Molestrike: estréia ainda com muito a ser lapidado

Resenha - Cinza - Molestrike

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 6


O paraibano Molestrike vem procurando seu espaço desde 2003, quando Pedro Dantas (guitarra e voz) e Pedro Felipe (bateria) deram início às atividades como mera forma de entretenimento. Posteriormente, com a entrada de João Rodolfo (guitarra, voz e irmão do baterista), acabaram levando a coisa mais a sério e gravaram a demo "Bola de confusão" em 2004, com cinco faixas.

Paula Fernandes: aos 19 anos ela ia em shows de Black MetalLegião Urbana: a versão de Renato Rocha sobre a sua saída

Após uma breve pausa que se estendeu até 2005, Diogo Egypto assume a função de baixista do conjunto e emplacam uma nova composição, "Não dará para todos", que acabou fazendo parte da coletânea de bandas independentes chamada "Paraíba em Cena" e ainda "Intensive Rock Vol. 08" da rádio/site Chave do Som, de Guarulhos (SP).

Já sendo efetivo na cena independente de sua região, o Molestrike está estreando agora com o EP "Cinza". Com uma intro, uma instrumental e cinco composições cantadas em português, com os vocais se revezando a cada faixa, o quarteto mostra um rock'n'roll bastante simples, que flerta com o pop, hard e alternativo. Apesar de tudo ser bastante cru, há bons momentos como "Molestrike", "A mais bela", e principalmente a longa "O declínio em si", com idéias muito boas em sua estrutura.

Há muito a ser lapidado por aqui, mas nada que com muito ensaio não se resolva. A busca pela versatilidade é algo louvável, mesmo que o Molestrike venha a ter alguma dificuldade em encontrar um público específico para sua música. Mas, como foi dito, estão procurando seu espaço, e aí tudo pode acontecer, seja por seus próprios méritos ou nada além da sorte. Não é assim que sempre funcionou?

Contato: www.myspace.com/molestrike

Molestrike - Cinza
(2007 / independente)

01. Intro
02. Molestrike
03. A mais bela
04. Neurótico
05. Abaladinha
06. Prelúdio
07. O declínio em si




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Molestrike"


Paula Fernandes: aos 19 anos ela ia em shows de Black MetalPaula Fernandes
Aos 19 anos ela ia em shows de Black Metal

Legião Urbana: a versão de Renato Rocha sobre a sua saídaLegião Urbana
A versão de Renato Rocha sobre a sua saída


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336