Rock In Rio 2015: qual seria o festival ideal?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Lincoln Melo
Enviar correções  |  Ver Acessos

2014 está acabando e no ano seguinte acontecerá a sexta edição do Rock In Rio no país, e os primeiros nomes confirmados mais uma vez não agradam o público do Rock And Roll. Diante disso, impossível não imaginar como seria o festival ideal? Ou Como seria o melhor Rock In Rio de todos os tempos? Ou ainda, como seria o maior festival de rock da história?

Sepultura: Derrick Green elege seus 10 vocalistas preferidos do heavy metalLinkin Park: Chester Bennington abre o jogo sobre seu vício

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Não sei se substituiria Woodstock ou o Live Aid, mas daria para imaginar um Line-Up espetacular. Pensando num festival épico, segue abaixo como seria a minha escalação para o Rock In Rio dos sonhos:

Primeiro Dia:
TITAS - AEROSMITH - BON JOVI - GUNS N ROSES - ROLLING STONES.
Seguindo a tradição de iniciar com uma atração brasileira todos os dias, não poderia existir atração melhor do que a grande banda de rock brasileira os TITAS, com o petardo repertório do álbum recente "Nheengatu" e os clássicos do "Cabeça Dinossauro". Em seguida, a trinca americana com AEROSMITH e sua coleção de hits, BON JOVI dessa vez com RICHIE SAMBORA e AXL e o seu novo GUNS N ROSES. Para fechar o dia de inauguração, nada melhor que os Dinossauros do Rock os ROLLING STONES e seus mais de 50 anos de carreira.

Segundo Dia:
PARALAMAS DO SUCESSO - JOE COCKER - THE BEACH BOYS - BRUCE SPRINGSTEEN - PAUL MCCARTNEY.
Começando um segundo dia mais light PARALAMAS DO SUCESSO, não tem como esquecer o show de1985, aquecendo para o grande JOE COCKER o remanescente de Woodstock. THE BEACH BOYS, com todos os integrantes originais juntos, preparam o terreno para o THE BOSS, BRUCE SPRINGSTEEN, que teve um dos melhores shows da última edição e só não encerra esse dia porque tem um Beatle para se apresentar e mais uma vez PAUL MCCARTNEY no Brasil para finalizar o segundo dia.

Terceiro Dia:
ULTRAJE A RIGOR - DAVID BOWIE - ERIC CLAPTON - QUEEN + PAUL RODGERS - PINK FLOYD.
O último dia da primeira semana, com uma grande surpresa no final, começa com ULTRAJE A RIGOR e o seu rock irreverente, um contraste com a seriedade britânica da sequência: DAVID BOWIE, o camaleão em turnê com seu novo trabalho "The Next Day"; ERIC CLAPTON, a lenda da guitarra muito provavelmente despedindo-se dos palcos; QUEEN + PAUL RODGERS voltando a fazer turnê juntos e numa grande homenagem ao show do QUEEN da primeira edição; e a grande surpresa da noite, ROGER WATERS, DAVID GILMOUR e NICK MASON juntos para um último ato do PINK FLOYD, nada mais justo para encerrar a primeira semana.

Quarto Dia:
IRA - ZZ TOP - LYNYRD SKYNYRD - RUSH - ROBERT PLANT.
A segunda semana inicia com a banda que voltou recentemente para ajudar na cruzada do bom e velho rock nacional dos anos 80, o IRA. Depois, abre passagem o rock sulista dos Estados Unidos com ZZ TOP e LYNYRD SKYNYRD, preparem-se para o hino "Free Bird". O espetacular RUSH antecede o eterno ROBERT PLANT para presenciarmos um pouquinho do LED ZEPPELIN no palco.

Quinto Dia:
SEPULTURA - JUDAS PRIEST - MEGADETH - METALLICA - IRON MAIDEN.
O dia do metal começa com a referência nacional, o SEPULTURA que junto de JUDAS PRIEST e MEGADETH repetem o dia 23 de janeiro de 1991 da segunda edição. METALLICA vem com mais um show espetacular, cru e direto. Para encerrar a noite não poderia ser outra banda, afinal IRON MAIDEN e Rock in Rio são praticamente sinônimos.

Sexto Dia:
BARAO VERMELHO - WHITESNAKE - SCORPIONS - DEEP PURPLE - THE WHO.
O BARAO VERMELHO volta de mais um recesso para abrir uma das grandes noites do festival. WHITESNAKE e SCORPIONS fazem uma repetição da edição de 85. DEEP PURPLE continua o espetáculo com seus clássicos e a participação especial de RITCHIE BLACKMORE (estamos sonhado mesmo não custa nada exagerar mais um pouco). Para fechar o penúltimo dia mais uma surpresa, pela primeira vez no Brasil em sua última turnê a legendária banda THE WHO.

Sétimo Dia:
PLEBE RUDE - VAN HALEN - KISS - BLACK SABBATH - AC/DC.
O último dia começa com o rock de protesto da PLEBE RUDE. VAN HALEN aparece pela segunda vez o Brasil. KISS logo em seguida para um "Rock And Roll All Night". BLACK SABBATH não poderia deixar de passar por aqui com todos os integrantes originais. E para encerrar o melhor Rock In Rio de todos os tempos AC/DC e seus fãs malucos pulando e enlouquecendo no maior show, de uma banda de rock, da atualidade.

E então... acordei...

E você, qual seria o seu Rock In Rio ideal?




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção OpiniõesTodas as matérias sobre "Rock In Rio"


Metallica: pela oitava vez no Rock In Rio, será que um dia cansa?Metallica
Pela oitava vez no Rock In Rio, será que um dia cansa?

Rock In Rio Lisboa 2014: O balanço final oficial do eventoRock In Rio Lisboa 2014
O balanço final oficial do evento


Sepultura: Derrick Green elege seus 10 vocalistas preferidos do heavy metalSepultura
Derrick Green elege seus 10 vocalistas preferidos do heavy metal

Linkin Park: Chester Bennington abre o jogo sobre seu vícioLinkin Park
Chester Bennington abre o jogo sobre seu vício


Sobre Lincoln Melo

Paulistano de nascença, entretanto não é de nenhum lugar, é de lugar nenhum. Acha que o rock mudou o mundo, porém teve o seu mundo mudado por uma pedra preciosa chamada Jade. É eclético dentro do rock, mas cultua o rock britânico (Led, Beatles, Stones, Who, Purple, Clapton...) sem esquecer as origens (Presley, Holly, Lewis, Berry...). Tem uma filha de 4 patas rock and roll, que faz jus ao seu nome: Led (de Led Zeppelin). E tem a certeza de que a vida, como o rock, não acaba aqui.

Mais matérias de Lincoln Melo no Whiplash.Net.

Goo336x280