Resenha - Jupiter's Darling - Heart

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Maurício Gomes Angelo
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 9


As irmãs Ann e Nancy Wilson, no alto de seus mais de 50 anos de idade (e ainda assim belíssimas!), começaram muito cedo no mundo da música e levam a cabo seu Heart desde 1975, com o debut "Dreambot Annie". Depois de muitos contratempos, passaram por vários hits nos anos 80 (e também alguns milhões de álbuns vendidos) até chegarem à estagnação no início dos anos 90. Só o Heart ficou no limbo, pois álbuns solos, coletâneas, participação em trilhas sonoras de filmes e tributos a grandes bandas fizeram parte da vida destas mulheres durante a última década.

Heart: banda toca "Stairway To Heaven" em show; assistaAutores que inspiraram o Heavy Metal: Friedrich Nietzsche

Eis que 12 anos após o último trabalho elas ressurgem contundentemente na forma de "Jupiter's Darling", que não por acaso, é uma confluência de estilos - rock, pop, blues, folk, country - de uma competência deveras eficaz.

Mas o tempo inativo, se permitiu uma lapidação considerável da musicalidade, traz também revésses que não podem ser desprezados. O mais evidente deles é a oscilação incômoda entre as faixas do álbum - que só chega a encontrar seu equilíbrio no terceiro ato. Esta variação inusitada entre as estruturas das composições causa um certo desconforto no início, ainda que não arranhem a qualidade das músicas, mas é um ponto que pode afugentar ouvintes menos persistentes.

E para aqueles que se mantiverem fiéis a sua jornada está reservado um banquete de melodias cativantes, vocalizações irresistíveis e instrumental sofisticado, além de diversão, introspecção e energia genuína, tudo isto num astral predominantemente "up". Esmero que pode ser conferido em faixas como "The Perfect Goodbye", "I Need The Rain", "Vainglorious", "Fallen Ones" e "Lost Angel". Havendo uma grande gama de opções entre baladas acústicas, rocks vigorosos, momentos pop e até grunge, todos de alto nível e executados com o auxílio de uma infinidade de instrumentos que agregam valor ao material.

A figura de Craig Bartock toma grande importância ao verificarmos o bom e polivalente guitarrista que é, por ter contribuído em muitas composições e principalmente assinado a produção redondíssima e perfeita ao lado de Nancy. A concepção gráfica e seu desenrolar também merece um destaque grandiosamente merecido, pois o encarte de "Jupiter's Darling" é uma das coisas mais belas, caprichadas, pertinentes e encantadoras que já vi alguém fazer dentro de um álbum: figuras, imagens e pinturas de cunho psicodélico, hipnótico e por vezes até agressivo. Responsabilidade da equipe composta por Nancy Wilson, Klaus Whitley, Randee St. Nicholas, Sabrina Volf, Mac Dougall e Thomas & Theresa Day. Desculpe, mas esse você deve tê-lo em casa se quiser apreciá-lo da forma correta.

Retorno mais do que bem vindo. E que não demorem mais 12 anos para lançar outro trabalho!

Formação:
Ann Wilson (Vocais)
Nancy Wilson (Vocais/Violão Acústico & dezenas de outros instrumentos)
Craig Bartock (Guitarras)
Mike Inez (Baixo)
Ben Smith (Bateria)
Darian Sahanaja (Teclado)

Site Oficial: http://www.heart-music.com


Outras resenhas de Jupiter's Darling - Heart

Resenha - Jupiter's Darling - HeartResenha - Jupiter's Darling - Heart




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Heart"


Heart: banda toca "Stairway To Heaven" em show; assista

Rock And Roll: as 13 maiores voltas por cima da históriaRock And Roll
As 13 maiores voltas por cima da história

Heart: a suruba que não rolou com Alex e Eddie Van HalenHeart
A suruba que não rolou com Alex e Eddie Van Halen

Heart: a agressão que congelou a banda e separou as irmãs WilsonHeart
A agressão que congelou a banda e separou as irmãs Wilson


Autores que inspiraram o Heavy Metal: Friedrich NietzscheAutores que inspiraram o Heavy Metal
Friedrich Nietzsche

Heavy Metal: 25 bandas que fizeram o gênero ser o que éHeavy Metal
25 bandas que fizeram o gênero ser o que é

Morte: confira 15 das melhores músicas sobre o temaMorte
Confira 15 das melhores músicas sobre o tema

Vícios: As 10 melhores músicas sobre drogasVícios
As 10 melhores músicas sobre drogas

Rockstars: as esposas mais lindas do rock - 1ª parteRockstars
As esposas mais lindas do rock - 1ª parte

Tom Morello: fã de Mötley e AC/DC, apesar de letras misóginas e demoníacasTom Morello
Fã de Mötley e AC/DC, apesar de letras misóginas e demoníacas

Iron Maiden: se as bandas de metal mandassem no mundo...Iron Maiden
"se as bandas de metal mandassem no mundo..."


Sobre Maurício Gomes Angelo

Jornalista. Escreve sobre cultura pop (e não pop), política, economia, literatura e artigos em várias áreas desde 2003. Fundador da Revista Movin' Up (www.revistamovinup.com) e da revrbr (www.revrbr.com), agência de comunicação digital. Começou a escrever para o Whiplash! em 2004 e passou também pela revista Roadie Crew.

Mais matérias de Maurício Gomes Angelo no Whiplash.Net.