RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de “Gita”

imagemA opinião de Humberto Gessinger sobre movimentos separatistas da região Sul do Brasil

imagemQuando Roberto Carlos foi alfinetado por Raul Seixas, mas o Rei gostou do que ouviu

imagemDavid Gilmour largou vício maléfico após ouvir erro em disco do Pink Floyd

imagemDave Mustaine diz que atual formação do Megadeth é mais bem-sucedida em anos

imagemPróximo do Angra contará com Fernanda Lira, Mayara Puertas, Karina Menascé e Angel Sberse

imagemComo Brian May acabou fazendo participação especial em disco dos Paralamas do Sucesso?

imagemRoger Waters ataca a Ucrânia e é ofendido por esposa de David Gilmour

imagemO recado de Felipe Andreoli para fãs que esperam novo "Rebirth" ou "Temple of Shadows"

imagemCinco ícones do heavy metal que morreram de forma trágica

imagemPróximo álbum do Metallica será lançado em fitinha que custa mais de 80 reais

imagem"Patinho feio", Gene Simmons diz que não tem amigos

imagemMick Taylor sobre Rolling Stones: "Não conseguia acreditar como eles soavam mal"

imagemLuis Mariutti, Edu Ardanuy, Nando Fernandes e Rafael Rosa comentam estreia da Sinistra


Def Leppard Motley Crue 2

Dave Grohl: por que ele raramente fala dos estranhos últimos dias de Kurt Cobain

Por Igor Miranda
Postado em 15 de outubro de 2020

Dave Grohl, antigo baterista do Nirvana e hoje líder do Foo Fighters, não é do tipo que fica falando muito sobre o passado - especialmente se o tema é o frontman Kurt Cobain. Grohl evita, de forma específica, fazer qualquer comentário sobre os últimos dias do músico, que cometeu suicídio em abril de 1994.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O site CheatSheet resgatou algumas raras entrevistas onde Dave Grohl abriu o coração sobre esse assunto. Em suas declarações, Grohl conta que sofre de verdade quando precisa abordar tais memórias, por isso não fala nesse tema, e revela que, apesar de ninguém ter previsto que Kurt Cobain se mataria, os dias finais do líder do Nirvana foram "estranhos".

O sucesso imediato e de enormes proporções do Nirvana após lançar o álbum "Nevermind" (1991) foi o primeiro fator de atenção em meio à relação pessoal entre os músicos. "Infelizmente, o Nirvana ficou grande demais rapidamente. Bandas são como famílias que passam por dores de crescimento desconfortáveis - e, se acontecer de uma vez, é demais para se lidar", afirmou Dave, em entrevista ao canal Off Camera, transcrita pelo Diffuser.

https://diffuser.fm/dave-grohl-kurt-cobain-off-camera/

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A pressão exercida após o sucesso causou impacto em Kurt Cobain, que era descrito como um amigo fácil de se lidar antes da fama, apesar de seu histórico familiar complicado. O músico ficou viciado em heroína e passou a ter um comportamento volátil - mesma característica de seu casamento com Courtney Love.

Tudo isso, inclusive o relacionamento com a musicista do Hole, causou tensão na banda, conforme apontado por Grohl em bate-papo publicado pela Society of Rock. Os tempos finais de vida de Kurt trazem memórias negativas para o baterista, já que os conflitos eram frequentes, além, é claro, de remeterem ao suicídio.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Até mesmo a opção de Dave Grohl por não usar drogas, algo que ele decidiu ainda na adolescência, causava tensões internas, conforme ele próprio revelou à iHeart. Uma bola de neve se formou até que Grohl definiu os períodos finais de Kurt Cobain como "estranhos". "As coisas ficaram estranhas no final", declarou.

O último mês de Kurt Cobain

O Nirvana fez seu último show em 1° de março de 1994, em Munique, na Alemanha, cerca de um mês antes de Kurt Cobain cometer suicídio, em 5 de abril. Pouco tempo após a apresentação, Kurt foi internado em uma clínica de reabilitação, em meio a uma intervenção feita por Courtney Love e apoiada por amigos dele.

Depressivo, Kurt já havia tentado cometer suicídio no passado. Entretanto, em março de 1994, ninguém conseguia perceber que ele estava contemplando a ideia - ele apenas havia intensificado seu vício em drogas.

A internação em uma clínica de reabilitação, em Los Angeles, ocorreu em 30 de março de 1994, mas ele fugiu do local no dia seguinte e pegou um voo para Seattle - onde, curiosamente, sentou-se próximo a Duff McKagan, do Guns N' Roses, que também era de Seattle. Entre os dias 2 e 3 de abril, Kurt foi visto em vários locais da cidade, enquanto Courtney contratou um detetive para localizá-lo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Cobain tirou a própria vida no dia 5 daquele mês, mas seu corpo foi descoberto apenas três dias depois, em sua antiga casa, por um eletricista que foi ao local para instalar um sistema de segurança.

Dave Grohl quase desistiu da música após a morte do amigo. Ele gravou sozinho o novo álbum do Foo Fighters, já em 1995, como uma forma de "exorcizar os próprios demônios" em meio a uma depressão que enfrentou naquele período.

No Brasil, o Centro de Valorização da Vida (CVV), associação civil sem fins lucrativos, oferece apoio emocional e prevenção do suicídio, gratuitamente, 24 horas por dia. Qualquer pessoa que queira e precise conversar, pode entrar em contato com o CVV, de forma sigilosa, pelo telefone 188, além de e-mail, chat e Skype, disponíveis no site www.cvv.org.br.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.
Mais matérias de Igor Miranda.