Desastre: promissora banda vinda do Centro-Oeste

Resenha - Procurando Saída - Desastre

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Clóvis Eduardo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Profissional. Assim podemos iniciar um breve relato do trabalho do grupo Desastre, de Goiânia. O trabalho gravado em estúdios diferentes mostra quanto esmero os quatro rapazes colocaram nesta obra. Chance da turma underground conhecer uma promissora banda vinda do Centro-Oeste.
Invisible Oranges: os 5 melhores momentos Metal dos filmesMachine Head: Amps Falsos no Palco - pode isso, Arnaldo?

A primeira impressão realmente, foi de espanto. Mas a surpresa foi acima de tudo positiva. A qualidade da gravação de “Procurando Saída” ficou excelente, tanto instrumental, como na parte das letras. Danny no baixo, Hassan na guitarra, Bibi na bateria e Wil nos vocais fazem um som bem dinâmico, com letras em português e que certamente pegam em cheio a galera que curte um som rápido e pegado.

O Desastre se tornou uma revelação de alguns anos para cá, e certamente saberá aproveitar o momento deste CD para povoar ainda mais os palcos do Brasil e, claro, abrir algumas rodas nos shows. É óbvio que o som calcado no hardcore/punk fará sucesso com a galera, principalmente nas primeiras faixas, bem grudentas e que saciam a vontade de agitar um pouco a cabeleira.

Mas mesmo bebendo de uma fonte aparentemente manjada, “Procurando Saída” é um bom disco, pois trás em 16 canções rápidas, versos que falam de liberdade, dor, sociedade, ilusão e outros tantos assuntos de nosso cotidiano. Musicalmente, a banda se concentra em riffs rápidos, bateria forte e bastante técnica e solos criativos, com a característica de dobrar as guitarras, o que deixa o som ainda mais recheado. O baixo é pulsante assim como a bateria que não pára nenhum segundo, como na canção “O Preço”.

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Desastre"

Invisible Oranges
Os 5 melhores momentos metal dos filmes

Machine Head
Amps Falsos no Palco - pode isso, Arnaldo?

Motorhead
Lemmy e o direito de morrer como quiser

Renato Russo: piada controversa no aniversário do vocalistaNirvana e Guns N' Roses: veja Kurt imitando "snake dance" de AxlSeparados no nascimento: Sarah Jessica Parker e o mascote EddieGeddel Lima: "Nem lembro do Renato Russo, ele não era ninguém"Kiss FM: as 500 mais escolhidas pelos ouvintes da rádio em 2016Fotos de Infância: Simone Simons muito antes da fama

Sobre Clóvis Eduardo

Clóvis Eduardo Cuco é catarinense, jornalista e metaleiro.

Mais matérias de Clóvis Eduardo no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online