RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas


Gene Simmons conta como a insegurança afetou o Kiss em "Creatures of the Night"

Por André Garcia
Postado em 04 de dezembro de 2022

O Kiss se viu no fundo do poço com "Music From the Elder" (1981), detonado por críticos e fãs. Para piorar, vendeu tão pouco que nem sequer rendeu uma turnê — um vexame para alguém que até pouco tempo faturava disco de platina sem fazer esforço.

Kiss - Mais Novidades

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Quando entraram em estúdio em 1982 para trabalhar no que seria o "Creatures of the Night", Gene Simmons e Paul Stanley se viram inseguros e com a confiança em frangalhos por seus recentes tropeços.

"Estávamos andando com uma perna só", disse o baixista em entrevista recente para a Guitar World. "Se tivesse que descrever em uma imagem, seria nós sendo totalmente inseguros de nós mesmos. Na época do 'Creatures [of the Night'], mal éramos uma banda — era Paul [Stanley], eu e um monte de músicos a nosso redor que trouxemos para nos ajudar a gravar. Claro, tínhamos Eric Carr, que era ótimo baterista, mas ainda era muito novo."

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Pela primeira vez, tivemos compositores de fora para nos ajudar a escrever as músicas. Aquilo foi difícil para mim, porque pela primeira vez na história, nos sentimos totalmente inseguros do que fazíamos com o Kiss. [Até então] sempre acreditamos na visão do Kiss, mas as coisas saíram tanto do prumo que não sabíamos mais como corrigir a rota do navio."

"Quando fizemos o 'Creatures [of the Night]', Ace [Frehley] já tinha saído. Ele não aparece em uma única música no disco, sua única aparição foi para fotos promocionais. Ele ainda nos fez um favor em aparecer no clipe de 'I Love It Loud'. Mas mesmo isso acabou sendo um erro, porque, como ele claramente não sabia a música, ficou fingindo tocar do começo ao fim. Então não apenas estávamos inseguros como ainda nem sequer tínhamos um guitarrista solo."

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Apesar de tudo isso, a magia do Kiss brilhou. Estávamos reduzidos a dois membros originais e sem um guitarrista solo, mas as músicas até que se saíram bem. Devo dizer que não teríamos conseguido sem Eric [Carr] — ele deu duro para obter aquele som pesado de bateria. Aquilo ajudou a muitas daquelas músicas, como 'War Machine' e 'I Love It Loud', que pegaram e estão no nosso repertório até hoje", concluiu.

Kiss

Concebido e formado por Gene Simmons e Paul Stanley, o Kiss lançou seu álbum de estreia, autointitulado, em 1974, com Peter Criss e Ace Frehley completando a formação. Anônimo, o quarteto para chamar atenção do público adotou maquiagens, salto plataforma e roupas de couro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O sucesso chegou com "Rock and Roll All Nite" emplacando em "Alive!" (1975) e o lançamento de "Destroyer" (1976), reconhecido como uma obra-prima.

A fama, no entanto, não fez bem à banda, provocando tensão entre seus membros e levando sua sonoridade por rumos mais pop que derrubaram sua popularidade. O fundo do poço foi "Music From the Elder" (1981), que vendeu tão pouco que nem sequer teve uma turnê.

No começo dos anos 80 a banda, abalada por mudanças na formação, amargou um novo fracasso comercial em "Creatures of the Night" (1982), apesar do hit "I Love It Loud". Em "Lick It Up" (1983), Gene e Paul partiram para o all-in ao abandonar as máscaras, sua marca registrada. A partir dali, embarcaram em uma fase mais hair metal, seguindo os passos de nomes como Mötley Crüe.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - WHIP
Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Em meados dos anos 90, o Kiss retornou às máscaras e a sua formação original, mas a reunião não durou muito. No começo dos anos 2000, com Eric Singer e Tommy Thayer no lugar de Peter e Ace, a banda chegou a sua formação mais estável, que permanece junta até hoje.

Sua turnê de despedida passou pelo Brasil no primeiro semestre de 2022.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | Alex Juarez Muller | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Geraldo Fonseca | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre André Garcia

Sou redator e tradutor freelancer e escritor, autor do livro de contos Liber IMP. Ouço rock desde pequeno, leio coisas sobre bandas desde sempre e escrevo sobre ela já tem anos. Cresci como fã de Iron Maiden e paladino do rock, mas já me tratei. Hoje sou fã de nomes como Beatles, David Bowie, The Cure, Kraftwerk e Velvet Underground, e de cenas como a Londres psicodélica, a Nova Iorque proto-punk e a Manchester pós-punk. Escrevo notas e notícias rápidas para o Whiplash.Net visando compartilhar conteúdo relevante sobre música e cultura pop.
Mais matérias de André Garcia.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS