Steve Harris: trabalho mais "leve" de Steve até hoje

Resenha - British Lion - Steve Harris

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Desde que Steve Harris, o mestre por trás do IRON MAIDEN, anunciou que iria lançar um disco solo, a imensa maioria dos fãs da música pesada foi pega de surpresa, pois imaginaram que haveria algum problema interno em sua banda principal. Mas, após desmentidos esses rumores, outra pergunta ficou impregnada na cabeça dos fãs: qual seria o caminho musical seguido neste disco solo, que não poderia figurar em um disco do MAIDEN, que extravasa o talento de Steve há décadas?
53 acessosTales Of The Iron Maiden: Animação de "Fear Of The Dark"5000 acessosYngwie Malmsteen: primeira namorada fala sobre o guitarrista

Pois bem, agora com o lançamento de "British Lion" temos a resposta para essa indagação, e, como era de se supor, o material é bem diferente de tudo que a Donzela já lançou ao longo de toda sua carreira, e faz referência às influências musicais de Steve. O disco trilha por caminhos mais experimentais e com grande influência de hard rock setentista e de música progressiva e ambiental, e embora não deixe totalmente de lado o peso, sem dúvida é o trabalho mais "leve" de Steve até hoje.

E tudo isso, principalmente, graças à performance do vocalista Richard Taylor, que tem uma voz bem suave e marcante, e até certo ponto mais "comercial". O trabalho de guitarras também é muito interessante e diversificado, assim como as linhas de baixo de Mr. Harris, que usa de uma sonoridade diferente da utilizada no MAIDEN, com o baixo soando mais grave, mas não menos presente. Além disso, as faixas são todas muito bem estruturadas, com belos arranjos e harmonias. Ou seja, com o padrão Steve Harris de qualidade.

Dentre os destaques do disco, cito "This is My God", repleta de groove, e com um peso bem interessante, que contrasta com os vocais calmos e limpos de Richard, de forma orgânica; "Karma Killer", com um clima mais hard rock, contando com ótimos riffs; "The Chosen Ones", que mescla influências de hard rock dos anos 70 e 80, com outras mais modernas, e é uma das melhores do disco; "Judas", com toques de metal clássico, mas sem tanto peso; e "These Are the Hands", com altas doses de melodia, e um clima mais experimental.

Portanto, trata-se de um material bem diversificado e até certo ponto inesperado, embora os fãs já tinham ideia de que o disco viria bem diferente da linha do IRON MAIDEN, apenas não sabiam o quanto. E sem dúvida muitos não irão curtir o material, tendo essa diversidade mencionada, mas, no geral, "British Lion" é um trabalho bem legal e, caso você esteja preparado para algo diferente, sem qualquer comparação com o MAIDEN, com certeza terá momentos de muita diversão durante sua audição.

PS - O lançamento oficial do disco está previsto para dia 24 de setembro, mas o mesmo já se encontra para audição completa no site abaixo, ficando disponível até o dia 23 de setembro. Confira.

http://www.ironmaiden.com/steve-harris-british-lion---hear-t...

British Lion – Steve Harris
(2012)

Formação:

Steve Harris - Bass
Richard Taylor - Vocals
David Hawkins - Guitar, Keyboards
Grahame Leslie - Guitar
Simon Dawson - Drums

Track List:

1. This is my God
2. Lost Worlds
3. Karma Killer
4. Us Against the World
5. The Chosen Ones
6. A World without Heaven
7. Judas
8. Eyes of the Young
9. These are the Hands
10. The Lesson

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de British Lion - Steve Harris

3505 acessosSteve Harris: disco pode divertir, mas com moderação4352 acessosSteve Harris: suas influências setentistas e oitentistas1780 acessosSteve Harris: som que queria fazer e da maneira que queria5000 acessosSteve Harris: apesar dos pesares, não decepciona4215 acessosSteve Harris: resenha da Classic Rock para o British Lion

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 24 de setembro de 2012

Iron MaidenIron Maiden
Blaze explica por que Andre Matos teria sido melhor

53 acessosTales Of The Iron Maiden: Animação de "Fear Of The Dark"2796 acessosIron Maiden: Book Of Souls Tour chega ao fim ainda sem "Hallowed..."667 acessosIron Maiden: Quadrinhos e action figures na Comic-Con de San Diego880 acessosDuplas de guitarristas: Loudwire elenca suas dez melhores1305 acessosBruce Dickinson: voando em um bombardeiro da II Guerra Mundial0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Iron Maiden"

Bruce DickinsonBruce Dickinson
Em fotos, os 55 anos do vocalista

Arte GráficaArte Gráfica
Designer brasileiro cria versões para clássicos

Iron MaidenIron Maiden
O lado escritor de Bruce Dickinson

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Iron Maiden"0 acessosTodas as matérias sobre "Steve Harris"

Yngwie MalmsteenYngwie Malmsteen
Primeira namorada fala sobre o guitarrista

Zakk WyldeZakk Wylde
Foto do arsenal de guitarras do músico

GuitarristasGuitarristas
E se os mestres esquecessem como se toca?

5000 acessosMegadeth: Mustaine fala sobre satanistas, gays e gatos5000 acessosHall Of Fame: 500 Músicas Que Marcaram o Rock and Roll5000 acessosDe AC/DC a ZZ Top: Origens dos nomes de bandas e artistas de rock5000 acessosAnette Olzon: "Às vezes é preciso ser malvada"5000 acessosPantera: ouça canção inédita de "Dimebag" Darrell5000 acessosDuff McKagan: questionando o "estilo de vida Rock and Roll"

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online