Matérias Mais Lidas

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemTestament está confirmado na edição brasileira do Summer Breeze, segundo jornalista

imagemRick Wakeman relembra época em que o Yes abria show para o Black Sabbath

imagemA dura bronca dos Titãs em Nando Reis durante gravação de "Titanomaquia"

imagemRolling Stones: Keith Richards compara tocar com Brian Jones, Mick Taylor e Ron Wood

imagemShow do Dream Theater em São Paulo não será mais realizado no Pavilhão Pacaembu

imagem4 hits do Deep Purple cujos riffs Ritchie Blackmore já confessou ter copiado

imagemA reação de Stevie Ray Vaughan ao ouvir Jimi Hendrix pela primeira vez

imagemRob Trujillo presta tributo ao Rage Against The Machine após shows em Nova Iorque

imagemThin Lizzy e o álbum picareta de covers do Deep Purple que garantiu sua sobrevivência

imagemO hit dos Engenheiros sobre Humberto não querer ser guru dos jovens igual Renato Russo

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"

imagemPor que o processo de composição da Legião Urbana e Engenheiros era tão diferente?

imagemCinquenta grandes músicas lançadas por bandas de rock e heavy metal em 2022


Resenha - Spin the Bottle - All Star Tribute to Kiss

Por Rafael Carnovale
Em 31/01/05

Nota: 8

Bob Kulick pode se aposentar... depois de ter a genial idéia de produzir tributos a bandas consagradas juntando line-ups inimagináveis para cada música, sua conta bancária deve ter sofrido um ligeiro aumento... e já se foram homenagens ao Van Halen, Aerosmith, Guns and Roses, Def Leppard... e putz!!!! Como ele poderia esquecer do KISS???? Justo Bob, que quase foi o guitarrista da banda (ele foi uma das opções antes da banda optar por Ace Frehley), e que por anos foi um dos famosos "coringas" da banda.

Não... ele não esqueceu... e tratou de produzir um dos melhores tributos desta série... além de montar formações incríveis, escolheu músicas clássicas do repertório da banda... e olha que ele nem mexeu em "Rock and Roll All Nite". Como se trata de um tributo em que cada música tem sua formação, vamos a um "faixa a faixa":

"Detroit Rock City" – Dee Snider é o cara... ele detona tudo nos vocais, acompanhado por Doug Aldrich na guitarra, Marco Mendoza no baixo e John Tempesta na bateria. Um respeito total a música, que soa revigorara nos vocais de Dee e na guitarra monstra de Doug.

"Love Gun" – Uma das faixas que poderia ser melhor... embora o esforço de Steve Lukather (Toto), Tim Bogart e Jay Schellen seja louvável, os vocais de Tommy Shaw soam fracos, principalmente se você ouvir Paul Stanley cantando essa música em 2004.

"Cold Gin" – A histeria de Mark Slaughter cai bem nesta faixa clássica, com destaque para as guitarras de Ryan Roxy e Robben Ford (outro "coringa" do Kiss durante o álbum "Creatures of the Night").

"King of the Night Time World" – O "riff" incial de Ace jamais poderá ser igualado, mas Rich Ward se sai bem, apoiado pelos vocais berrados de Chris Jericho (FOZZY) e o baixo pulsante de Mike Inez (ex-Alice in Chains, atual Heart).

"I Want You" – Uma das decepções. Apesar da belíssima guitarra de Paul Gilbert e da presença de Gregg Bissonette, os vocais de Kip Winger soam patéticos e fracos. Dispensável.

"God of Thunder" – Bruce Kulick sabe bem como tocar qualquer música do Kiss (afinal foi parte da banda), e dá as cartas nesse clássico pesado, que traz os vocais medianos de Buzz Osbourne (Melvins) e a bateria sempre competente de Carmine Appice.

"Calling Dr Love" – Quem diria que o vocalista do Helmet iria cantar uma música do Kiss... Page Hamilton topou o desafio e levou esta que é uma das melhores letras de Gene nos anos 70. A "intro" inicial (aonde Gene berrava o refrão) foi retirada... para felicidade de Page, que faz um bom trabalho.

"Shout it Out Loud" – LEMMY IS GOD!!!! E o sr. Verruga arrebenta tudo bem acompanhado... afinal além da excelente baterista Samantha Malone (ex-Hole), quem ajuda Lemmy é nada mais nada menos que Jennifer Batten (que por anos sofreu ao lado de Michael Jackson). Uma versão inusitada... e muito bem feita.

"Parasite" – Outra versão que sofre pelos vocais. Doug Pinnick (King’s X) não consegue levar a música adiante, mesmo com a guitarra de Bob Kulick e a bateria segura de Vinnie Colaiuta.

"Strutter" – Phil Lewis (LA Guns) não é bobo. O cara faz o que deve, sem exageros ou improvisos, e leva a música corretamente, com a boa guitarra de Gilby Clarke (ex-Guns and Roses) e o excelente baixo de Jeff Pilson (ex- Dokken).

"I Stole Your Love" – Porque chamaram Robin Mcauley??? O cara não tem voz... e com isso uma música que poderia soar matadora soa cansativa... mesmo com o esforço de CC De Ville (Poison) e Ashley Dunbar.

É complicado dizer se você vai ou não gostar do tributo, pois ele vale como homenagem... mas este particularmente ficou muito interessante... de bônus acompanha um DVD com depoimentos dos participantes. O Kiss é uma das maiores bandas de rock do mundo... e merece uma homenagem como essa... jogue fora seu "Kiss My Ass" e corra para comprar este, bem mais honesto e sincero.

Koch Records – 2004 (IMPORTADO)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Kiss: Fã de comédia romântica, Paul Stanley lista seus filmes preferidos

Gene Simmons sobre o Ramones: "Punk nos EUA não significava nada"

Vídeo de clássico do Kiss é disponibilizado no canal oficial da banda

Gene Simmons conta como foi o dia em que ele compôs com Bob Dylan

A canção do Rush que tira sarro de balada clássica do Kiss

Quando Slash tentou entrar pro Kiss mas foi rejeitado por um motivo cruel

O clipe do Kiss que Paul Stanley se envergonha de ter gravado

Schmier, ícone do thrash metal, demonstra seu carinho pelo Kiss; "Maiores que a vida"

Gene Simmons revela quanto Kiss "faturou" para fazer o primeiro show

Kiss: Bruce Kullick comenta o subestimado álbum "Revenge", de 1992

Red Hot se junta ao grupo de bandas que lançaram dois discos no mesmo ano

De Jon Bon Jovi até Slayer, bandas e artistas que erraram suas próprias músicas ao vivo

Rush: Geddy Lee conta como o Kiss influenciou música do "Caress of Steel"

As três bandas listadas por Gene Simmons como maiores influências do Kiss

Dia Mundial do Rock: relembre 100 clássicos lançados na década de 90

Heavy Metal: 10 vídeos involuntariamente engraçados

Gene Simmons: bezerra nasce com a cara do músico

"Farewell": 10 bandas que fizeram turnê de despedida, mas voltaram

Iron Maiden: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

King Diamond: O que significa ser Satanista?


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale.