Resenha - Dum Spiro Spero - Dir En Grey

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Resenha - Dum Spiro Spero - Dir En Grey


  | Comentários:

Para o ouvido destreinado, o DIR EN GREY contemporâneo pode parecer apenas uma banda de metal extremo que faz músicas cheias de gritos e riffs pesadíssimos de guitarra. Contudo, um pouco de atenção ao ouvir o som do grupo logo desconstrói esta imagem falha. O DIR EN GREY é sim uma banda pesada, o vocalista KYO de fato grita bastante, mas mesmo assim, a primeira palavra que vem à cabeça ao se ouvir os dois últimos álbuns deles (este e o Uroboros) é "maturidade". O antepenúltimo álbum, The Marrow of a Bone, também era pesado, mas nem tão maduro quando seus sucessores. E o que vem a ser um som "maduro"? É só ouvir Dum Spiro Spero ("Enquanto respiro, eu espero" em latim) para descobrir, embora seja preciso conhecer a discografia da banda para absorver e compreender a evolução musical pela qual eles passaram.

Nota: 9

O texto representa a opinião do autor, não do Whiplash.Net ou de seus editores.

Imagem
Seguindo a fórmula do álbum anterior, o disco abre com uma faixa instrumental (se não considerarmos as exclamações ouvidas ao fundo) e curta, "Kyoukotsu No Nari", seguida pela misteriosa "The Blossoming Beelzebub". Lenta, sombria e marcada por toques de órgão e gritos agoniados de KYO, é um prelúdio do que está por vir. O single "Different Sense" vem em terceiro, e é uma amostra da combinação vocais limpos + gritos agudos que KYO vem utilizando para caracterizar o som da banda.

""Yokusou Ni Dreambox" Aruiwa Seijuku No Rinen To Tsumetai Ame" e "Juuyoku" combinam todos os elementos das faixas anteriores com mais velocidade. É aí que Dum Spiro Spero começa a mostrar mais energia. "Shitataru Mourou" e o single "Lotus" desaceleraram um pouco o ritmo e preparam o terreno para "Diabolos", a mais longa do álbum, e certamente uma das melhores, tão boa que pode até competir com a também longa "Vinushka", do Uroboros.

"Akatsuki" é um respiro separando "Diabolos" da rápida "Decayed Crow", marcada por sons peculiares, meio eletrônicos, das guitarras de KAORU e DIE. E quando tudo indica que o álbum será todo gritos e riffs agressivos, eis que aparece "Vanitas", que pode ser considerada uma balada perto das outras faixas. KYO canta com uma emoção que chega a arrepiar. Para fechar a obra, "Ruten No Tou", que não traz nada de muito especial, mas termina com eficiência um dos melhores discos que a banda já fez.

Há ainda duas faixas bônus: uma regravação de "Rasetsukoku", lançada em 2000 no álbum Macabre; e uma versão sinfônica de "Amon", que adiciona elementos orquestrais à faixa. Ambas valem muito a pena serem ouvidas.

Se alguém tinha dúvidas quanto ao DIR EN GREY conseguir ou não fazer algo próximo do Uroboros, a resposta está aí, e é definitivamente sim, eles podem. Cada um dos membros se superou: KYO está cantando (e berrando) mais do que nunca. KAORU, DIE e o baixista TOSHIYA estão mais criativos do que nunca. O baterista SHINYA está mais técnico do que nunca. A banda está melhor do que nunca. É preciso ouvir algumas faixas mais de uma vez para absorver toda a musicalidade trazida pelo quinteto.

Abaixo, a faixa "Decayed Crow", uma das melhores do álbum.

Track-list:
1 - "Kyoukotsu No Nari" - 1:58
2 - "The Blossoming Beelzebub" - 7:35
3 - "Different Sense" - 5:03
4 - "Amon" - 4:03
5 - ""Yokusou Ni Dreambox" Aruiwa Seijuku No Rinen To Tsumetai Ame" - 4:49
6 - "Juuyoku" - 3:28
7 - "Shitataru Mourou" - 4:02
8 - "Lotus" - 4:03
9 - "Diabolos" - 9:51
10 - "Akatsuki" - 3:33
11 - "Decayed Crow" - 3:48
12 - "Hageshisa to, Kono Mune no Naka de Karamitsuita Shakunetsu no Yami" (remastered version track) - 4:03
13 - "Vanitas" - 5:27
14 - "Ruten No Tou" - 4:27
15 - "Rasetsukoku" (bonus track) - 4:37
16 - "Amon (Symphonic Ver., bonus track)" - 4:58

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs
Todas as matérias sobre "Dir En Grey"

Dir En Grey: divulgado vídeo com novidades para 2014
Dir En Grey: anunciado novo documentário sobre a banda
Dir en grey: divulgado clipe de projeto solo do vocalista
Dir en grey: reveladas as faixas de "The Unraveling"
Dir En Grey: os vídeos censurados do grupo japonês
Dir En Grey: serviço completo do show em São Bernardo
Dir En Grey: sessão de autógrafos exclusiva
Dir En Grey: a verdade sobre o acidente nuclear no Japão
Dir En Grey: Consolidação da maturidade musical do grupo
Dir En Grey e 10 Years: detalhes sobre show em São Paulo
Dir En Grey: show em São Paulo no dia 27 de novembro
Dir En Grey: banda lançará "Dum Spiro Spero" em agosto
Dir en grey: ouça uma prévia de novo single da banda
Dir En Grey: participação na trilha sonora do Jogos Mortais
Dir En Grey: vídeo do vocalista cantando com o Apocalyptica

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Victor de Andrade Lopes

Victor de Andrade Lopes é paulistano e morador da Granja Viana em Carapicuíba, São Paulo. Formado em Jornalismo pela PUC-SP, tem um blog de resenhas musicais e outros assuntos chamado Sinfonia de Ideias. É voluntário do Movimento Wikimedia Brasil e passa as horas livres editando as Wikipédias em inglês e português. Apaixonado por livros, ciências, cinema, viagens, ufologia, e, é claro, música, que entra em seus ouvidos na forma de rock, metal, pop, dance, folk, erudito, ou todos juntos. Além de ouvir, também toca e compõe com o piano ou teclado.

Mais matérias de Victor de Andrade Lopes no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas