[an error occurred while processing this directive]

Matérias Mais Lidas


Stamp

Randy Piper's Animal: sonoridade próxima à do velho WASP

Resenha - Virus - Randy Piper's Animal

Por Ben Ami Scopinho
Postado em 01 de março de 2009

Nota: 8

Ainda que mantenha uma carreira relativamente discreta após sua saída do W.A.S.P., o fato é que o guitarrista Randy Piper vem desde 1988 amamentando seu Animal com poucos, mas muito bons álbuns - "900 LBS Vapor" (02) e "Violent New Breed" (06). E "Virus" é o terceiro registro desta discreta discografia, cuja orientação agora parece não priorizar tanto a distorção, tão presente no disco anterior.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1

Com este novo álbum, Piper apresenta uma mescla bem direta de Hard Rock com algo de Heavy Metal, bem próximo da linha da qual sua famosa ex-banda elaborava em seus primeiros dias, em especial com as cativantes melodias de "The Last Command", o clássico que o W.A.S.P. liberou em 1985 – até mesmo a voz toda esganiçada de Rich Lewis remete à de Blackie Lawless em muitas ocasiões!

E é exatamente nestas melodias bem sacadas que reside muito da força de "Virus". Quanto à opção deste disco possuir uma sonoridade próxima à do velho W.A.S.P... Convenhamos, isso não é um problema real, e sim uma consequencia óbvia do passado musical de Randy Piper, que, em parceria com seu companheiro nas seis cordas, o sueco Chris Laney, construiu um excelente e diversificado repertório.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 2

A audição não chega aos 40 minutos, mas há faixas matadoras como a abertura "Cardiac Arrest" (há algo de Judas Priest por aqui!) e a patriótica "Crying Eagle" também é muito boa, e, curiosamente, possui um acento bem europeu em suas estruturas. Por fim, a presença da sentimental "Don't Wanna Die" também merece menção, onde a voz de Lewis brilha mesmo. Na realidade, a única canção que possa vir a se tornar alvo de alguma crítica negativa é a versão para "Zombie", originalmente gravada pelo Cranberries.

Mesmo mantendo muito da tradição norte-americana e oitentista de se elaborar rock pesado, a produção de Chris Laney ficou bastante satisfatória e consegue fazer com que o repertório não soe realmente datado. Todo o clima dos velhos tempos persiste, mas há algo de atemporal por aqui, e se o caro leitor acha que o melhor do W.A.S.P. se encontra em seus primeiros álbuns, então com certeza deve conferir o "Virus" de Randy Piper's Animal. Este disco é, com certeza, muito superior a alguns dos últimos álbuns liberados por Blackie Lawless e Cia...

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 3

Formação:
Rich Lewis - voz
Randy Piper - guitarra
Chris Laney - guitarra
Nalle ‘Grizzly’ Pahlsson - baixo
Johan ‘Kobie’ Koleberg - bateria

Randy Piper's Animal - Virus
(2008 / Locomotive Records - importado)

01. Cardiac Arrest
02. Can't Stop
03. Don't Wanna Die
04. Crying Eagle
05. Unnatural High
06. Judgement Day
07. Who's Next?
08. Zombie
09. Shoot To Kill
10. L.U.S.T.

Homepage:
http://www.animalcave.net
http://www.myspace.com/randypipersanimal

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 4
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Summer Breeze 2024

Stratosphere Project: O eco estrondoso da Via-Láctea fundindo-se nas dimensões ocultas

Perc3ption: A arte em situações extremas

"Here Comes The Rain", último registro do Magnum com Tony Clarkin, é mais um bom registro

Resenha - Nebro - Vesperaseth

Sepultura: Em plena forma e com mais um disco brilhante

Deep Purple: Who Do We Think We Are é um álbum injustiçado?

Deep Purple: Stormbringer é um álbum injustiçado?

Megadeth: recuperando a fúria que faltava


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".
Mais matérias de Ben Ami Scopinho.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS