Resenha - In The Battle - Saint

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Maurício Gomes Angelo
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 8


Bloodgood, Barren Cross, Holy Soldier, Angelica, Sacred Warrior, Idle Cure, Guardian, WhiteCross... quantas dessas clássicas bandas do metal cristão que praticavam um hard/heavy de qualidade estão na ativa hoje em dia? Com muita tristeza respondo que nenhuma. Nenhuma delas sobreviveu aos nebulosos anos 90. E nesse grupo estava o Saint... estava!

Black Sabbath: About.com elege os 5 melhores álbuns da bandaIndústria: 17 coisas que bandas novas simplesmente não entendem

Eis que 18 anos após o lançamento do clássico Too Late For Living, Josh Kramer está de volta à banda, e junto com o incansável líder fundador Richard Lynch (baixo), com a adição de Jerry Jonhson nas guitarras e Larry London na bateria o Saint renasce das cinzas com um belo álbum em mãos.

O cenário estava implorando para uma banda com esse espírito, com esse som e com essa atitude. Quem sabe seja o ponto de partida para que se resgate a pura essência do metal cristão tão representado por bandas como Stryper e Mortification.

De cara, a música título que abre o trabalho é um novo clássico do metal cristão, riffs cadenciados, a perfeita voz de Josh arrancando lágrimas e um refrão inesquecível, a típica mid-tempo que todos gostamos. Quando se inicia "Star Pilots Return" (uma continuação da música homônima presente no Too Late For Living) você tem plena certeza de que nada mudou.

E que maravilha que seja assim: distorções oitentistas, vocais na medida certa, certeza de bons solos nas músicas, riffs e refrões memoráveis.

"Sacrifice" tinha tudo para ser maravilhosa, mas seu instrumental confuso e até certo ponto embolado é um tiro no próprio pé. A se destacar realmente sua letra forte e direta sobre a história e supremacia de Jesus Cristo.

Aí vem "Holly Rollin" e você se vê novamente com as mãos para o alto cantando o refrão, o que se repete em "Riders" e daí pra frente é só continuidade da memorável festa metálica iniciada com a faixa título. A banda ainda não soa tão entrosada como deveria, o que se reflete perfeitamente nas músicas, coisa que o tempo há de melhorar. E Richard Lynch tem potencial para fazer muito mais do que fez aqui.

A se descontar apenas a fraca produção, "In The Battle" é um trabalho coeso e maduro, que agradará facilmente os fãs de um hard/heavy bem feito, e que colocará o Saint novamente no posto de onde nunca deveria ter saído: no topo do metal cristão mundial.

"In The Battle" é o reflexo de uma banda experiente que está no cenário há um bom tempo lutando para manter viva a chama do puro e verdadeiro heavy metal.

Não me resta outra coisa senão dar boas vindas aos mestres e desejar o melhor futuro possível para eles. Rock On Saint!

Formação:
Josh Kramer (Vocais/Guitarra)
Jerry Jonhson (Guitarra)
Richard Lynch (Baixo/Backing Vocal)
Larry London (Bateria)

Track - List:
01 - In The Battle
02 - Star Pilots Return
03 - Here We Are
04 - Sacrifice
05 - Holy Rollin
06 - Riders
07 - The Choice
08 - When
09 - Acid Rain/Armor On

Tempo Total: 40: 50 min.

Site Oficial: www.saintsite.com

Material Cedido Por:
Armor Records
Email: armorrecords@juno.com




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Saint"


Black Sabbath: About.com elege os 5 melhores álbuns da bandaBlack Sabbath
About.com elege os 5 melhores álbuns da banda

Indústria: 17 coisas que bandas novas simplesmente não entendemIndústria
17 coisas que bandas novas simplesmente não entendem


Sobre Maurício Gomes Angelo

Jornalista. Escreve sobre cultura pop (e não pop), política, economia, literatura e artigos em várias áreas desde 2003. Fundador da Revista Movin' Up (www.revistamovinup.com) e da revrbr (www.revrbr.com), agência de comunicação digital. Começou a escrever para o Whiplash! em 2004 e passou também pela revista Roadie Crew.

Mais matérias de Maurício Gomes Angelo no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336