Hypocrisy: Tome Death Metal cheio de melodias no crânio

Resenha - A Taste of Extreme Divinity - Hypocrisy

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Christiano K.O.D.A.
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Falar de Hypocrisy é falar de muita qualidade. E logicamente que “A Taste of Extreme Divinity”, até aqui o último full length dos suecos (depois foram lançados um split, um single, um EP e o magistral DVD “Hell Over Sofia – 20 Years of Chaos and Confusion”) não foge à regra e novamente evidencia o porquê de a banda ser tão querida e competente. E graças à Laser Company (www.lasercompanymusicstore.com.br), o disco foi lançado nacionalmente, com uma faixa bônus – “The Sinner”.
535 acessosHypocrisy: Peter Tägtgren fala sobre o futuro da banda5000 acessosMini Iron Maiden: tocando "Ghost Of The Navigator" na escola

Pois antes de falar um pouco sobre a música em si, é bom comentar do lindo encarte do material, desde a concepção da capa à estética das páginas. Isso só reforça que os caras não dão ponto sem nó e também se preocupam bastante com a imagem do grupo.

E tome Death Metal cheio de melodias no crânio, começando pela porradona “Valley of the Damned”, simplesmente fantástica. Não menos intensa, a faixa seguinte – “Hang Him High” - tem um dos mais pegajosos refrões do estilo nos últimos tempos. É para se esgoelar até os pulmões saírem pela boca.

A levada cadenciada de “Solar Empire” tem uma pegada quase Black Metal, obra do desumano Horgh, também baterista da Immortal. Depois, sai de baixo que os blast beats iniciais atropelam tudo em “Weed out the Weak” (clipe abaixo). Que som fascinante, talvez o melhor do CD!

Na sequência, os riffs melancólicos marcam “No Tomorrow”, outra com belos arranjos e melodias. E “Global Domination” mantém esse mesmo clima, com destaque para os versáteis vocais da lenda chamada Peter Tägtgren. Incrível como ele tem domínio absoluto de sua voz.

Numa pegada absurdamente extrema e pesadíssima, surge o furacão que dá nome ao álbum. Simplesmente impressionante o nível de brutalidade da canção, uma das mais agressivas de toda a carreira da Hypocrisy! Na boa, essa vale a pena ouvir repetidas vezes. É tão furiosa que, sinceramente, destoa de todo o resto do material. Horgh está em sua melhor fase!

Dá para retomar o fôlego (não muito) em “Alive” e sua batida marcante, por vezes quebrada. Aliás, é uma composição que alterna de forma mais “na cara” riffs mais pesados com melódicos. Claro que o resultado ficou primoroso.

“The Quest” apresenta um andamento arrastado, com guitarras tristes e agonizantes. Sem dúvidas é uma música depressiva, mas maravilhosa. A décima canção – “Tamed (Filled with Fear” - é mais trabalhada e intensa, novamente marcada por grandes riffs do líder da banda.

A penúltima canção traz uma linha mais tradicional da Hypocrisy, não muito veloz e com ótima estrutura, bastante agradável. Mais ou menos do meio para frente, há uma batida muito pesada, daquelas em que guitarra, baixo e bumbos sincronizados fazem um estrago e tanto nas caixas de som.

Terminando a obra-prima, vem a já citada música bônus “The Sinner”, cujas guitarras (sempre elas) lembram demais trabalhos da Morbid Angel. Outra faixa que está entre as mais bonitas do álbum.

Nem é necessário chover no molhado sobre a qualidade impecável da gravação. Basta dizer duas já citadas palavras e todos (ao menos os que curtem som extremo) já entenderão: Peter Tägtgren.

E no encarte, o trio (além de Tägtgren e de Horgh, completa o time o baixista Mikael Hedlund) dedica o trabalho para os fãs. Nós é que ficamos gratos por tanta coisa maravilhas produzida pelos suecos. Disco imperdível.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Hypocrisy – A Taste of Extreme Divinity
Laser Company – 2009 – Suécia

http://www.myspace.com/hypocrisy

Tracklist
1. Valley Of The Damned 04:17
2. Hang Him High 04:35
3. Solar Empire 05:16
4. Weed Out The Weak 03:50
5. No Tomorrow 04:16
6. Global Domination 05:15
7. Taste The Extreme Divinity 03:36
8. Alive 04:22
9. The Quest 05:31
10. Tamed (Filled With Fear) 04:39
11. Sky Is Falling Down 04:32
12. The Sinner (bonus track)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

535 acessosHypocrisy: Peter Tägtgren fala sobre o futuro da banda0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Hypocrisy"

LindemannLindemann
Tägtgren salvou vocalista do Rammstein de surra

RammsteinRammstein
"Ame a si mesma, não importa o que digam", diz Till

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Hypocrisy"

Mini Iron MaidenMini Iron Maiden
Tocando "Ghost Of The Navigator" na escola

MetallicaMetallica
Ulrich comenta os motivos da saída de Jason Newsted

Heavy MetalHeavy Metal
Autores que inspiraram o estilo: Friedrich Nietzsche

5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha5000 acessosChris Cornell: cantor usou aparelho de escalada para tirar a vida5000 acessosPattie Boyd: o infernal triângulo com George Harrison e Eric Clapton5000 acessosThe Sun: os dez melhores riffs da história do Rock5000 acessosPantera: sem guitarras, com pianos, violinos, violoncelos5000 acessosDeath Metal: melhores versões "executadas" por artistas Pop

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online