Peso e Cadência: Peso e Cadência em EP

Resenha - All Is Well That Ends in Hell - Father Merrin

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

7

Os apreciadores de Doom Metal, Stoner e Sludge irão se deleitar com o primeiro EP deste quinteto francês. Fundado em 2009, o grupo havia apenas lançado uma demo antes deste trabalho que traz muito peso e qualidade.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O peso aqui no caso não fica por conta de afinação baixa apenas e muito menos pelos timbres sujos. É que o Father Merrin traz três guitarras, bem timbradas e que executam bases intensas, típicas do estilo. O mérito é de The Unknow, A (também vocalista) e JB que incluem dedilhados e palhetadas abafadas sem dar muito espaço aos solos.

A também aposta em uma versatilidade em seus vocais arriscando até alguns guturais. O baixo de J destila peso, com linhas pulsantes como o estilo pede. Enquanto isso a bateria de S dita o ritmo que não chega a ser arrastado, mas sim varia na cadência e passa longe de ser sorumbático. Ah, sim, os caras se utilizam destes pseudônimos mesmo: The Unknow, A, JB, J e S.

Sim, há um ar obscuro no disco, mas nada que transborde melancolia e/ou tristeza. A coisa aqui pende pra algo mais fúnebre, principalmente nas levadas, o que encaixa a banda em algo mais clássico, assim diríamos. A produção do EP está acima da média e soa orgânica, o que é mais um ponto positivo. Interessante.

https://www.facebook.com/Fathermerrin.doom
http://fathermerrin.bandcamp.com/

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Fotos de Infância: Lemmy Kilmister, do MotorheadFotos de Infância
Lemmy Kilmister, do Motorhead

Rush: Um Adeus Aos ReisRush
Um Adeus Aos Reis


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Goo336 GooInArt Cli336 Goo336