RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemFatboy Slim confessa ter se arrependido de conhecer David Bowie pessoalmente

imagemA influente banda que acabou causando a "separação" do Guns N' Roses

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemO megahit dos Beatles inspirado em desenho de amiguinha do filho de John Lennon

imagemO grande amor de Renato Russo que durou pouco mas marcou sua vida para sempre

imagemOzzy Osbourne é contemplado com dois Grammy na edição de 2023 do evento

imagemAs polêmicas escolhas do Nirvana para o "MTV Unplugged in New York"

imagemAs 5 bandas confirmadas no Summer Breeze Brasil que não tocarão em outras cidades

imagemO hit da Legião Urbana que Renato Russo considerava "pretensioso e babaca"

imagemQuando o Lynyrd Skynyrd irritou Mick Jagger ao abrir o show dos Rolling Stones

imagemNovo álbum do Angra será o melhor da era Fabio Lione, segundo Felipe Andreoli

imagemA única música tocada no Festival de Woodstock que atingiu o primeiro lugar nas paradas

imagemLendário empresário do Kiss se manifesta sobre acusações de playback de Paul Stanley

imagemBeatles: O processo de gravação do "Let It Be", segundo o produtor George Martin

imagemKiss: Segundo Gene Simmons, Ace Frehley votou pela demissão de Peter Criss, em 1980


Stamp

Circle II Circle: A força do Savatage ainda vive em Zak Stevens

Resenha - Circle ll Circle (Rio Rock & Blues, Rio De Janeiro, 19/06/2013)

Por Ulisses Araujo
Postado em 20 de junho de 2013

Com exatamente 30 minutos de atraso, entrou no palco do intimista Rio Rock & Blues umas das maiores lendas do metal americano, Zak Stevens, com sua banda o CIRCLE ll CIRCLE, fazendo uma homenagem aos 20 anos do disco "Edge Of Thorns" do SAVATAGE, primeiro álbum que Zak gravou com a mesma e último registro de estúdio do guitarrista Criss Oliva, (falecido poucos meses depois da gravação do disco).

Sem muita conversa Zak já foi direto ao que interessava, começou com a clássica música homônima do disco, "Edge Of Thorns", que apesar dos problemas com a guitarra de Christian Wentz, foi cantada por todos que estavam na casa com muita emoção, marcando a noite logo de cara.

Depois seguiu com a não muito famosa mais muito boa "He Carves His Stone" que levou os mais saudosistas à loucura (inclusive o que vos fala), e continuou com vários petardos desse ótimo disco, como "Lights Out", "Skraggy’s Tomb" e "Labyrinths".
Como se tratava de uma homenagem ao álbum seguiram com o track list do mesmo, valendo claro uma ressalva ao ótimo desempenho e carisma de Zak nos vocais (como sempre) e o muito virtuoso guitarrista brazuca Bill Hudson que representou muito bem o nosso país no palco, ao lado do excelente baixista Mich Stewart e do tecladista alemão Henning Wanner, e não podemos esquecer e frisar o carismático baterista Adan Sagan, que manteve a pegada prog metal do inicio ao fim.

Valendo também elogios as boas músicas "Diamond Blade" e "Epiphany" do novo álbum da banda "Seasons Will Fall" e a clássica "Watching In Silence", do primeiro disco, que com certeza também foi um dos pontos altos da noite.

E ainda teve tempo para uma ótima surpresa, quando tudo se encaminhava para o final do show, ai que surge o maravilhoso vocalista brasileiro Gus Monsanto, (ADAGIO, REVOLUTIO RENAISSANCE E SYMBOLICA), cantando "The Trooper", do IRON MAIDEN, com direito a Zak atacando de baterista e tudo, levando todos na casa à loucura fechando a noite com chave de ouro.

Enfim, Zak Stevens mostrou todo seu talento com sua banda atual, mas mostrou que ainda vive dentro dele a força do SAVATAGE.

SET LIST

Edge of Thorns (Savatage cover)
He Carves His Stone (Savatage cover)
Lights Out (Savatage cover)
Skraggy's Tomb (Savatage cover)
Labyrinths (Savatage cover)
Follow Me (Savatage cover)
Exit Music (Savatage cover)
Degrees of Sanity (Savatage cover)
Conversation Piece (Savatage cover)
All That I Bleed (Savatage cover)
Damien (Savatage cover)
Miles Away (Savatage cover)
Sleep (Savatage cover)

Encore:
The Storm (Savatage cover)
Diamond Blade
Soul Breaker
Watching in Silence
Epiphany

Encore 2:
The Trooper (Iron Maiden cover) (com Gus Monsanto)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Def Leppard Motley Crue 2

Bill Hudson: BR bangers são persecutivos e têm baixa autoestima

Cena nacional: o guitarrista Bill Hudson dá a sua opinião


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Ulisses Araujo

Ulisses Araujo é um carioca da gema, amante do melhor estilo musical já criado em todos os tempos, mas voltado para o Heavy Metal e os Clássicos do Rock dos anos 60, 70,80 e 90. DJ Nas horas vagas, e agora um dos colaboradores do Whiplash. Tudo começou no final dos anos 90, quando uma dupla de irmãos apresentou dois discos: "Better Than Raw", do HELLOWEEN, e o outro foi o primeiro disco do THE DOORS, aí começou toda a loucura.
Mais matérias de Ulisses Araujo.