Attractha: Hard Rock clássico bom, pesado e seco

Resenha - Engraved - Attractha

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marcos Garcia
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O ATTRACTHA, se São Paulo, apesar de ser uma banda ainda bem nova, pratica um Metal Tradicional com pitadas de Hard Rock clássico muito boa, bem pesada e seca, mas sem soar datado, e chega com seu novo trabalho, o EP de quatro faixas 'Engraved', após o Single 'Darkness', em dezembro do ano passado.

Runaways: Jackie Fox conta como foi estuprada por Kim FowleyMulheres no Rock: resistência em um meio machista

Vocais competentes e bem trabalhados, riffs de guitarra bem fortes, solos de guitarra esbanjando peso e melodia, base baixo-bateria pesada e com boa técnica, e tudo isso transpra uma música vibrante e pesada, com momentos de pura empolgação e energia. Se ainda tão novos como banda (pois o quarteto foi formado em maio de 2012), quando ficarem experientes tendem a se tornarem um nome forte da cena.

A produção sonora do trabalho ficou em um bom nível, deixando a banda soando pesada e limpa, permitindo que o trabalho fique audível nos mínimos detalhes e sem comprometer a música do quarteto, que soa forte e concisa, mostrando equilíbrio nas influências musicais, e entre a técnica e o feeling.

Como dito acima, o EP possui 4 faixas: 'Darkness', que é bem empolgante e energética, com a bateria mostrando boa técnica e bons vocais; 'The Choice', mais pesada e com um andamento bastante pesado e contagiante, com ótimas guitarras e um refrão muito bom; 'Blessing Life', mezzo balada e mezzo peso, com momentos 'sabbáthicos' aqui e ali, um solo muito bem arranjado e baixo mostrando peso e bastante pegada; e 'Beginning', outra faixa pesada e com um andamento moderado muito legal. E o EP foi disponibilizado para a audição em www.attractha.com/engraved.

Uma boa revelação, sem dúvidas, e esperemos mais coisas boas da banda em um futuro não distante.

Engraved - Attractha
(2013 - Independente - Nacional)
Tracklist:

01. Darkness
02. The Choice
03. Blessing Life
04. Beginning

Formação:

Marcos de Canha - Vocais
Ricardo Oliveira - Guitarras
Guilherme Momesso - Baixo
Humberto Zambrin - Bateria

Contatos:

http://www.attractha.com/
https://www.facebook.com/AttracthA
contato@attractha.com


Outras resenhas de Engraved - Attractha

AttracthA: Para quem aprecia Heavy Metal com uma pegada clássicaAttracthA: Um trabalho cheio de técnica e qualidade musicalAttractha: E dizem que não existe banda boa no BrasilAttractha: Bem produzido, bem tocado e transpirando bom gostoAttractha: Heavy Metal com Hard Rock e influências de Prog MetalAttractha: uma mescla de metal tradicional e hard rockAttractha: Heavy que balança entre Hard, Melódico e Thrash




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "AttracthA"


Runaways: Jackie Fox conta como foi estuprada por Kim FowleyRunaways
Jackie Fox conta como foi estuprada por Kim Fowley

Mulheres no Rock: resistência em um meio machistaMulheres no Rock
Resistência em um meio machista

Fotos de Infância: Skid RowFotos de Infância
Skid Row

Alice In Chains: seria essa a última foto de Staley com vida?De AC/DC a ZZ Top: Origens dos nomes de bandas e artistas de rockCannibal Corpse: fã com culhões de aço no moshpitSlash: O amor do guitarrista pelo riff de "Sweet Child O' Mine"

Sobre Marcos Garcia

Marcos Garcia é Mestrando em Geofísica na área de Clima Espacial, Bacharel e Licenciado em Física, professor, escritor e apreciador de todas as subdivisões de Metal, tendo sempre carinho pelas bandas mais jovens e desconhecidas do público, e acredita no Underground como forma de cultura e educação alternativas. Ainda possui seu próprio blog, o Metal Samsara, e encara a vida pela máxima de Buda "esqueça o passado, não pense no futuro, concentre-se apenas no presente".

Mais matérias de Marcos Garcia no Whiplash.Net.