Matérias Mais Lidas

imagemA bizarra exigência de Ace Frehley para participar da última turnê do Kiss

imagemO grave problema do refrão de "Eagle Fly Free", segundo Fabio Lione

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemA categórica opinião de Dave Mustaine sobre religião "abusiva e falsa" de sua mãe

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"

imagemEdu Falaschi descobriu que seu primo famoso tem mais seguidores que ele no Instagram

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemDave Mustaine cutuca Kiss e bandas "preguiçosas" que usam playbacks

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemJoão Gordo diz que não torce pela seleção brasileira de futebol

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemLobão explica porquê todo sertanejo gostaria, no fundo, de ser roqueiro

imagemCinco bandas de rock que gravaram músicas de Michael Jackson, o Rei do Pop

imagemDave Mustaine, eufórico, compara James LoMenzo com Cliff Burton

imagemRádio canadense está tocando uma música do Rage Against The Machine sem parar


Airbourne 2022

Lugnasad: um dos melhores álbuns de Black Metal do ano

Resenha - Smell Of A Grey Sore - Lugnasad

Por Vitor Franceschini
Em 17/08/13

publicidade

Nota: 9

Sempre bato na tecla das atuais produções ruins do Black Metal. Tudo bem que a origem do estilo priorizava tal raiz, mas com os recursos de hoje em dia há como se fazer música odiosa com uma boa produção. Felizmente é isso que fazem os franceses do Lugnasad.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Smell Of A Grey Sore" é o primeiro trabalho do quinteto parisiense e traz toda a essência do Black Metal escandinavo de forma rara e bem feita. Guitarras ríspidas, com a uma cosinha seca e vocais rasgados/guturais dão a essência da música do grupo que se extingue de arranjos e passagens de teclados.

E quem pensa que a banda não consegue encaixar melodia em sua música se engana. Há sim momentos melódicos, mas nada que soe meloso e tudo na medida certa. Isso fica evidente nas duas faixas que iniciam o trabalho. Four In The Fifth Finger e Xerolagnia dão as boas vindas de forma categórica, principalmente a segunda que possui uma quebrada e riffs apocalípticos de arrepiar, além de um solo matador.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Aliás, este tipo de riff que nos arranca a alma de tanta raiva é recorrente durante o álbum. A variação rítmica também se faz presente e, apesar das faixas possuírem uma média de 6 minutos, elas não soam cansativas em momento algum.

Ainda menciono The Frigid Feast e a épica Scarified (ver vídeo no final da resenha) que fecha o disco magistralmente. Ah! E não podemos deixar de mencionar a ótima produção que deixou todos os instrumentos audíveis e soando organicamente, sem deixar nada artificial. Um dos melhores do estilo no ano.

http://www.lugnasad.fr/
http://www.facebook.com/Lugnasad.fr

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini.