RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemOs 10 maiores vocalistas de heavy metal de todos os tempos, em lista do Ruthless Metal

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemComo Tommy Lee e o Mötley Crüe ajudaram Axl Rose a escrever "November Rain"

imagemQual era a opinião de Tony Iommi sobre Ozzy Osbourne solo e Randy Rhoads em 1984?

imagemEx-guitarrista do Megadeth não liga para Mustaine e diz que está "fazendo dinheiro para ele"

imagemOs 10 maiores álbuns da história do grunge, em lista do Brave Words

imagemPor que Lemmy odiava tocar "Ace of Spades" nos shows do Motörhead

imagemPaul McCartney quase foi atropelado ao tentar recriar famosa cena de capa de disco

imagemSlash se sente feliz por não existir internet nos primórdios do Guns N' Roses

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical

imagemO hit dos Beatles que talvez seja sobre drogas e que "Jesus" acompanhou gravação

imagemO brasileiro com a voz parecida com a de Axl Rose que viralizou no TikTok

imagemOs 4 fatores determinantes que levaram Renato Russo a dependência química

imagemOmelete diz que heavy metal pertence agora à nova geração e não ao tiozão headbanger

imagemQuatro músicas de artistas brasileiros que citam Os Paralamas do Sucesso


Stamp

Brightly Painted Corpses: O negro mundo de um homem só

Resenha - Auditory Hallucinations - Brightly Painted Corpses

Por Marcelo Hissa
Postado em 26 de agosto de 2017

É admirável observar esses projetos musicais em que apenas uma pessoa faz tudo. Dan London toca guitarra, baixo, bateria, teclado, canta e compõem tudo de sua "banda". Se fosse só isso já era admirável o suficiente, agora acredite ainda que de 2015 até hoje (2017) o cara criou 7 (SETE) Full-lengths do Brightly Painted Corpses.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Auditory Hallucinations é o segundo album lançado em 2017 e foi concebido de uma mistura de Funeral Doom Metal com Atmospheric Black Metal. Do primeiro herdou o compasso e o peso montanhesco, do segundo o vocal cavernoso (distante de microfone) e a aura carregada de piano-órgão-teclado. A jornada se extende por 6 faixas com durações que variam de 7 a 11 minutos. Músicas longas assim fogem do marasmo através de oscilações em ritmo, intensidade, vibração. Vide Broken Throats Learned New Hymnals que ziguezaguea entre o fervor metálico e o semi-silêncio classicista. Destaque ainda para a instrumental Fragments of Ice Held in Suspension com seus 10 minutos de contorções. Apesar de bem executado o som peca na singularidade – nada que não tenhamos ouvido antes e melhor. A produção é enxuta e não chega a comprometer (tanto) o som.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Auditory Hallucinations é recomendado para fãs de black metal atmosférico arrastado feito por um homem só. Se originalidade não é sua exigência suprema, o Brightly Painted Corpses oferece 56 minutos de deleite.

TrackList
1.Auditory Hallucinations 09:15
2.Broken Throats Learned New Hymnals 08:43
3.Expendable, Like Anyone for that Matter 07:25
4.The Tongue with the Thorn 10:27
5.Fragments of Ice Held in Suspension 09:58
6.Sigils Stained with Blood 11:05

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps



LGBT: confira alguns músicos que não são heterossexuais


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Marcelo Hissa

Médico em horário comercial, fanático e colecionador de música em tempo integral. Tipo de música preferida: a boa, se tiver peso melhor ainda.
Mais matérias de Marcelo Hissa.