Matérias Mais Lidas

imagemHá 20 anos, Frejat explicava como Raimundos não se dobrava perante gravadora

imagemDez bandas de rock e metal que gravaram versões para músicas de outros estilos

imagemAxl Rose faz piada de gosto duvidoso sobre incidente com microfone

imagemRegis Tadeu coloca o dedo na ferida e aponta o grande erro do rock nacional dos anos oitenta

imagemA música do Queen que Brian May pensou que era uma brincadeira

imagemB. B. King sobre John Lennon ter dito que queria tocar como ele

imagemA visionária melhor música do Genesis na opinião de Steve Hackett

imagemEric Clapton relembra como era ser chamado de Deus nos anos 60

imagemEmpresária do Judas Priest conta como foi o encontro de K.K. Downing com ex-companheiros

imagemO álbum que chocou colégio de freiras de Rafael Bittencourt e foi "libertador"

imagemBandas de heavy metal que lançaram discos em quatro décadas diferentes

imagemSlash falhou em seguir o conselho de Keith Richards, que mesmo assim foi lá e o apoiou

imagemPara Santana, Jimi Hendrix tocando em estúdio era "como se estivesse possuído!"

imagemEdu Falaschi critica apresentador do SporTV por crítica à CR7: "Falar até papagaio fala"

imagemMunicipal Waste: mãe do baterista vai pro crowdsurfing durante show da banda


Lift Detox
Stamp

Warcursed: Mostrando que o brilhantismo é algo bem natural

Resenha - Last March - Warcursed

Por Thalles Magno
Postado em 08 de abril de 2015

Nota: 9

O brilhantismo na carreira do Warcursed é algo bem natural, desde seu debut "Escape from Nightmare" em 2012, foi evidente que eles tinham um diferencial. Agora com a disparada do "The Last March" em 2014, a banda promove um álbum melhor produzido e com uma técnica descomunal, mesclando o Death Metal com o Thrash Metal de maneira esplêndida. Dessa forma, tornaram-se uma das melhores bandas da região nordeste, dividindo palco com bandas como Nervochaos, Sepultura, Ratos de Porão, Terraprima, entre outras.

publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |

Iniciaram como uma banda cover do MEGADETH e surgindo a vontade de criar músicas próprias e se tornar uma banda autoral, que na época chamava-se Post Mortem, eles buscaram sua própria identidade. Nas letras é levada uma temática focada nos problemas sociais, envolvendo guerra, religião, insanidade e problemas existenciais.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

''The Last March'' inicia com com um instrumental ímpar, riffs super bem executados e criativos, além de um vocal poderoso e agressivo, a exemplo disso fica a sua primeira música ''Superior Tyranny'' esbanjando qualidade. Segue-se então para a faixa homônima ''The Last March'' que brinda o ouvinte com momentos de pura agressividade, mas sem deixar de lado a técnica. Em ''K.I.Y.'' e ''Renegades From Hell'' o refrão e a sonoridade chega a lembrar o som do ARCH ENEMY mas de forma mais brutal, fato ressaltado pela grande qualidade dos músicos que fazem uso das cordas.

Em ''Deathmachine'' e ''Symptoms Of Decay'' o instrumental vai a loucura, possui muitos riffs cadenciados e há uma bateria e baixo bem marcado a todo momento. O álbum finaliza com as faixas ''Temple Of Destruction'' e ''Legacy Of Violence'' determinando que o Warcursed está preparado para fazer mais turnês pelo exterior e destruir tudo em suas apresentações, já que eles não passam vergonha comparados com qualquer banda gringa.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Track List:
1. Intro Curse
2. Superior Tyranny
3. The Last March
4. K.I.Y
5. Renegades from Hell
6. Deathmachine
7. Symptoms of Decay
8. Temple of Destruction
9. Legacy of Violence

Membros:
Luciano Miranda (Vocal/Baixo)
Richard Senko (Guitarra)
Eduardo Victor (Guitarra)
Marsell Senko (Bateria)


Outras resenhas de Last March - Warcursed

Resenha - Last March - Warcursed

Resenha - Last March - Warcursed

Resenha - Last March - Warcursed

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Samael Hypocrisy
Lift Detox


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Metal Brazuca: algumas bandas que você precisa conhecer

Lynyrd Skynyrd: a história da espetacular "Simple Man"

David Gilmour largou vício maléfico após ouvir erro em disco do Pink Floyd


Sobre Thalles Magno

Tenho 19 anos, sou dono de dois Blogs relacionados ao Metal (Death e Thrash Metal / Conquerors Of Brazil). Sempre procuro estar informado sobre o que há de melhor na cena brasileira e colaboro como posso para que ela cresça ainda mais.

Mais matérias de Thalles Magno.