Andrew W.K.: parte de uma conspiração de vários atores?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Gabriel Costa, Fonte: MetalSucks
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 09/01/10. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O MetalSucks publicou um artigo sobre o rumor de que o músico ANDREW W.K. seria, de acordo com teóricos da conspiração, não uma pessoa real, mas um personagem performático desenvolvido e retratado por múltiplas pessoas.

5000 acessosAxl Rose: Um dos vocalistas com maior alcance5000 acessosMetal: as bandas e sub-gêneros mais odiados pelos metalheads

As teorias dividem-se entre a possibilidade de ANDREW W.K. nunca ter passado de um personagem criado por executivos, ou de que o artista de fato existiu, mas foi substituído por um ator ou outro músico a partir de 2005.

Os conspiracionistas acreditam que o substituto seria uma misteriosa figura conhecida como Steev Mike, listado como produtor executivo no álbum de estreia de W.K., "I Get Wet" (2001). Até o nome de DAVE GROHL (NIRVANA, FOO FIGHTERS, THEM CROOKED VULTURES) surge em algumas histórias, como a possível identidade verdadeira de Steev Mike ou um dos "inventores" de ANDREW W.K.

Há quem diga ainda que os nomes por trás de W.K. seriam os mesmos que criaram a "personagem" LADY GAGA, e que ambos seriam exemplos de ícones de entretenimento contruídos com fins corporativos e ligações ocultistas.

Segundo o MetalSucks, o rumor ganhou força no mês passado, quando o próprio W.K. (ou, possivelmente, Steev Mike) admitiu a possibilidade de que seu nome se referiria a uma "ideia ou conceito (...) criada por (...) um grande grupo de pessoas (...) no espírito do comércio e de entretenimento", em uma entrevista ao Rockfeedback.com.

Desde o dia 3 de janeiro, no entanto, constam do site oficial do próprio músico um vídeo e uma declaração negando os rumores.

"Desde 2001, tenho sido acusado de fazer parte de uma conspiração na qual eu teria deliberadamente assinado um contrato com um diretores criativos chamados Steev Mike, que prosseguiram em inventar uma nova identidade sob a qual eu atuaria. Estou aqui para dizer que isso simplesmente não é verdade e é um exageiro grosseiro de práticas comuns e facilmente explicáveis da indústria musical. Claro que eu trabalho com pessoas que escolhem não incluir seus nomes completos ou verdadeiros nos créditos, ou que não estão no palco durante meus shows - mas receber conselhos e orientações de outras pessoas não significa que eu seja vítima de controle mental", escreve W.K.

O MetalSucks transcreve ainda parte de um post recente no Metal Insider, no qual o ex-diretor de programas da estação de rádio universitária WSOU, Dan Rodriguez, conta que, em um show de Andrew W.K. patrocinado pela emissora em 2004, em Nova Jersey, fãs protestaram, ultrajados por terem pago pelo show do que consideraram um impostor.

"Esperava-se que ANDREW passasse a tarde no local do show, na companhia da grata equipe da WSOU. Em algum ponto logo antes da abertura da casa, fui informado de que ele não chegaria até pouco antes da apresentação", conta Rodriguez. "(...) Um carro estacionou minutos antes da banda subir ao palco, e ANDREW (ou "ANDREW", dependendo do seu nível de loucura) rapidamente correu para o prédio e para o palco, com a cabeça coberta por um capuz. Depois do show, ele vestiu o capuz novamente e correu de volta para o carro, a la Michael Jackson. (...)"

"Olhando para trás, suponho que esse comportamento tenha sido estranho, mas não pensei muito a respeito na época. Eu não notei nenhum comportamento especialmente estranho durante a apresentação, mas eu não sou um historiador da carreira de Andrew W.K.. Ele certamente parecia com o cara de onde eu estava ao lado do palco", ressalta Rodriguez.

"Imediatamente após o show, alguém ligou para o meu celular para agradecer por ter sido incluído no evento. Ele afirmava ser ANDREW W.K.. Ele soava como ANDREW W.K., e ele parecia sincero. Nós nunca procuramos o cara para fazer o show. Na verdade, a rádio nem tocava material dele na época. Ele era apenas um grande, grande fã da rádio que se esforçou para nos contar isso, e eu agarrei a oportunidade de trazer um grande nome a bordo. Ele fez o show em troca de nada além das passagens aéreas e do hotel para sua banda."

"Claro, foi bem difícil convencer disso as centenas de ouvintes que congestionaram os telefones de atendimento da WSOU e o meu próprio número comercial todos os dias nas semanas seguintes ao show. E, porque eu sou incapaz de fugir de uma discussão (e porque eu tinha que levar a sério acusações de deliberadamente cobrar ingressos para ver um impostor), eu passei horas até demais atendendo loucos e ouvintes que insistiam que eu era parte de uma conspiração por negar isso. Qualquer coisa exceto uma confissão seria considerada mentira. E aquelas pessoas estouraram minha caixa de mensagens, além de inutilizarem os telefones de atendimento por semanas."

Existem diversos sites e blogs sobre as teorias relativas à identidade (ou identidades) de ANDREW W.K. Para tirar suas próprias conclusões, leia mais a respeito (em inglês) nos links abaixo.

http://awilkeskrier.homestead.com/
http://what-happened-to-awk.weebly.com/
http://andrewwkconspiracy.wetpaint.com/

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Andrew W.K."

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Andrew W.K."

Axl RoseAxl Rose
Um dos vocalistas com maior alcance

MetalMetal
As bandas e sub-gêneros mais odiados pelos metalheads

Marc Ferr?Marc Ferr?
A música "Wasting Love", do Iron Maiden, é um Plágio?

5000 acessosGhost: Nergal revelou a identidade de Papa Emeritus II?5000 acessosSlipknot: Ana Maria Braga surpreende em abertura do Mais Você5000 acessosLed Zeppelin: as crianças da capa de "Houses Of The Holy"5000 acessosSlipknot: Corey Taylor treta com fã e expulsa o cara do show5000 acessosIron Maiden: fã de 10 anos detona música com Nicko na batera5000 acessosBruce Dickinson: sua coleção de clássicos do Metallica

Sobre Gabriel Costa

Carioca, jornalista por profissão e roqueiro de nascença, Gabriel teve o primeiro contato direto com o rock and roll ao ouvir o álbum de estreia do Black Sabbath em um velho vinil de seu pai. Garoto do século 20, nascido em 1984, é absolutamente fascinado por tudo o que envolve o estilo, da música à mitologia. Canta na banda Six Pack Wonder, escuta de Backyard Babies a Strapping Young Lad, ama The Wildhearts e segue fielmente os ensinamentos de Lemmy e Danko Jones. Escreve no Twitter em http://twitter.com/gabrielccosta.

Mais matérias de Gabriel Costa no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online