Thrash Metal: Uma Breve Retrospectiva do Gênero

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fabio Reis
Enviar correções  |  Comentários  | 

Primeiramente um pouco de história. No final dos anos 70 e começo dos anos 80 vários jovens influenciados pelo Heavy Metal da NWOBHM, Hardcore e também pelo Punk Rock começaram a montar suas bandas na região da Baía da Califórnia (a famosa “Bay Area”) , talvez pela influencia Punk, o Metal praticado por tais bandas soava mais rápido, sujo e visceral. Esse novo estilo foi tomando forma e alguns anos mais tarde seria chamado do que conhecemos hoje como Thrash Metal. É importante ressaltar que não houve UMA (1) única banda que criou o estilo, o Thrash foi moldado conforme as bandas foram lançando seus álbuns.

185 acessosMetallica: em vídeo, releituras incríveis de "Master of Puppets"5000 acessosMetal: as oito maiores tretas entre músicos do gênero

O Metallica foi a primeira banda a assinar contrato, gravar e fazer sucesso com seu primeiro álbum “Kill ‘em All”(1983) e talvez por isso alguns a considerem a pioneira, mas a verdade é que bandas como Zoetrope, esta sim é a banda que talvez tenha dado o pontapé inicial com sua demo de 1980, o Exodus que havia gravado uma demo em 1982 e outras bandas que são anteriores ao Metallica mas que já praticavam a sonoridade que ficou conhecida no Debut de James, Lars, Kirk e Cliff (Sem se esquecer é claro de Dave Mustaine, que não gravou o álbum mas foi peça fundamental na criação das músicas).

Bandas como Anthrax, Testament, Overkill, Megadeth, Slayer e muitas outras acabariam por moldar o estilo com álbuns que se tornaram verdadeiros pilares de sustentação para o Thrash. Enquanto isso, é bom ressaltar que na Alemanha acontecia outro movimento paralelamente a este em que outras bandas como Destruction, Kreator, Sodom, Holy Moses, Tankard, etc que são tão importantes quanto as bandas nascidas nos EUA, também estavam lançando álbuns-chave e que com algumas características diferentes das bandas da Bay Area estavam constituindo uma outra escola, a Escola Alemã do estilo, também conhecida como "German Teutonic Thrash Metal". Bons anos se passaram e o Thrash ganhou corpo, se tornou um estilo forte e muitas bandas fizeram grande sucesso, algumas se tornando verdadeiras instituições para o Metal.

No começo dos anos 90 a coisa meio que "azedou". Com a explosão do Grunge e outros estilos e o fato de que muitos Ícones máximos do Thrash resolveram mudar completamente sua sonoridade, bandas importantes acabaram se dissolvendo e as poucas que se mantiveram fiéis foram testemunhas de uma mídia que já possuía outro foco. As bandas de Thrash não repetiriam o sucesso avassalador dos anos 80 fazendo com que alguns desavisados chegassem até a afirmar que o estilo estava morto e enterrado.

Mero engano! A década de 90 foi embora e com ela levou alguns estilos, porém não o Thrash, que retornou forte e revigorado capitaneado por Destruction e Kreator voltando a tocar o som característico que as consagrou em dois álbuns no mínimo magníficos ("The Antichrist" e "Violent Revolution"). Exodus , Testament , Overkill e outras mais que também resistiram aos 90's também lançaram ótimos trabalhos nesse período, marcando o renascimento de um subgênero que passou quase uma década, salvo raras exceções, sem ter muito do que se orgulhar.

Nesse ponto da história é que a coisa fica interessante pois depois dos gigantes voltarem com carga total, uma grande quantidade de excelentes bandas começou a aparecer e despontar em diversas partes do mundo. Prestando atenção aos lançamentos dos últimos anos o que se nota é uma infinidade de álbuns de grupos novos ou relativamente novos lançando trabalhos que sem dúvidas podem ser comparados a álbuns clássicos do estilo. Ao ouvir bandas como Havok, Suicidal Angels, Woslom, Vektor, Legion Of The Damned, Violator, Lost Society, Gamma Bomb, Hatriot, Crisix, Angelus Apatrida, Ultra Violence, Mortyr, Hatchet Jackdevil, Fueled By Fire entre muitas e muitas outras o que se percebe é que existe toda uma geração de bandas pra representar o estilo com qualidade por anos a fio.

Somado ao fato de que a nova safra é excelente ainda temos a favor do estilo as bandas pioneiras que estão quase todas em grande fase e lançando álbuns muito bons. Acrescentaria ainda mais um dado importante e que engrandece ainda mais a atual fase do Thrash Metal, algumas bandas clássicas que haviam encerrado as atividades ou estavam totalmente desfiguradas aos poucos estão voltando a ativa ou procurando reviver suas melhores formações, caso de Artillery, Onslaught, Anthrax, Death Angel, Dark Angel, Coroner etc...

Hoje, graças a todos esses fatores citados, o Thrash é um dos subgêneros mais representativos do Metal, possuindo fãs fieis, bandas no auge de suas carreiras e grandes trabalhos sendo lançados. Pra você que pensa que o estilo vive apenas do que faz o Big Four, conheça um pouco mais sobre cada uma das bandas mencionadas aqui e se surpreenda. Pra Finalizar, uma das mais marcantes frases do estilo dita por um certo Alemão: "THRASH 'TILL DEATH"!

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

MetallicaMetallica
"Hardwired..." vence prêmio no Billboard Music Awards

185 acessosMetallica: em vídeo, releituras incríveis de "Master of Puppets"1197 acessosTenho Mais Discos: oito gafes do mundo da música1356 acessosMetallica: vídeo mostra os bastidores da banda entrando no palco0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

Cliff BurtonCliff Burton
Ele herdou dos hippies os ideais, imagem e atitude

Robert TrujilloRobert Trujillo
Baixista admite que banda relaxou na composição

KornKorn
Veja Tye Trujillo agitando e tocando pra valer em São Paulo

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 01 de maio de 2014
Post de 02 de maio de 2014

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"0 acessosTodas as matérias sobre "Megadeth"0 acessosTodas as matérias sobre "Slayer"0 acessosTodas as matérias sobre "Destruction"0 acessosTodas as matérias sobre "Kreator"

MetalMetal
As oito maiores tretas entre músicos do gênero

Sammy HagarSammy Hagar
"Vai tomar no seu cu, Eddie! Seu mentiroso!"

FaturamentoFaturamento
Quanto Judas, Aerosmith, Slash fazem por show?

5000 acessosPain Of Salvation: Daniel Gildenlöw fala sobre os Mamonas Assassinas5000 acessosLed Zeppelin e o Mud Shark5000 acessosSeparados no nascimento: Dave Mustaine e um Cocker Spaniel5000 acessosBroderick: ex-Megadeth explica porque prefere tocar com 7 cordas5000 acessosVan Halen: "Deveriam ter mudado nome quando Sammy entrou!"5000 acessosTempo implacável: os rockstars também envelhecem parte 1

Sobre Fabio Reis

Paulista, 32 anos, Editor do Blog Mundo Metal, fã de Rock Clássico e Diversos subgêneros do Metal. Banda favorita: Megadeth. Conheceu o Rock ainda quando criança por intermédio dos pais (amantes de Beatles) e com 11 anos já ia na galeria do Rock comprar seus primeiros LP's, desde sempre fez do Metal seu estilo de vida e até os dias de hoje essa paixão pela música só aumenta.

Mais matérias de Fabio Reis no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online