Dave Evans: terceiro álbum solo do vocalista original do AC/DC

Resenha - Judgement Day - Dave Evans

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Para quem ainda não conhece Dave Evans, o cara foi o vocalista original do AC/DC, entre os anos de 1973 e 1974, tendo gravado com a banda “Can I Sit Next to You Girl / Rockin in the Parlou”, tendo, posteriormente, sido expulso da banda pelos demais membros, que resolveram chamar Bom Scott para seu lugar, e o resto é história. Mas, deixando isso de lado, Dave atualmente tem uma carreira solo bem interessante, e agora esse seu terceiro álbum chega ao mercado nacional, via Hellion Records.
Dinheiro: Os 10 Guitarristas Mais Ricos do Mundo - Pt 1Mick Wall: "O Black Sabbath não inventou nada, não é pai de nada"

Lançado originalmente em 2008, o disco tem uma pegada bem heavy/hard, com instrumental pesado, e melodias pegajosas. Além disso, Dave é um grande vocalista, com um timbre agressivo e sujo, e que em muitos momentos lembra Mark Tornillo, atual vocalista do ACCEPT. E lembrando que, na época de lançamento do disco, o cara já tinha 53 anos de idade (hoje já completou 60).

A faixa título, por exemplo, tem uma levada contagiante, cheia de groove, e um daqueles refrãos que te fazem ficar cantando por dias. Outros momentos marcantes ficam para “We Don´t Dance To Your Song”, que lembra muito a banda original de Dave, com guitarras afiadíssimas, e vocais rasgados; “Ain’t Gonna Do You To Me Anymore”, um blues rock cheio de malícia; e “On Sight”, a mais pesada e arrastada do disco, que chega até a lembrar algo de BLACK SABBATH, na fase Dio.

Acompanham Dave no álbum os guitarristas Mark Tinson e Ngariki, o baterista Steve McLennan, e o baixista Craig Foster.

Palmas para a Hellion Records por trazer um trabalho tão diferenciado para os headbangers brasileiros!

Judgement Day – Dave Evans
(2013 – Hellion Records - Nacional )

1. We Don t Dance To Your Song
2. Little Headbanger
3. Another Boy On The Street
4. You Takin To Me
5. Ain t Gonna Do You To Me Anymore
6. Band Molls
7. On Sight
8. Helluua Night
9. Judgement Day
10. House Of The Rising Sun

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

AC/DC
Promotores de show são multados e motivo passa por Axl

Dinheiro: Os 10 Guitarristas Mais Ricos do Mundo - Pt 1AC/DC: Brian Johnson na capa da Classic Rock MagazineTodas as matérias e notícias sobre "AC/DC"

AC/DC
Vocalista original teria voltado se pagassem bem

Ultimate Classic Rock
Quem pode substituir Brian Johnson no AC/DC?

Time Magazine
Os 100 maiores álbuns de todos os tempos

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Dave Evans"Todas as matérias sobre "AC/DC"

Mick Wall
"O Black Sabbath não inventou nada, não é pai de nada"

Paulo Sergio
Alguém explica o nome desta banda polonesa?

Metallica
O insistente uso do "Yeah!" por James Hetfield

Sepultura: um vocalista como Max é quase impossível de achar, diz AndreasSoulfly: Max relembra seu momento mais surreal ao vivoMetal Hammer: dez "estranhas" colaborações no metalGuns N' Roses: ninguém diz a Axl Rose o que fazer, explica ex-empresárioDave Grohl: culpa não é da pirataria, é da falta de talentoRolling Stones: banda paga R$128 de cachê a backing vocals

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online