RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas


Stamp

Resenha - Reroute to Remain - In Flames

Por Rafael Carnovale
Postado em 28 de setembro de 2002

Nota: 9

Após o muito bem sucedido "Clayman", tornou-se uma incógnita como viria o novo cd do In Flames. Afinal, seu predecessor havia apontado várias mudanças em relação à banda que gravara cd’s pesados como "Whoracle" e "Colony". Muitos falavam que a banda cairia no heavy melódico de vez, ou que viraria NU Metal, pois cada vez mais o peso ia diminuindo para o aumento da melodia e de climas tipicamente heavy tradicionais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Se julgássemos um cd pela sua capa, "Reroute to Remain" seria justamente um cd diferente, com um In Flames fugindo por completo de sua proposta original. A arte gráfica, embora de altíssima qualidade, é totalmente diferente do que a banda vinha adotando, e o próprio encarte mudou muito o estilo apresentado em "Colony" e "Clayman". Mas como diz o ditado, não se julga um livro pela capa.

Ao rolar a primeira música do cd, a faixa título, o alívio: o In Flames continua o mesmo. Guitarras pesadas, vocais urrados e realmente, o som cada vez mais absorve elementos de heavy melódico, mas sem perder a identidade da banda (nunca as bases estiveram tão pesadas e sujas). O vocal de Anders Friden continua sujo e rasgado, mas ele cada vez mais dosa seus urros com vocais mais calmos, como na pesada e melódica "System", que com sua mudança de andamento no meio do peso, merece destaque.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Faixas como "Drifter", "Trigger" e "Cloud Connected" mostram que a banda mantém a tendência assumida nos cds anteriores: mesclar o peso do death metal com a melodia do heavy tradicional, adicionando um ou outro elemento eletrônico, mas sem descaracterizar o som. Os vocais estão também cada vez mais bem elaborados, mostrando que a banda quis fazer deste um apanhado de todos os seus cd’s anteriores, obtendo grande resultado. Faixas como "Transparent", "Economic" (com seu peso infernal e riffs rasgando a sua garganta) e a super cadenciada "Free Fall" (que alguns mais puristas poderão considerar como new metal, mas não se engane: é uma puta faixa, perfeita para agitar pescoços ao vivo) mostram os elementos mais tradicionais da banda, como as guitarras agressivas e a cozinha potente que marcam a força do In Flames.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - DEN
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Já no quesito inovação, faixas como as baladas (sim!) "Dawn of a New Day" (muito boa, com vocais excelentes) e "Metaphor"(com os belos vocais femininos de Maria Gauffin e um belo trabalho de cordas) mostram que a banda está se expandindo além das fronteiras do chamado Death Melódico. Essas faixas, aliadas a pegada mais rockeira de "Black and White" e da ótima "Dark Signs", são um destaque do cd, que nos mostra uma banda coesa e bem entrosada, com um trabalho de guitarras magnífico, que conseguiu inovar e manter seu estilo ao mesmo tempo em um único cd. Obrigatório.

Line Up:
Anders Friden: Vocais
Bjorn Gelotte: Guitarras
Jesper Stromblad: Guitarras
Peter Iwers: Baixo
Daniel Svensson: Bateria

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Gravadora:
Nuclear Blast/Century Media Brasil


Outras resenhas de Reroute to Remain - In Flames

Resenha - Reroute To Remain - In Flames

Resenha - Reroute to Remain - In Flames

In Flames: Não é uma unanimidade entre os fãs mas é um bom álbum

In Flames: Seguindo sua intuição

In Flames: Reroute To Remain é polêmico, pesado e inovador

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Summer Breeze 2024

Stratosphere Project: O eco estrondoso da Via-Láctea fundindo-se nas dimensões ocultas

Perc3ption: A arte em situações extremas

"Here Comes The Rain", último registro do Magnum com Tony Clarkin, é mais um bom registro

Resenha - Nebro - Vesperaseth

Sepultura: Em plena forma e com mais um disco brilhante

Deep Purple: Who Do We Think We Are é um álbum injustiçado?

Deep Purple: Stormbringer é um álbum injustiçado?

Megadeth: recuperando a fúria que faltava


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?
Mais matérias de Rafael Carnovale.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS