Mostarja: as manhas de elaborar um excelente Rock'n'Roll

Resenha - Pizza e Progresso - Mostarja

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

8


Tudo na existência possui seu ciclo. Além de a indústria fonográfica e o público mudarem seus hábitos, o período realmente criativo das bandas clássicas do chamado Rock Pop nacional se esgotou há tempos. Os sobreviventes lançaram discos de qualidade duvidosa, ou ficaram bregas, ou tentaram novas fórmulas, ou exerceram o papel de figurante naquele cirquinho acústico promovido pela paleozóica MTV...

Guns N' Roses: Axl desafina guitarra de Slash e pede desculpas

Esquisitices: algumas exigências bizarras para shows

Pois bem, dito isso, eis que surge esta banda lá de Brasília, com a curiosa denominação Mostarja. E que grata surpresa! Cinco caras bonachões-metidos-a-guarda-costas que tem as manhas de elaborar um excelente Rock´n´Roll, encarando moderadas doses (menos de cerveja!) de Blues, Punk e Hard Rock, tudo devidamente acessível, bem-humorado e muitas vezes dançante.

E, o melhor, ainda que possua diferentes atmosferas, os caras possuem uma química que consegue amarrar todos esses elementos, dando uma importante unidade ao repertório. O resultado é muito contagiante, melódico e, mesmo consideravelmente atualizado, fatalmente remete aos conterrâneos Legião Urbana e Capital Inicial dos bons e velhos tempos. Mas e daí?

Após escutar rockaços como "Sol Vermelho", "Pizza e Progresso", "Cerveja" – oras, praticamente todas as faixas são irretocáveis! – fica a certeza de que todos aqueles pensamentos negativos acumulados no decorrer da semana serão coisas do passado. E tanto alto astral faz com que bata aquele caloroso sentimento de que nem tudo está perdido, pois certamente há muitas outras bandas por aí, no limbo, tocando esse tipo de Rock´n´Roll, brazuca e sem frescuras, honesto até a alma e sem rabo preso com ninguém.

Um disquinho tão satisfatório que certamente compensou todas as dificuldades que quase culminou no término das atividades, antes mesmo de o Mostarja estrear com "Pizza e Progresso". A música deste pessoal é perfeita para ser executada pelas rádios, mas se haverá o amparo por parte das mesmas, bom, aí é outra história... Porém, quem precisa destes dinossauros propensos à dieta que tem o jabá como base, enquanto temos uma ferramenta incrível como a internet, que dá um sentido todo especial à palavra ‘divulgação’?

Então escute e, se achar conveniente, divulgue!

Contato:
http://www.myspace.com/mostarja
[email protected]

Formação:
Bóris - voz
Alisson - guitarra
Jota R. - guitarra
Bulhões - baixo
Guiga - bateria

Mostarja – Pizza e Progresso
(2009 / independente – nacional)

01. Sol Vermelho
02. Pizza e Progresso
03. Na Escada do Sétimo Andar
04. Cerveja (trilogia etílica – parte 01)
05. O Baile
06. Vício
07. Olhar pra Frente
08. Vomitando Billy (trilogia etílica – parte 02)
09. Tempo
10. De Volta à Estrada
11. Mestre Jonas
12. Ressaca (trilogia etílica – parte 03)
13. Olho por Olho




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Guns N' Roses: Axl desafina guitarra de Slash e pede desculpasGuns N' Roses
Axl desafina guitarra de Slash e pede desculpas

Esquisitices: algumas exigências bizarras para showsEsquisitices
Algumas exigências bizarras para shows


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin