Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 2

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Diego Fiori de Carvalho, Fonte: CD Soulspell Act IV
Enviar correções  |  Ver Acessos

Neste segundo post de UNIVERSE IS CRYING, série da análise épica narrativa do Segundo Big Bang (Act IV SOUSLPELL), irei comentar das músicas GAME OF HOURS e WHITE LION OF GOLDAH.

Guns N' Roses: funkeiro assassina clássico máximo da bandaRiff: palavra sem tradução na língua portuguesa

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Como já comentado no POST I, o Act. IV deve ser entendido de trás para frente, então estamos nas faixas de número 7 e 8.

Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IVUniverse Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 3Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 4

GAME OF HOURS

A Faixa 8, GAME OF HOURS comenta um momento de reflexão da personagem Judith (DAÍSA MUNHOZ) mãe de Timo (personagem principal deste ato) sobre o JOGO DAS HORAS. Interessante nessa faixa é o encontro vocal de DAÍSA MUNHOZ com DANI NOLDEN que faz a representação das sombras (SHADOWS) articulando pensamentos no ouvido de Judith. A música começa leve com a voz de Judith ("My past seems too far away...") e gradativamente sobe o tom para estourar em ritmo bem acelerado nos pensamentos de Padyal (JEFF ALBERT).

Personagens:
JUDITH (voz de DAÍSA MUNHOZ): Encontra-se no purgatório e tem o intuito de ajudar seu filho em um jogo em que o tempo está acabando, são várias portas e ela deve escolher uma. Caso ela errar pode matar seu passado ("...choose one door and kill your past...") e está fadada ao inferno pela eternidade.
Muitas frases de efeito são ditas por ela no refrão como "A noite das tempestades sombrias trará apenas fantasmas inteligentes". No final da música Judith diz que Padyal não sobreviverá ao GAME OF HOURS ("You won't last in the game of hours!").

SHADOWS (voz de DANI NOLDEN): As sombras são vozes que atrapalham os pensamentos de Judith, elas dizem coisas do tipo que "não há atalhos aqui....", "você está no nível mais baixo da sua mente","Este fardo depende de você".

PADYAL(voz de JEFF ALBERT): Padyal diz que apenas uma das portas deixará entrar na raça eterna e que Judith deverá escolher entre deixar a raça humana ou lutar e sangrar até morrer pois o relógio não aguardará!

WHITE LION OF GOLDAH

Acredito que o nome dessa música deva ter inspiração na referência bíblica do apocalipse ao leão de Judah que representa a chegada do messias na terra (Já que existem trechos em hebraico nas músicas 2 e 9). Assim como no trecho bíblico a canção remete a um messias que foi escolhido como braço direito do próprio criador o "leão branco de Goldah".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

TIMO (Voz de PEDRO CAMPOS): encontra-se no labirinto das verdades e analisa as inscrições e gravuras das guerras nas paredes e no teto recordando as insanas palavras do clarividente Woden, escritas no diário de seu pai (THE SECRET COMPARTMENT - música do álbum Labyrinth of Truths). Timo está no hall do pomposo salão e suas imensas estátuas lhe trouxeram informações sobre a existência do povo de Goldah e seu rei invencível, o grande leão branco. As frases que Timo lê lhe trazem encorajamento e orgulho em relação ao destino incerto.

CLAIRVOYANT ou Clarividente (Voz de RALF SHEEPERS): Suas palavras dizem que existia um povo chamado Goldah que lutou mil guerras e seu rei era justo e valente governando sua terra com força, glória e misericórdia. Que basta chamá-lo quando precisar que mesmo nas sombras ele trará luz.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

WHITE LION (Voz de ANDRÉ MATOS): O próprio leão diz que dará a vida pelo jovem e que vive em todos os corações que imploram por ser livres.

PADYAL (Voz de Jeff Albert): O supremo líder da seita, com rituais de invocação, sente que a presença do White Lion está próxima ("I feel he's here, I can't deny"). Ele almeja alcançar poder desta civilização antiga de Goldah. no final da música Padyal admite que o Criador já tem seu escolhido para ser o braço direito e é o WHITE LION OF GOLDAH.

No próximo post do UNIVERSE IS CRYING análise das músicas: HORUSPS EYE & FATHER AND SON!! até lá!


A história da saga Soulspell Act IV

Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV

Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 3

Universe Is Crying: A história da saga Soulspell Act IV - Parte 4

Todas as matérias sobre "A história da saga Soulspell Act IV"




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção MatériasTodas as matérias sobre "A história da saga Soulspell Act IV"Todas as matérias sobre "Soulspell"


Guns N' Roses: funkeiro assassina clássico máximo da bandaGuns N' Roses
Funkeiro assassina clássico máximo da banda

Riff: palavra sem tradução na língua portuguesaRiff
Palavra sem tradução na língua portuguesa


Sobre Diego Fiori de Carvalho

Amante do bom metal e rock 'n roll, baixista nas horas vagas, acompanha a cena underground no interior paulista.

Mais matérias de Diego Fiori de Carvalho no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280