WASP: a necessidade de uma religião não é o fim do mundo

Resenha - Babylon - W.A.S.P.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

6


É sempre legal ver que o peso da idade não afeta a intensidade da chama Rock´n´Roll que arde em algumas pessoas. Blackie Lawless já está com seus 54 anos e executando seu Hard Metal visceral há quanto tempo? Desde antes de muitos dos leitores nascerem, com certeza. Assim, dando sequência à sua discografia, o W.A.S.P. chega ao 14º álbum de estúdio numa época em que o fim do mundo novamente está próximo.

Blackie Lawless: por que toda banda de rock após 1983 tem dívida com o Quiet Riot

Dave Mustaine: "há bandas cujo nome me ofende"

"Babylon" aborda o Livro das Revelações e a Bíblia, com toda a perspicácia que Lawless desenvolveu ao longo da carreira e tendo como pano de fundo a música que nos é tão familiar. Mas essa familiaridade aí não se restringe somente ao estilo propriamente dito. Há alguns arranjos que remetem diretamente às canções que o próprio W.A.S.P. compôs no passado, e com um gritante exemplo logo na abertura "Crazy", com aqueles acordes iniciais tão bacanas que "Wild Child" (do álbum "The Last Command") apresentou ao mundo em 1985.

Se isso sugere certa falta de inspiração por parte do Sr. Lawless, esta sensação fica reforçada por "Babylon" apresentar também covers de dois clássicos do Rock´n´Roll, representados por "Burn" do Deep Purple – que inclusive foi concebido originalmente para constar no "Dominator" (07) – e "Promised Land", do Chuck Berry, mas imortalizada por Elvis Presley. Ou seja, um repertório com dois covers e sete composições inéditas, mas com algumas 'colagens' de seu passado.

Porém, apesar de isso causar certo incômodo, provavelmente não haverá grande decepção por parte dos fãs, pois, ainda assim, o disco consegue soar bem. Não há um verdadeiro hit, mas boas faixas como as galopantes "Babylon's Burning" e "Seas Of Fire", que remetem forte e diretamente às estruturas de "The Crimson Idol" (92); além das baladas "Into The Fire" e "Godless Run".

Lawless expôs em algumas entrevistas recentes sua convicção religiosa e, em função disso, parte do público agora o critica. Oras, "Babylon", mesmo com as indesejadas cópias de si mesmo, mostra um W.A.S.P. íntegro para com sua música. E, mais do que aqueles que o censuram, Blackie Lawless sabe como separar suas crenças da música, ou mesclá-las, mantendo uma audição interessante.

Ou seja, a necessidade de adotar alguma religião não é o fim do mundo. Ainda.

Contato: www.waspnation.com

Formação:
Blackie Lawless - voz e guitarra
Doug Blair - guitarra
Mike Duda - baixo
Mike Dupke - bateria

W.A.S.P. - Babylon
(2009 / Demolition Records - importado)

01. Crazy
02. Live To Die Another Day
03. Babylon's Burning
04. Burn (Deep Purple)
05. Into The Fire
06. Thunder Red
07. Seas Of Fire
08. Godless Run
09. Promised Land (Chuck Berry)


Outras resenhas de Babylon - W.A.S.P.

W.A.S.P.: O final dos tempos em "Babylon"




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Blackie Lawless: por que toda banda de rock após 1983 tem dívida com o Quiet RiotBlackie Lawless
Por que toda banda de rock após 1983 tem dívida com o Quiet Riot

Frankie Banali: baterista do Quiet Riot, W.A.S.P. e outros morre aos 68 anosFrankie Banali
Baterista do Quiet Riot, W.A.S.P. e outros morre aos 68 anos

Aquiles Priester: A trajetória coberta em entrevista à Revista FreakAquiles Priester
A trajetória coberta em entrevista à Revista Freak

WASP: A tentativa de ser levado a sério com o álbum Headless Children

Bob Kulick: Bruce informa que não haverá velório tradicional, por conta da pandemia

Bob Kulick: músicos do Kiss e outros lamentam a morte do guitarristaBob Kulick
Músicos do Kiss e outros lamentam a morte do guitarrista

Bob Kulick: guitarrista que trabalhou com Kiss, W.A.S.P. e outros morre aos 70 anosBob Kulick
Guitarrista que trabalhou com Kiss, W.A.S.P. e outros morre aos 70 anos


2007: 15 discos de rock/metal que completam 10 anos de lançamento2007
15 discos de rock/metal que completam 10 anos de lançamento

W.A.S.P.: Lawless relembra o primeiro show da bandaW.A.S.P.
Lawless relembra o primeiro show da banda


Dave Mustaine: há bandas cujo nome me ofendeDave Mustaine
"há bandas cujo nome me ofende"

Led Zeppelin: Perguntas e Respostas sobre a bandaLed Zeppelin
Perguntas e Respostas sobre a banda


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin