVERSE IS CRYING análise das músicas: DUNGEONS AND DRAGONS & THE END YOU'LL ONLY KNOW AT THE END! até lá!


A história da saga Soulspell Act IV

Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV

Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 2

Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 4

Todas as matérias sobre "A história da saga Soulspell Act IV"




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção MatériasTodas as matérias sobre "A história da saga Soulspell Act IV"Todas as matérias sobre "Soulspell"


Pink Floyd: dupla sertaneja desvirtua clássico da bandaPink Floyd
Dupla sertaneja desvirtua clássico da banda

Top 500: as melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling StoneTop 500
As melhores músicas de todos os tempos segundo a Rolling Stone


Sobre Diego Fiori de Carvalho

Amante do bom metal e rock 'n roll, baixista nas horas vagas, acompanha a cena underground no interior paulista.

Mais matérias de Diego Fiori de Carvalho no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280