Virgin Steele: Album remete aos melhores momentos do grupo

Resenha - Black Light Bacchanalia - Virgin Steele

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar Correções  

9


Mesmo estando na luta pelo metal desde o início dos anos 80, os americanos do VIRGIN STEELE nunca conseguiram atingir o sucesso e reconhecimento merecidos, mesmo tendo álbuns excelentes em sua discografia, como as duas partes de "The Marriage of Heaven and Hell", "Invictus" e os teatrais "The House of Atreus - Act I e Act II".

Bullet For My Valentine: vocal detonou Guns em turnê

Megadeth: Pepeu Gomes comenta convite para tocar na banda

Contudo, o Virgin Steele sempre se manteve relevante com seu heavy metal tradicional, com grandiosas passagens épicas, como se fosse uma mistura de MANOWAR com SAVATAGE, lançando grandes álbuns e realizando shows memoráveis.

E depois de uma leve derrapada com seu álbum anterior, o apena bom "Visions of Eden", de 2006, um pouco mais leve e épico do que os demais lançamentos do grupo, eis que em 2010 a banda consegue dar a volta por cima com este excelente "The Black Light Baccanalia", seu décimo segundo álbum, que nos remete aos seus melhores momentos.

Além das já famosas partes épicas, o peso das guitarras esta de volta ao som da banda (mas ainda menos do outrora, é verdade) e, aliados aos belos vocais de DeFeis, fazem deste CD um grande lançamento. Além disso, as letras da banda também são muito interessantes, apesar de tratarem de temas fantasiosos, e conseguem se alinhar perfeitamente ao instrumental das músicas (algo mais ou menos parecido com o King Diamond consegue fazer em suas canções com temas de terror).

O início do álbum já mostra todo seu potencial, com a excelente "By The Hammer of Zeus (and The Wrecking Ball of Thor)", com riffs pesados e cavalgados, aliados ao vocal sereno de DeFeis, em um excelente contraste. Além desta, destacam-se a agressiva "Pagan Heart", a épica "The Crown Them With Halos (parts 1 & 2)", com seus mais de onze minutos, a belíssima balada "Nepenthe (I Live Tomorrow)" e a sensacional "In a Dream of Fire", que nos leva de volta aos bons tempos de "The Marriage of Heaven and Hell".

E como não poderia deixar de ser, o grande destaque do álbum é David DeFeis, que além de cantar muito, tanto em passagens mais lentas quanto nas mais agressivas, consegue criar melodias muito belas, além de tocar piano e teclado como poucos. A produção do álbum também merece aplausos, posto que conseguiu deixar o som totalmente límpido e cristalino, ressaltando na medida certa cada instrumento.

A versão nacional do álbum ainda traz um CD bônus, com duas músicas mais épicas e uma biografia da banda em forma de narrativa épica, com mais de 30 minutos.

Enfim, trata-se do VIRGIN STEELE em um de seus melhores momentos, sendo "The Black Light Bacchanalia" mais uma obra de arte na carreira de David DeFeis. Não perca.

The Black Light Bacchanalia – Virgin Steele
(2010 – Shinigami Records – Nacional)

Formação:
David DeFeis - Vocals, Keyboards, Orchestration, Bass
Edward Pursino - 6 String Guitars
Josh Block - 7 String Guitars
Frank Gilchriest - Drums

Track List:

CD 1:
1. By the Hammer of Zeus (And the Wrecking Ball of Thor)
2. Pagan Heart
3. The Bread of Wickedness
4. In a Dream of Fire
5. Nepenthe (I Live Tomorrow)
6. The Orpheus Taboo
7. To Crown Them With Halos, Pts. 1 and 2
8. The Black Light Bacchanalia (The Age That is to Come)
9. The Torture s of the Damned
10. Necropolis (He Answers Them with Death)
11. Eternal Regret

CD 2:
1. When I'm Silent (The Wind of Voices)
2. Silent Sorrow
3. From a Whisper To a Scream (the Spoken Biography)


Outras resenhas de Black Light Bacchanalia - Virgin Steele

Virgin Steele: Ainda um nome respeitado do Heavy Metal



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


David DeFeis: os álbuns que marcaram o vocalistaDavid DeFeis
Os álbuns que marcaram o vocalista

Heavy Metal: as 10 capas mais de macho de todos os temposHeavy Metal
As 10 capas mais "de macho" de todos os tempos


Bullet For My Valentine: vocal detonou Guns em turnêBullet For My Valentine
Vocal detonou Guns em turnê

Megadeth: Pepeu Gomes comenta convite para tocar na bandaMegadeth
Pepeu Gomes comenta convite para tocar na banda


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin