Resenha - Beyond The Gates - Cans

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9


Joacim Cans aproveitou a folga do Hammerfall, aumentada depois do acidente sofrido por Oscar Dronjak, para preparar sua primeira empreitada solo, visto que o mesmo integrou o Warlord por um tempo, mas como membro da banda. Joacim não poupou nada na hora de chamar seus parceiros de composição e gravação, contando com feras do porte de Tom Naumann e Mat Sinner (Primal Fear, Sinner), Stefan Elmgren (Hammerfall), Mark Zonder (ex-Fates Warning) e outros.... um timaço.

Metallica: Casal toca "Master" no casamento e ganha encontro com a bandaDeath Metal: as 10 melhores bandas de acordo com a AOL

E o que um timaço desses faz? Uma goleada. Capitaneado por Cans, o cd consegue ser bem diferente do trabalho do Hammerfall, como podemos conferir em "Fields of Yesterday" (bem mais épica e hard), "Soul Collector" (bem mais pesada, com riffs quase "trash"), e "Red Light" (outra que flerta bem com o Hard). Um cd que surpreende pela variedade de estilos pelos quais Joacim passa, com extremo talento. Coisa de quem manja.

Quer sons pesados, com riffs fortes e uma bateria massacrante? É só conferir "Back to Hell", "Silent Cries" (pesadíssima, uma das melhores),"Garden of Evil" (cuja introdução lembra o clássico "Wrathchild" do Iron Maiden), e "Merciless". Agora, quer se surpreender a ponto de cair da cadeira, como aconteceu como este que vos escreve? É só conferir a hard "Dreams", que (pasmen!!!) flerta descaradamente com o hard-pop dos anos oitenta ("glam rock" para os mais safados). E o pior é que a faixa foi escrita por Cans/Sinner/Naumann. Periga de ser uma das melhores coisas que Joacim já cantou, tamanha a sensibilidade e talento na composição. Faixas como essa e a super-pesada "Signs", que vem em seguida ofuscam a bola fora na balada "mela-cueca" "Forever Ends", totalmente desnecessária e que, se não fosse a última faixa do cd, poria tudo a perder.

O que falar? O cara tem uma boa voz, se cercou de convidados de alto nível, e fez um discaço, daqueles de empolgar fãs do Hammerfall, detratores do mesmo, e muitos outros. Tal fato só aumenta a curiosidade de ver essa banda ao vivo, e a ansiedade para outros trabalhos solo de Joacim Cans. Como eu costumo dizer... OBRIGATÓRIO!

Site Oficial: http://www.joacimcans.com

Material Cedido Por:
Century Media Records
Http://www.centurymedia.com.br
São Paulo (SP)




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Cans"


Metallica: Casal toca Master no casamento e ganha encontro com a bandaMetallica
Casal toca "Master" no casamento e ganha encontro com a banda

Death Metal: as 10 melhores bandas de acordo com a AOLDeath Metal
As 10 melhores bandas de acordo com a AOL


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336