Matérias Mais Lidas

A opinião de Dinho Ouro Preto sobre o rapper Mano BrownA opinião de Dinho Ouro Preto sobre o rapper Mano Brown

Por que Renato Russo não deixava ninguém sorrir no palco, segundo Carlos TrilhaPor que Renato Russo não deixava ninguém sorrir no palco, segundo Carlos Trilha

Youtuber expõe miséria que Spotify repassa a bandas de metal brasileiroYoutuber expõe miséria que Spotify repassa a bandas de metal brasileiro

A música do Metallica que Kurt Cobain não parava de pedir para Kirk HammettA música do Metallica que Kurt Cobain não parava de pedir para Kirk Hammett

Anitta explora rock e punk em nova música Boys Don't Cry, segundo revistaAnitta explora rock e punk em nova música "Boys Don't Cry", segundo revista

Chega de Angra e Megadeth: Quais as favoritas do Kiko Loureiro pra tocar de boa em casa?Chega de Angra e Megadeth: Quais as favoritas do Kiko Loureiro pra tocar de boa em casa?

Black Sabbath: o dia que o jardineiro de Iommi chamou álbum da banda de Eternal IdiotBlack Sabbath: o dia que o jardineiro de Iommi chamou álbum da banda de "Eternal Idiot"

Judas Priest: a surpreendente música que colocou a banda no mainstreamJudas Priest: a surpreendente música que colocou a banda no mainstream

O álbum que mudou vida de Tuomas Holopainen e possibilitou criação do NightwishO álbum que mudou vida de Tuomas Holopainen e possibilitou criação do Nightwish

Iron Maiden: veja Adrian Smith cantando Wasted Years durante show do Smith/KotzenIron Maiden: veja Adrian Smith cantando "Wasted Years" durante show do Smith/Kotzen

Legião Urbana: conheça o casal que inspirou Eduardo e Mônica, que virou filmeLegião Urbana: conheça o casal que inspirou "Eduardo e Mônica", que virou filme

A forte resposta de Cazuza para sua mãe ao ser questionado sobre sua orientação sexualA forte resposta de Cazuza para sua mãe ao ser questionado sobre sua orientação sexual

Kiko Loureiro e shows que fez doente com Megadeth e Angra; contando minutos pra voltarKiko Loureiro e shows que fez doente com Megadeth e Angra; "contando minutos pra voltar"

Black Sabbath: Tony Martin achou que fosse apanhar de Dio no primeiro (e único) encontroBlack Sabbath: Tony Martin achou que fosse apanhar de Dio no primeiro (e único) encontro

Kiko Loureiro comenta sobre sua perda de audição e aconselha fãs e músicosKiko Loureiro comenta sobre sua perda de audição e aconselha fãs e músicos


Stamp

The Atlas Moth: Em mundos de luz e trevas ao mesmo tempo

Resenha - Old Believer - Atlas Moth

Por Marcus Spinelli
Em 20/06/14

O sucesso de The Atlas Moth veio sempre de composições convincentes. Embora eles começaram com um sludge formidável, o velho molde da banda de Chicago tinha se quebrado no momento em que gravou o seu segundo álbum de 2011 An Ache for the Distance, que virou um tormento Black Metal em esplendor Psicodélico, marchas mid-tempo em alternados momentos suaves do universo do Rock Alternativo.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

O pessoal da banda confirmou essas tendências poliglotas; o urrador Stavros Giannopoulos e cantor David Kush negociam guturais e grandes refrões, evocando uma tensão incrível através de variedade e imprevisibilidade. Em An Ache for the Distance , você podia ouvir o The Atlas Moth trilharem através de algumas dezenas de paixões e ouvia toques, em cada canção, do Deftones e My Bloody Valentine ao Allman Brothers Band e Neurosis. A qualquer momento, o próximo passo era sempre um ponto de interrogação.

The Old Believer teve nos seus primeiros três anos muita turbulência pessoal e profissional, que abrange muitas dessas canções do álbum. Mais do que nunca, o The Atlas Moth depende da dinâmica entre Giannopoulos e Kush; eles alternadamente tomam versos separados, mas trocam de uma linha voz para outra com desenvoltura e, durante os momentos mais dramáticos do álbum, eles cantam juntos.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Desde An Ache for the Distance, Giannopoulos perdeu sua mãe e sua namorada; Kush seu avô; então eles exploram a auto-dúvida e dilemas existenciais, perguntando sobre a vida após a morte e buscam de uma fuga nas músicas. Perto do fim da faixa mais emblemática do álbum, "The Sea Beyond", Giannopoulos e Kush giram em torno um do outro, lamentando a perda de Giannopoulos com Kush repetindo "I know you’re always with me" ("Eu sei que você está sempre comigo"), como uma máxima de autoconfiança. Giannopoulos eventualmente se junta a ele, num embate de desespero e esperança cantando perfeitamente e de forma inesperada de equilíbrio.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Mas, em geral, a variedade do Atlas Moth parece que gerou a sua própria hegemonia. É surpreendente que o que une tudo é a trama central da melodia que efetivamente funciona na totalidade do álbum. Riffs reinando no estilo Stoner Metal, mas não sem se aprofundar em tons de Sludge e Doom. Em essência, isto não é uma forma imediatamente atraente na primeira impressão. É o tipo de metal que vai trabalhar o seu caminho em seguidas apreciações do ouvinte, tomando seu tempo para fazer a marca a que se destina, distintamente original.

Os comprimentos das faixas parece perfeitamente adequado para a tarefa em mãos, não tão longo quanto o Doom, ou tão curto quanto um Rock. A música tem uma variedade de estilos; vai dos efeitos atmosféricos individualizados de cada música, para as suas estruturas melódicas fundamentais contínuas, trazendo inquietantes arranjos vocais e salientes paredões de riffs. Esta vibração específica e bem definida é única.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

The Atlas Moth chega a ser pesado e celestial, agressivo e acessível, existindo em mundos de luz e trevas ao mesmo tempo.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Metallica, Guns, Slipknot, Kiss: tombos, erros e fatos engraçadosMetallica, Guns, Slipknot, Kiss
Tombos, erros e fatos engraçados

Heavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregosHeavy Metal
Os maiores álbuns da história para os gregos