RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemPor que Lemmy odiava tocar "Ace of Spades" nos shows do Motörhead

imagemA atitude punk da Legião Urbana que causou irritação e deu trabalho na gravação

imagemOmelete diz que heavy metal pertence agora à nova geração e não ao tiozão headbanger

imagemQuatro músicas de artistas brasileiros que citam Os Paralamas do Sucesso

imagemO hit dos Beatles que talvez seja sobre drogas e que "Jesus" acompanhou gravação

imagemO conselho realista de John Petrucci para bandas que estão começando agora

imagemO brasileiro com a voz parecida com a de Axl Rose que viralizou no TikTok

imagemDeep Purple: David Coverdale revela quem quis como substituto de Ritchie Blackmore

imagem"Quem não gosta de Beatles bom sujeito não é", diz João Gordo

imagemAndi Deris tem problemas de saúde e shows do Helloween são adiados

imagemProdutor da turnê de Paul Di'Anno explica problemas no primeiro show

imagem5 motivos para assistir ao novo RockGol 2023 que estreia em fevereiro

imagemClipe de "From The Ashes" ultrapassa 1 milhão de views e Fernanda Lira celebra

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical


Anthrax: A volta por cima com We've Come For You All

Resenha - We've Come For You All - Anthrax

Por Mateus Ribeiro
Postado em 24 de abril de 2019

Nota: 10

O final da década de 1990 não foi dos períodos mais legais para o Anthrax. Os discos "Stomp 442" (1995) e "Volume 8:The Threat is Real (1998)" fracassaram comercialmente, e a banda chegou perto do fim.

Como se não bastasse o baixo número de vendas, após os atentados terroristas de 11 de setembro de 2001, vários envelopes contendo a bactéria Antraz foram enviados pelos correios, causando a morte de cinco pessoas. O fato colocou o nome da banda em evidência, mas obviamente, pelos piores motivos possíveis.

Para a sorte dos fãs, o grupo não desistiu,os problemas pareciam ter diminuído, e em maio de 2003 nasce "We´ve Come For You All", que colocou o Anthrax no lugar onde a banda deveria estar sempre: entre os grandes do metal.

O disco é como se fosse uma continuação do que a banda havia começado a fazer em "Sound Of White Noise", porém, com mais peso e mais groove ainda.

John Bush está cantando como nunca, a cozinha se mostra muito entrosada, e Rob Caggiano se mostrou o parceiro ideal para Scott Ian.

A breve introdução "Contact" serve como um belo prato de entrada para "What Doesn´t Die", uma ótima faixa de abertura, muito rápida e pesada. A ótima "Superhero" é um pouco mais arrastada, mas mantém o peso. Outro grande destaque do álbum vem na sequência, a ótima "Refuse To Be Denied".

O maior sucesso do disco fica por conta de "Safe Home", balada pesada que inclusive ganhou um vídeo com a participação do ator Keanu Reeves."Anyplace But Here" tem os primeiros acordes parecidos com o da introdução do álbum, e vai crescendo, até chegar em seu grandioso refrão, que chega a lembrar "Moneytalks", do AC/DC. A primeira metade do disco é encerrada com a pesada "Nobody Knows Anything", música que conta com um show de Benante nas baquetas.

O saudoso Dimebag Darrell participa de "Strap It On", que abre a segunda parte do álbum,e curiosamente, é um tributo ao passado. Um dos momentos mais insanos do disco fica com "Black Dahlia", que mostra mais uma vez que Benante estava em ótima forma (que mantém até os dias de hoje).

Mais uma vez, Dimebag dá as caras, dessa vez em Cadillac Rock Box", um dos momentos mais felizes do disco. Por ironia do destino, a última frase da música diz "Bury me in my Cadillac Rock Box" (caso alguém não saiba, Dimebag morreu um ano e meio após o lançamento do álbum, e a tradução para a palavra bury é enterrar).

E se você acha que as colaborações especiais do disco acabaram, prepare se: ninguém menos que Roger Daltrey, vocalista do The Who, participa de "Taking The Music Back".Por fim, "Think About An End" e "W.C.F.Y.A." encerram o trabalho com muita energia.

Depois de anos passando por momentos ruins, enfim, o Anthrax voltava emplacar um grande disco, que recolocou a banda no mapa. Infelizmente, para alguns (leia se o redator da matéria), esse foi o último trabalho de estúdio com John Bush nos vocais (ao menos de músicas originais, já que em 2004, a banda gravou "The Greater Of Two Evils", disco que traz regravações de outras fases da banda na voz de Bush).

[an error occurred while processing this directive]

"We´ve Come For You All" é um grande trabalho, que mescla a modernidade que a época de seu lançamento pedia com as velhas influências que o Anthrax nunca abandonou. Um disco fundamental na discografia da banda!

Ano de lançamento:2003

Faixas:

"Contact"
"What Doesn't Die"
"Superhero"
"Refuse to Be Denied"
"Safe Home"
"Any Place But Here"
"Nobody Knows Anything"
"Strap It On"
"Black Dahlia"
"Cadillac Rock Box"
"Taking the Music Back"
"Crash"
"Think About an End"
"W.C.F.Y.A."

Formação:
John Bush – vocal
Rob Caggiano – guitarra
Scott Ian – guitarra/vocais de apoio
Frank Bello – baixo/vocais de apoio
Charlie Benante – bateria

[an error occurred while processing this directive]


Outras resenhas de We've Come For You All - Anthrax

Resenha - We've Come For You All - Anthrax

Resenha - We've Come For You All - Anthrax

Resenha - We've Come For You All - Anthrax

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Iron Maiden: As top 10 da banda segundo Scott Ian, do Anthrax


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Mateus Ribeiro

Fã de Ramones, In Flames e Soilwork. Ouve (quase) tudo, desde rock clássico até black metal.
Mais matérias de Mateus Ribeiro.